• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.48.2015.tde-14122015-153241
Documento
Autor
Nome completo
Fabiana Leite Rabello Mariano
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Kishimoto, Tizuko Morchida (Presidente)
Campos, Maria Machado Malta
Fiamenghi Junior, Geraldo Antonio
Freire, Ricardo José Dourado
Souza, Marilene Proenca Rebello de
Título em português
Música no berçário: formação de professores e a teoria da aprendizagem musical de Edwin Gordon
Palavras-chave em português
Bebês
Edwin Gordon
Formação de professores
Música
Música nos berçários
Musicalização infantil
Resumo em português
O presente estudo delineou-se dentro de uma abordagem qualitativa, caracterizando-se como estudo de caso participante. O tema nasceu da observação da carência de formação musical entre os profissionais que trabalham nos berçários, creches e Centros de Educação infantil. Teve por objetivo compreender os aspectos envolvidos no processo de formação musical do professor generalista que trabalha com bebês e crianças pequenas, a partir de um curso básico de música, elaborado dentro dos pressupostos da Teoria da Aprendizagem Musical de Edwin Gordon, por entender que esta teoria apresenta informações e traz orientações claras quanto o desenvolvimento musical da criança, facilitando a organização de possíveis propostas metodológicas. Logo após o curso, durante um ano letivo, realizou-se o acompanhamento reflexivo e suporte pedagógico musical junto a uma das professoras participantes do curso inicial. O referencial teórico debruçou-se sobre estudos oriundos da Sociologia da Infância quanto à concepção de infância, dentre os autores estão Corsaro (s/d) e Qvortrup (2010; 2011) no sentido de conceituar a criança adotada nessa pesquisa; sobre estudos que tratam da formação do professor generalista, como os de Kishimoto (2005; 2008), Gatti e Barreto (2009), dentre outros, e formação de professores de arte no Brasil, como Fonterrada (2008), Barbosa (1989; 2002a; 2002b; 2003); sobre estudos relacionados às origens da música e sua importância, dentre outros, para as relações sociais do Homem, como os de Brown et al (2000); Levitin (2006); Sandra Trehub (2002; 2003); sobre os estudos das interações iniciais dos bebês a partir das concepções de Colwin Trevarthen (1996;1999; 2000) e Daniel Stern (1992) e da descrição minuciosa da Music Learning Theory de Edwin Gordon. Encontram-se nas análises dos dados as contribuições deste modelo de ação para a formação musical inicial dos professores, que neste caso eram alunos de um curso de pedagogia que já atuavam na educação Infantil, e seus reflexos no contexto da creche. Os resultados mostraram-se efetivos quanto à abordagem teórica musical adotada. Houve um crescimento musical significativo durante o processo estabelecido no curso, dada à inexperiência musical das participantes. Posteriormente, no acompanhamento da prática da professora, observou-se um reflexo expressivo no desenvolvimento musical dos bebês através de inúmeras respostas musicais, de movimento corporal, além de ricas interações entre a professora e os bebês, bem como entre os bebês e seus pares, corroborando com a literatura estudada.
Título em inglês
Music in nursery: teacher training and the music learning theory by Edwin Gordon
Palavras-chave em inglês
Babies
Early childhood music
Edwin Gordon
Music
Music in nursery
Teacher training
Resumo em inglês
This study outlined in a qualitative approach, characterized as participant case study. The issue arose from the observation of the lack of musical education among professionals who work in nurseries, kindergartens and Child Education Centers. Aimed to understand the issues involved in the musical formation process of class teachers working with babies and toddlers, from a basic course in music, elaborated within the assumptions of the theory of Musical Learning Edwin Gordon, understanding that this theory displays information and provides clear guidance on the musical development of the child, facilitating the organization of possible methodological proposals. Soon after the course, during a school year, there was reflective accompaniment and musical pedagogical support by one of the participating teachers of the initial course. The theoretical bent over coming studies of Sociology of Childhood on the design of childhood, among the authors are Corsaro (s/d) and Qvortrup (2010; 2011) to conceptualize the child adopted in this research; on studies dealing with the training of class teachers, like those of Kishimoto (2005; 2008), Gatti and Barreto (2009), among others, and training of art teachers in Brazil, as Fonterrada (2008), Barbosa (1989; 2002a; 2002b; 2003); on studies related to the origins of music and its importance, among others, for social relations of man, such as Brown et al (2000); Levitin (2006); Sandra Trehub (2002; 2003); On the studies of early interactions babies from the conceptions of Colwin Trevarthen (1996; 1999; 2000) and Daniel Stern (1992); and detailed description of Music Learning Theory of Edwin Gordon. Are the analysis of the data contributions from this model of action for the initial musical training of teachers, which in this case were students of a pedagogy course already working in Early Childhood Education, and its effects in the context of the nursery. The results were effective as the musical theoretical approach adopted. There was a significant musical growth during the process established in the course given to musical inexperience of the participants. Subsequently, in monitoring the practice of teacher, there was a significant reflection in the musical development of babies through numerous musical responses, body movement, and rich interactions between the teacher and the babies and between babies and their peers, corroborating the literature studied.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-12-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.