• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Luiz Philipe Molina Vana
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Alonso, Nivaldo (Presidente)
Schiozer, Wandir Antonio
Caldini, Elia Tamaso Espin Garcia
Farina Junior, Jayme Adriano
Isaac, Cesar
Título em português
Estudo comparativo de matrizes dérmicas de colágeno bovino com e sem lâmina de silicone no tratamento da contratura cicatricial pós-queimadura - Análise clínica e histológica
Palavras-chave em português
Pele artificial
Queimadura/sequela
Tratamento de ferimentos com pressão negativa
Resumo em português
O surgimento das matrizes de regeneração dérmica nas duas últimas décadas permitiu um grande avanço no tratamento tanto das queimaduras agudas como das sequelas. No entanto, ainda há carência de informações sobre a relação entre os resultados clínicos e o que ocorre no tecido com cada tipo de matriz. O objetivo deste estudo foi avaliar prospectivamente os aspectos clínicos quanto à qualidade de pele, escala de Vancouver e POSAS, função e retração da área tratada e os aspectos histológicos na microscopia de luz e eletrônica, com o uso de duas matrizes de regeneração dérmica, ambas de colágeno bovino, uma de duas camadas, recoberta com lâmina de silicone e outra sem. Vinte e quatro pacientes, sorteados 12 em cada grupo, tiveram suas retrações cicatriciais secundárias à queimaduras tratadas em duas cirurgias, a primeira de liberação da retração e colocação da matriz e a segunda, colocação do auto enxerto de pele; em ambas as cirurgias foi utilizado o curativo de pressão negativa. As avaliações da escala de Vancouver e medidas da retração da área foram realizadas no pré-operatório, 1, 3, 6 e 12 meses e a escala de POSAS e avaliação funcional no pré-operatório e aos 12 meses. As biópsias foram colhidas no pré-operatório, no dia da colocação do enxerto de pele, 12 dias, 2, 6 e 12 meses após o enxerto. A avaliação clínica mostrou retração de todas as áreas tratadas, melhora da qualidade da pele e funcional em todos os pacientes. A matriz com silicone, mostrou superioridade dos resultados quanto a qualidade da pele, função e menor retração da área tratada. A análise histológica mostrou o crescimento de tecido conjuntivo denso idêntico ao tecido cicatricial original, sem diferenças entre as matrizes e que não se assemelha à derme normal. Também não foi observada diferença no diâmetro das fibrilas de colágeno do tecido neoformado, a pele normal e a cicatriz
Título em inglês
Comparative study of dermal regeneration template made by bovine collagen with and without silicone layer in the treatment of post-burn contracture: clinical and histological analysis
Palavras-chave em inglês
Artificial skin
Dermal regeneration template
Negative-pressure wound therapy
Resumo em inglês
The advent of dermal regenerate templates has fostered major advances in the treatment of acute burns and their sequelae, in the last two decades. Both data on morphological aspects of the newly-formed tissue, and clinical trials comparing different templates, are still lacking. The goal of this study was to prospectively analyze the outcome of patients treated with two of the existing templates, followed by thin skin autograft. They are both made of bovine collagen, one includes a superficial silicone layer. Surgery was performed on patients with impaired mobility resulting from burn sequelae (n = 12 per template). Negative pressure therapy was applied post-surgically; patients were monitored for 12 months. Data on scar skin quality (Vancouver and POSAS evaluation scales), rate of joint mobility recovery, and graft contraction were recorded; as well as morphological analyses at light microscopical and ultrastructural levels. Improvement in mobility and skin quality were demonstrated along with graft contraction, in all patients. The silicone-coupled template showed the best performance in all aspects. There was sub epidermal growth of dense connective tissue, indistinguishable from the original scars in both templates. The formation of tissue resembling normal dermis was not detected in any of the cases. Likewise, the ultrastructural analysis showed the same architecture of the connective tissue among the template scars and the original scar. No difference was detected when the collagen fibril diameters of the normal skin and of the scars (original and of the two templates) were compared
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-11-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.