• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2009.tde-24092009-150621
Documento
Autor
Nome completo
Mariana Guelero do Valle
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Kawasaki, Clarice Sumi (Presidente)
Motokane, Marcelo Tadeu
Trivelato, Silvia Luzia Frateschi
Título em português
A argumentação na produção escrita de professores de Ciências: implicações para o ensino de Genética
Palavras-chave em português
argumentação
ensino de Ciências
ensino de Genética
linguagem
Resumo em português
A argumentação corresponde a um aspecto importante do ensino de ciências devido ao fato de estar relacionada não somente ao aprendizado de conteúdos específicos da Ciência como também ao modo pelo qual se produz Ciência. Nesta pesquisa identificamos e analisamos os elementos que compõem a argumentação do texto escrito, discutimos como é o uso da informação científica nesses registros, bem como as características do conhecimento genético na produção de textos escritos argumentativos. Em uma primeira etapa da pesquisa foram analisados os registros escritos elaborados por 16 sujeitos em diferentes estágios de escolarização ao responderem 7 tipos diferentes de problemas de genética. Em uma segunda etapa da pesquisa, foram investigados 25 sujeitos que correspondem a alunos do curso de pedagogia da Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto - Universidade de São Paulo, os quais elaboraram registros escritos a partir de um problema pré-selecionado dos 7 anteriormente apresentados. A questão apresentada propõe levantar o problema de haver ou não possibilidade de alteração do material genético a partir da ingestão de alimentos. Para a análise e identificação da produção escrita, se utilizou o padrão de argumento desenvolvido por Toulmin (2001). Na segunda etapa foi feita também uma primeira análise das respostas a partir da identificação das premissas e conclusões, que corresponderiam a fatos ou princípios que serviriam de base a um encadeamento de idéias. A partir da identificação das premissas e conclusões e da análise a partir do padrão de Toulmin, foram estabelecidas categorias as quais nos auxiliaram a compreender com profundidade aspectos relacionados não somente com a estrutura da argumentação, mas também como é o uso da informação científica, bem como a forma com que são empregados os conceitos de genética nesses registros. Consideramos que o padrão de argumento de Toulmin (2001) é uma ferramenta importante para a análise de textos argumentativos de genética. Além de mostrar o papel das evidências na elaboração de explicações causais, também possibilita a caracterização de sua fundamentação teórica. Entretanto, a utilização do padrão de Toulmin apresenta limitações como a não consideração do contexto da produção. Nessa perspectiva a identificação de premissas e conclusão facilitou tal exercício, pois evidenciou o encadeamento de idéias. Acreditamos que a Genética possibilite problematizações a partir de questões do cotidiano, bem como a elaboração argumentações. Foi encontrado um grande número de justificativas as quais se relacionavam ao conhecimento genético e, portanto podem ser consideradas adequadas em relação ao objetivo da problematização proposta. Isso demonstra que ao reconhecer o campo, mesmo não o conhecendo em profundidade, os sujeitos em sua maioria, foram capazes de elaborar argumentos com qualidade. Expressar conceitos de genética por meio de textos argumentativos deve ser uma tarefa a ser ensinada para os professores de ciências e biologia. Deste modo, estes podem ensinar aos seus alunos como utilizar o conhecimento biológico de maneira efetiva e eficiente com o objetivo de formar cidadãos capazes de discutir questões fundamentais sobre Ciência na sociedade.
Título em inglês
The argumentative structure of Science teachers written production: implications for Genetics teaching
Palavras-chave em inglês
argumentative structure
Genetics teaching
language
Science teaching
Resumo em inglês
Argumentative structure is a main feature in science teaching since it is both related to the process of learning specific content as well as to the means by which scientific knowledge is developed. This research identifies and analyses the elements presented in written texts reasoning, discussing how scientific information is elaborated and what are the central characteristics of genetic knowledge portrayed in these texts. The research was held on two stages. In the first one, the texts analysed belonged to 16 people of different education levels. These texts were the written answers to seven different types of genetic problems. In the second stage, the investigation turned to 25 undergraduate students of Pedagogy at The University of São Paulo, in Ribeirão Preto (USP, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto). These students gave written answers to one question that was pre-selected out of the seven proposed in the first stage. This question raised the issue of whether there is the possibility of genetic material alteration through food ingestion. The argumentative pattern developed by Toulmin (2001) was applied in order to analyze and identify the written production. In the second stage, a previous analyze of the answers was made by identifying the premises and the conclusions which relate to supporting facts or principles of a chain of ideas. This identification combined to the analyze by Toulmins pattern allowed the establishment of categories under which it is possible to deeply understand not only argumentative structure aspects but also the uses of scientific information and genetic concepts in these texts. Toulmins argument pattern (2001) is an important tool to analyze reasoning texts of genetics. In addition to showing the function of evidences in the development of causal explanations, his pattern also allows the categorization of theory grounding. However, there are some limitations when applying Toulmins pattern, such as not taking into account the context of the production. In this sense, the previous identification of premises and conclusions helped considering the context of production because it brought into light the chain of ideas. The notion proposed here is that genetics problematizes everyday issues as well as the elaboration of arguments. A great number of justifications presented were related to genetics knowledge. Therefore, they can be considered adequate to the problematization proposed. This shows that by recognizing the field of knowledge, the majority of people was able to produce quality arguments, even not knowing the subject in depth. Genetics have complex subjects that should be mastered by science teachers when expressing it through argumentative written texts. In this sense, teachers should be able to teach their students how to use biological knowledge in an effective and efficient way aiming at the development of citizens able to discuss fundamental scientific issues in society.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2009-12-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.