• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2012.tde-26112012-111712
Documento
Autor
Nome completo
Elis Regina Feitosa do Vale
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Santos, Marcos Ferreira dos (Presidente)
Dias, Romualdo
Oliveira, Kiusam Regina de
Título em português
Capoeranças em verso e prosa: imagens da força matrial afro-ameríndia em literaturas da capoeira angola
Palavras-chave em português
Afro-ameríndia
Capoeira
Educação
Matrial
Resumo em português
Esta pesquisa de mestrado se dedica a dialogar com conhecimentos ancestrais da Capoeira Angola, a fim de tramar suas contribuições para o campo da educação escolar. E assim, contribuir ao processo de implementação das leis 10.693/03 e 11.645/08, especialmente ao que se referem aos recursos didáticos que compreendam saberes de matrizes africana, indígena e afro-brasileira. Trata-se dum estudo de algumas imagens literárias da Mãe-Capoeira em verso e prosa, orais e escritas, e em desenho. Utilizando-se de uma linguagem espiral que mescla o vigor da tradição e o rigor da dissertação acadêmica, os materiais da pesquisa entraram em diálogo com a perspectiva mitohermenêutica de uma educação de sensibilidade; com produções orais e escritas sobre as singularidades das cosmovisões africana, ameríndia e afro-brasileira; e com algumas produções, orais e escritas, do feminismo negro. Neste diálogo, flertamos com imagens dos modos matriais afro-ameríndios de fazer-saber e en-sinar num jogo tenso com os modos patriarcais branco-ocidentais da escolarização. Nesse sentido, flertamos com imagens literárias da Mãe-Capoeira e da família-capoeira. E então, com imagens das partilhas iniciáticas e das ligas vitais Capoeira-mestre-discípula/o e pessoa-família extensa. Isto porque desejamos favorecer no prosseguimento da construção de uma noção afro-ameríndia de pessoa-comunal, de conhecimento como força vital, de força-alma-palavra e de educação circular. De modo a tramarmos reinvenções antirracistas, antimachistas e não adultocêntricas nas formas e matérias das práticas escolares e acadêmicas de educação.
Título em inglês
Capoeranças at verse and prose: imagery of force matrial afro-ameridian in literature of capoeira angola
Palavras-chave em inglês
Afro-ameridian
Capoeira
Education
Matrial
Resumo em inglês
This master study is dedicated to dialogue with the ancestral knowledge of Capoeira Angola, in order to plot their contributions to education field. And thus, contribute to the implementation process of law 10.693/03 and 11.645/08, especially as it relates to teaching resources comprising knowledge african, ameríndians and afro-brazilian matrices. It's a study of some literary images of Mãe Capoeira in verse and prose, written and oral, and drawing. Using a language that combines the spiral vigour of tradition and rigor of academic dissertation, research materials went into dialogue with the mitohermenêutica perspective of an sensitivity education, with oral and written productions about the african, amerindian and afro-brazilian worldviews singularities; and with some black feminism productions, written and oral. In this dialogue, flirt with afro-amerindian matrials images ways of making-knowledge and lead-up-to-lot in a tense game with the white-western patriarchal modes of schooling. In this sense, we flirt with literary images of the Mãe-Capoeira and family-capoeira. And then, with images of initiation shares and vital alloys Capoeira-master-disciple and person-family-extended. This is because we want to encourage the continuation construction of an afro-amerindian-communal-person notion, knowledge as a vital force, word-soul-force and circular education. In order to ploting anti-racist, antimachists and not adultcentrics reinventions in the forms and materials of school practices and academic education.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
corpo.pdf (32.47 Mbytes)
pre.pdf (711.04 Kbytes)
Data de Publicação
2012-12-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.