• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.48.2007.tde-19042007-160656
Documento
Autor
Nome completo
Anna Rita Sartore
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Belintane, Claudemir (Presidente)
Bicalho, Helena Maria Sampaio
Lajonquiere, Leandro de
Mrech, Leny Magalhaes
Vorcaro, Angela Maria Resende
Título em português
Escrita e angústia: investigação, sob perspectiva psicanalítica, do impedimento de escritura como fenômeno da ordem do sujeito do inconsciente.
Palavras-chave em português
1. Educação 2. Escrita 3. Psicanálise 4. Literatura
Resumo em português
Por constatar-se uma severa dificuldade na produção textual por parte de futuros alfabetizadores, graduandos em Pedagogia, buscou-se balizas na psicanálise, sobretudo nos estudos da Angústia empreendidos por Freud e Lacan, que permitissem desenvolver uma pesquisa a respeito do que gera tal dificuldade e que guiassem uma análise teórica sobre o envolvimento subjetivo que resulta na marca diferencial entre determinados tipos de escrita. Sustenta-se a hipótese de que há um receio por parte do sujeito em desvelar-se através do suporte (escrita textual) e que a inibição decorra disto. Questionou-se também se determinados textos, que sugerem ausência do sujeito, são resultado de uma leitura assídua que, ao invés de gerar escrita sublimatória, funciona apenas para importar discurso alheio, poupando as próprias formas de o sujeito ver o mundo e as diferenças sexuais. Discutiu-se o formato operacional vigente no trabalho com a literatura, dentro das instituições escolares, e a possibilidade de uma aproximação com as obras consagradas que trafegue por uma via diversa daquela cognitiva. Propôs-se que uma abordagem que autorize o subjetivo, resulta numa particular transferência e sublimação de forma que a leitura se configura em autoria podendo fazer, por acréscimo, efeito de relançamento na escritura.
Título em inglês
Writing and anguish: investigation, based on the psychoanalysis concepts, about the difficulty in the literal production like a unconscious phenomenon
Palavras-chave em inglês
1. Education 2. Writing 3. Psychoanalysis 4. Literature
Resumo em inglês
For evidencing a severe difficulty in the literal production by the future teacher of children, graduated in Pedagogy, searched beacons in the psychoanalysis, over all in the studies of the Anguish undertaken by Freud and Lacan, that allowed to develop a research regarding what it generates such difficulty and that they guided a theoretical analysis on the subjective envolvement that results in the distinguishing mark between determined types of writing. It is supported hypothesis of that has a distrust on the part of the subject in reveal itself through the support (written literal) and that the inhibition elapses of this. It was also questioned if definitive texts, that suggest absence of the subject, are resulted of a frequent reading that, instead of generating sublimation written, it only functions to import other people's speech, saving the proper forms of the subject to see the world and the sexual differences. The effective operational format in the work with literature was discussed, inside of the school institutions, and the possibility of an approach with the consecrated workmanships that passes through a diverse way of that cognitive. It was considered that a boarding that authorizes the subjective, results in a particular transference and subliming so that the reading configures itself in authorship being able to make, for addition, effect of relaunching in the writing.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
TeseAnaRitaSartore.pdf (955.55 Kbytes)
Data de Publicação
2007-04-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.