• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.48.2012.tde-14022013-154528
Documento
Autor
Nome completo
Carla Gruzman
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Marandino, Martha (Presidente)
Almeida, Adriana Mortara
Bizerra, Alessandra Fernandes
Sousa, Guaracira Gouvea de
Trivelato, Silvia Luzia Frateschi
Título em português
Educação, ciência e saúde no museu: uma análise enunciativo-discursiva da exposição do Museu de Microbiologia do Instituto Butantan
Palavras-chave em português
análise enunciativo-discursiva
discurso expositivo
educação em museus
educação não formal
exposição de ciências
museus de ciências
Resumo em português
Esta pesquisa teve por objetivo compreender e analisar os movimentos de constituição de autoria dos profissionais que assumem o papel de conceptores em museus de ciências no processo de produção do discurso expositivo. Consideramos que o discurso expositivo diz respeito não somente aos saberes dos sujeitos envolvidos na concepção e no desenvolvimento das exposições, mas se refere também às condições de produção que caracterizam o processo como um todo e os sentidos atribuídos na materialização desse discurso. A abordagem metodológica utilizou o referencial das pesquisas qualitativas em educação e teve como foco a exposição de longa duração do Museu de Microbiologia do Instituto Butantan (SP). O referencial teórico adotado tem por base os pressupostos da abordagem sócio-histórica para o estudo da linguagem de Mikhail Bakhtin e seu Círculo, que evidencia características dialógicas em diferentes meios textuais e se objetiva como acontecimento concreto relacionado às condições que circunscrevem a vida dos sujeitos e as posições por eles assumidas. Para a análise, recorremos às contribuições que auxiliam a abordar o princípio de autoria na produção discursiva, tais como dialogismo, enunciado, horizontes sociais, alteridade, vozes e o conceito de gênero. A pesquisa fundamentou-se em duas etapas complementares e articuladas entre si que integram os procedimentos metodológicos. Na primeira etapa, investiu-se no estudo das exposições dos museus de ciências enquanto esfera de atividade na qual emerge o nosso objeto de investigação, onde foram utilizadas discussões sobre as concepções de educação e comunicação nessa unidade particular. A segunda etapa procurou focalizar a dimensão enunciativo-discursiva das produções discursivas dos profissionais que participam da concepção e do desenvolvimento da exposição de longa duração do Museu de Microbiologia. A partir do estudo realizado, situado por um breve histórico e o contexto de emergência do Museu de Microbiologia no Instituto Butantan, a exposição de longa duração do Museu foi descrita e foram analisados aspectos do seu processo de constituição, como as contrapalavras presentes na concepção da exposição, a estrutura composicional, com ênfase nos textos e nos objetos, e a presença do outro na produção do discurso expositivo. Os resultados obtidos demonstram a existência de especificidades nos movimentos de constituição de autoria desse evento discursivo, que o tornam singular na maneira como expressa a articulação entre as condições sociais de produção, os conhecimentos, os sentidos atribuídos pelos conceptores e seus interlocutores. Um aspecto observado se relaciona ao modo como a dimensão temporal e espacial é incorporada no discurso expositivo e condiciona os atributos e sentidos expressos nos textos e objetos. Outro aspecto se relaciona às vozes que caracterizam os discursos das diversas esferas sociais (científica, educativa, estético-espacial, entre outras) e que se deixam entrever por meio de marcas que se manifestam no discurso expositivo. Com base nas analises realizadas postula-se que exposição de museus de ciências poderia ser considerada um gênero de discurso de caráter híbrido, do ponto de vista enunciativo-discursivo.
Título em inglês
Education, Science and Health at the Museum: an enunciative-discursive analysis of the exhibition at the Museum of Microbiology, Instituto Butantan
Palavras-chave em inglês
education in museums
enunciative-discursive analysis
exhibition speech
non-formal education
science exhibition
science museums
Resumo em inglês
The objective of this research is to understand and analyze the authorship constitution movements of professionals who play the role of designers in the production process of the expository discourse in science museums. We believe that the exhibition discourse concerns not only the knowledge of the subjects involved in the design and in the development of the exhibitions, but also refers to the production conditions that characterize the process as a whole, as well as to the meanings attributed during the materialization of this discourse. The methodological approach used the framework of qualitative research in education, and focused on the long-term exhibition at the Museum of Microbiology of the Instituto Butantan (SP). The theoretical approach is based on the assumptions of socio-historical approach to the study of language of Mikhail Bakhtin and his Circle, which shows dialogical characteristics in different textual media and results as a concrete event related to the conditions that circumscribe the lives of individuals and the positions assumed by them. For this analysis we used the contributions that help addressing the principle of authorship in the discursive production, such as dialogism, statement, social horizons, otherness, voices and the concept of gender. The research was based on two complementary and articulated steps that integrate the methodological procedures. On the first step we invested in the study of exhibitions in science museums as a sphere of activity in which the object of our research emerges, where discussions on the concepts of education and communication were used in this particular unit. The second stage sought to focus the enunciative-discursive dimension of discursive productions of professionals participating in the design and development of the long-term exhibition of the Museum of Microbiology. From this study, in which a brief historical background and the emerging context of the Museum of Microbiology at the Butantan Institute were established, the long-term exhibition at the Museum was described and aspects of its constitutional process, such as the counter words present in the design of the exhibition, the compositional structure with emphasis on the texts and objects and the presence of the other in the production of expository discourse were analyzed. The results show that there are specificities in the authorship constitution movements of this discursive event, which makes it unique in the way that it expresses the relationship between social conditions of production, knowledge, the senses attributed by designers and their interlocutors. A noticeable aspect relates to how the space and time dimension is incorporated into the exhibition discourse and determines the attributes and meanings expressed in the text and objects. Another aspect relates to the voices which characterize the discourses of different social spheres (scientific, educational, aesthetic, spatial, among others) and that afford a glimpse through marks that are expressed in the exhibition discourse. Based on the analysis performed it is believed that exhibitions in science museums could be considered a kind of discourse, hybrid in nature in terms of enunciative-discursive.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
CARLA_GRUZMAN_rev.pdf (4.58 Mbytes)
Data de Publicação
2013-02-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.