• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2003.tde-19122012-143551
Documento
Autor
Nome completo
Renato de Sousa Porto Gilioli
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Porto, Maria do Rosario Silveira (Presidente)
Ikeda, Alberto Tsuyoshi
Teixeira, Maria Cecilia Sanchez
Título em português
Civilizando pela música: a pedagogia do canto orfeônico na escola paulista da Primeira República (1910-1930)
Palavras-chave em português
Canto orfeônico
Educação musical
História da educação
Identidade nacional
Metodologias de ensino
Música erudita
Organizações culturais
Primeira República
Resumo em português
Esta pesquisa estuda o projeto de canto orfeônico nas escolas públicas paulistas das décadas de 1910 e 1920. Nesta época, os mentores do movimento orfeônico João Gomes Junior, Carlos Alberto Gomes Cardim, Fabiano Lozano, Lázaro Lozano, Honorato Faustino e João Baptista Julião foram pioneiros em trazer essa modalidade de ensino musical para a escola brasileira. Ainda assim, muitos deles foram em grande medida esquecidos ou, ao menos, colocados num segundo plano na história da educação musical. Este projeto de ensino musical buscava civilizar os costumes, favorecer a construção de uma identidade nacional e ensinar uma audição de mundo associada aos padrões da música ocidental moderna erudita. O período abordado é de notável importância para o ensino musical, uma vez que as experiências e postulados aí desenvolvidos representaram a fonte de Villa-Lobos para fazer do canto orfeônico um fenômeno de dimensão nacional no Brasil na década de 1930.
Título em inglês
"Civilizing" through music: Orpheonic Singing teaching in São Paulo State schools in the First Brazilian Republic (1910-1930).
Palavras-chave em inglês
Cultural organizations
Erudite music
First Brazilian Republic
History of education
Musical teaching
National identity
Orpheonic Singing
Teaching methodologies
Resumo em inglês
This research studies the Orpheonic Singing project in public schools of São Paulo State in the 1910s and 1920s. At that time, the men who idealized such initiative João Gomes Junior, Carlos Alberto Gomes Cardim, Fabiano Lozano, Lázaro Lozano, Honorato Faustino e João Baptista Julião were pioneers in bringing to Brazilian schools this kind of musical teaching. Despite of that, many of them have been largely forgotten or, at least, have had their role minimized in Brazilian history of music education. This project intended to civilize social customs, with the objective of building national identity, and to teach a point of earring tied to the standards of western erudite music tradition. Musical teaching experiences and axioms of the 1910s and 1920s decades were especially important for they were the main source used by Villa-Lobos to become Orpheonic Singing a national phenomenon in the 1930s in Brazil.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
renato.pdf (7.00 Mbytes)
Data de Publicação
2013-02-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.