• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2018.tde-15022018-103250
Documento
Autor
Nome completo
Márcia Cristina Urze Risette
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Castellar, Sonia Maria Vanzella (Presidente)
Juliasz, Paula Cristiane Strina
Martija, Andoni Arenas
Título em português
Pensamento espacial e raciocínio geográfico: uma proposta de indicadores para a alfabetização científica na educação geográfica
Palavras-chave em português
Alfabetização cartográfica
Alfabetização científica
Educação geográfica
Geografia
Pensamento espacial
Raciocínio geográfico
Resumo em português
Nesta dissertação discorremos sobre o processo de aprendizagem da Geografia. A construção dessa pesquisa se deu a partir da elaboração de atividades organizadas em Sequência Didática, a qual abordava o lugar de vivência dos alunos, apreendido como contexto para o ensino das habilidades cartográficas e dos conceitos geográficos como urbanização, densidade demográfica e infraestrutura urbana. O objetivo desse trabalho foi a proposição de Indicadores da Alfabetização Científica para a Educação Geográfica, elaborando um sistema de avaliação do processo de ensino e de aprendizagem em Geografia. Para tanto, realizamos aproximações teóricas entre Pensamento Espacial, Alfabetização Cartográfica, Raciocínio Geográfico e Alfabetização Científica. O cerne do diálogo entre essas propostas está na preocupação em definir os conceitos e as habilidades que devem ser ensinadas em Geografia. Foi a partir dessa construção que elaboramos os indicadores e os testamos nas atividades da Sequência Didática. A metodologia em que nos baseamos foi a investigação qualitativa e interpretativa, pois, consideramos a ação dos alunos sobre o próprio meio e valorizamos as relações deles com o entorno escolar. Trazer o Lugar de vivência como uma abordagem conceitual e científica para a sala de aula foi uma forma de movimentar o raciocínio dos alunos a respeito das interpretações deles sobre o Lugar onde moram, as características das moradias, as infraestruturas e os serviços urbanos que os cercam. Portanto, a abordagem desenvolvida visou promover a aprendizagem significativa, valorizando de fato a compreensão dos fenômenos e a apreensão das habilidades e das teorias geográficas. Os dados gerados nos possibilitaram verificar os efeitos da pesquisa-ação, avaliar os resultados sobre a aprendizagem dos educandos e realizar reflexões sobre as atividades elaboradas. Essa análise foi estabelecida de acordo com os Indicadores para a Alfabetização Científica na Educação Geográfica (ACEG), possibilitando refletir sobre essa forma de averiguação e considerar a viabilidade do processo de ensinoaprendizagem a partir das teorias de ensino alicerçadas na Alfabetização Científica e Cartográfica e no Pensamento Espacial sob a perspectiva didática do Lugar como contexto.
Título em inglês
Spatial thinking and geographical reasoning: a proposal of indicators for scientific literacy in geographical education
Palavras-chave em inglês
Cartographic literacy
Geographic education
Geographical reasoning
Geography
Scientific literacy
Space thinking
Resumo em inglês
In this dissertation thesis we discuss the process of learning Geography. The construction of this research was based on activities elaboration organized in Didactic Sequence, which approached the students' living place, understood as context for the teaching of cartographic skills and geographic concepts such as urbanization, demographic density and urban infrastructure. The aim of this work was the proposal of Scientific Literacy Indicators for Geographical Education, elaborating an evaluation system of teaching and learning process in Geography. For that, we perform theoretical approaches between Spatial Thinking, Cartographic Literacy, Geographical Reasoning and Scientific Literacy. The heart of the dialogue between these proposals is the concern to define the concepts and skills that must be taught in Geography. It was from this construction that we elaborated the indicators and tested them on the activities of the Didactic Sequence. The methodology we used was the qualitative and interpretative research, therefore we consider the students' action on the environment and enhance their relationships with the around school. Bringing the living Place as a conceptual and scientific approach to the classroom was a way of moving students' reasoning about their interpretations of the Place where they live, the characteristics of the dwelling, the infrastructure and the urban services that surround them. Therefore, the approach developed was aimed at promoting meaningful learning, valuing the understanding of phenomena and the apprehension of skills and geographical theories. The data generated allowed us to verify the effects of the action-research, to evaluate the results about the students' apprenticeship and to make reflections on the activities elaborated. This analysis was established according to the Indicators of Scientific Literacy for Geographic Education, enabling to ponder on this form of inquiry and to consider the viability of the teaching-learning process from teaching theories based on Scientific and Cartographic Literacy and Spatial Thinking, out of the didactic perspective of the Place as context.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-02-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.