• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2011.tde-15062011-124446
Documento
Autor
Nome completo
Wagner Dias dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Riolfi, Claudia Rosa (Presidente)
Gregorin Filho, Jose Nicolau
Rezende, Neide Luzia de
Título em português
A escrita e o afeto: o impulso de João Guimarães Rosa em seu Corpo de Baile
Palavras-chave em português
afeto
criação
escrita
linguagem
sublimação
Resumo em português
Este trabalho faz referências às relações entre o afeto e a escrita, tomando como modelo o impulso criativo de João Guimarães Rosa, um dos grandes autores da literatura brasileira. Parto do pressuposto que o escritor de Corpo de baile (1956) se expõe deliberadamente aos afetos como fonte de conhecimento, forma de criação e de sustentação de sua arte. Assim, destaco de sua produção textual algumas anotações de viagem (manuscritos), cartas e intenções que antecedem a obra literária. Das publicações, são analisadas duas novelas de Corpo de baile: O recado do morro e Uma estória de amor. Sirvo-me dos conceitos de pulsão, sublimação, cadeia significante e transliteração, ligados à psicanálise freudo-lacaniana, para evidenciar que Guimarães Rosa constrói um particular diálogo com os estímulos do mundo. Pretendo argumentar a favor de uma hipótese segundo a qual a escrita deste autor vem de seu corpo, conforme as marcas ou os cortes que incidiram em sua vida, mas, sobretudo, pela sua peculiar disposição em se deixar inscrever pela linguagem a partir dos afetos. Neste trabalho fica a intenção de responder à seguinte pergunta de pesquisa: como João Guimarães Rosa organiza o percurso de criação de duas de suas novelas de Corpo de baile, visando a ser afetado pelas experiências vividas ao longo do período de preparação dos originais de forma a, no momento da escrita, transmudá-las para a ficção? Deste modo, ressalto nesta dissertação os seguintes objetivos específicos: a) a descrição de alguns recursos utilizados por João Guimarães Rosa, quando ele organiza seu percurso de escrita; b) o uso de uma teoria que considere a pulsão e o afeto como molas propulsoras para a invenção de um processo de criação. Trata-se, portanto, de apontar para o modo singular de um autor se deixar inscrever pela linguagem, situandose num posicionamento metódico e paciente na apreensão da palavra, da poética.
Título em inglês
The writing and the affect: the inventive impulse of João Guimarães Rosa in his Corpo de Baile.
Palavras-chave em inglês
affect
creation
language
sublimation
writing
Resumo em inglês
This work makes references to the relationship between affect and writing, taking as model the creative impulse of João Guimarães Rosa, one of the great authors of the Brazilian literature. I assume that the writer of Corpo de baile (1956) deliberately exposes himself to the affects as a source of knowledge, form of creation and support for his art. Thus, I highlight from his textual production some (handwritten) trip notes, letters and intentions prior to the literary work. From publications, have been considered two novels from Corpo de baile: "O recado do morro" and "Uma história de amor". I make use of instinctual drive, sublimation, significant chain and transliteration concepts, linked to Freudian-Lacanian psychoanalysis, to show that Guimarães Rosa builds a dialogue with private worlds stimuli. I intend to argue for a hypothesis that this authors writing comes from his body, according to imprints or cuts that happened to his life, but especially by its peculiar readiness to inscribe himself to language as from the affects. In this work it is intended to respond to the following research questionings: How João Guimarães Rosa organizes the creating route of his two novels from Corpo de baile, aiming to be affected by experiences lived through the period of documents preparation in order to, at the time of writing, to transmute them into fiction? Thus, I emphasize in this thesis the following specific objectives: a) a description of some resources used by Joao Guimarães Rosa, when he organizes his writing route, b) the use of a theory that considers the instinctual drive and affect as driving forces for inventing a process of creation. It is, therefore, to point out the unique way an author let to be inscribed by language, standing in a methodical and patient positioning in the seizure of the word and poetry.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
WAGNER_DIAS_DOS_SANTOS.pdf (1,015.00 Kbytes)
Data de Publicação
2011-06-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.