• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.48.2018.tde-07112018-140616
Documento
Autor
Nome completo
Rosilene Silva Vieira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Arelaro, Lisete Regina Gomes (Presidente)
Kruppa, Sonia Maria Portella
Pierro, Maria Clara di
Silva, Adriana Pereira da
Silva, Analise de Jesus da
Título em português
E o povo com a EJA? Estudo de caso sobre a perspectiva da população pouco escolarizada sobre as políticas educacionais no Município de São Paulo
Palavras-chave em português
EJA; educação de jovens e adultos; políticas educacionais; mobilização social
Resumo em português
O objetivo desta investigação foi identificar alguns aspectos da perspectiva da população pouco escolarizada na análise sobre as políticas atuais de educação de jovens e adultos no Brasil, em relação com as dimensões de experiência, informação e interpretação. Trata-se de pesquisa qualitativa, de tipo estudo de caso instrumental, realizada no bairro Jardim João XXIII, no Distrito Raposo Tavares, pertencente à subprefeitura do Butantã, zona oeste do Município de São Paulo, capital paulista. Para a identificação dos informantes-chave de nossa pesquisa, recorremos à técnica da bola-de-neve, a partir da qual realizamos observações, diálogos informais e entrevistas. A pesquisa de campo foi realizada entre o segundo semestre de 2016 e o início de 2018. Os resultados da pesquisa de campo foram analisados a partir de sua relação com os indicadores sociais gerais, com a literatura do campo das políticas de EJA, sobretudo dos estudos de Paulo Freire, Celso de Rui Beisiegel, Miguel Arroyo, Sérgio Haddad e Maria Clara Di Pierro, no campo das políticas educacionais, especificamente no que tange à democratização do ensino e às potencialidades da instituição escolar, nortearam nossa análise os estudos de José Mário Pires Azanha e de Paulo Freire, no campo das discussões sobre território, recorremos às formulações de Milton Santos, e, sobre a relação entre Estado estrito e sociedade civil, nos reportamos à noção de senso comum, de Antonio Gramsci. Como conclusões de pesquisa, podemos destacar o não reconhecimento da população pouco escolarizada como sendo credora do Estado, relacionado à forte influência do senso comum, informado pela explicação folclórica da falta de interesse dos educandos; a ausência de comunicação institucional entre governos e a população sobre a oferta de cursos da modalidade como uma das manifestações da marginalidade da modalidade nas agendas governamentais e a premência da garantia de sobrevivência como principais fatores que incidem sobre a baixa procura pelos cursos da modalidade. Em relação à atuação da instituição escolar nesse contexto, permanece a limitação da atratividade de seus cursos, relacionada a fatores internos à instituição, como proposta curricular, organização dos tempos escolares e organização escolar, pouco sensível às condições de vida e expectativas dessa população. Considerando o conceito freireano de politicidade da educação, evidenciou-se a necessidade de que a instituição escolar e também os movimentos sociais vinculados ao direito a educação articulem-se de forma efetiva às lideranças locais e movimentos sociais de outras áreas, com o objetivo de subsidiar e mobilizar ações reivindicatórias de uma ação intersetorial sistemática por parte dos governos a fim de implementar uma política nacional de EJA que, sendo reflexo das necessidades das classes populares, torne-se de fato atrativa e ofereça condições de permanência aos educandos.
Título em inglês
Do people give a damn to EJA? A case study on the point of view of people with little formal education regarding the education policies in the city of Sao Paulo
Palavras-chave em inglês
EJA; youth and adult education; educational policies; social mobilization
Resumo em inglês
The purpose of this study was to examine some facets of the point of view of people with little formal education concerning the analysis of current education policies referred to theYouth and Adult Education (EJA acronym in Portuguese) program in Brazil with regard to the spheres ofknowledge acquisition, information and comprehension. We made use of an instrumental case study-like qualitative research, which was carried out in Jardim João XXIII, Raposo Tavares District, which is subordinated to the subprefecture of Butantã, located in the west side of the city of Sao Paulo. In order to obtain the key-informants of this research, we utilized the snowball sampling technique, from which we made observations, collected informal conversations and carried out interviews. The field research was held between the second semester of 2016 and the beginning of 2018. Its results werescrutinized starting from its relationship with overall social indicators, literature on Young and Adult Education policies, especially those related to Paulo Freire, Celso de Rui Beisiegel, Miguel Arroyo, Sérgio Haddad and Maria Clara Di Pierro referred to educational policies, mainly when it comes to the democratization of education and the potential of school institutions. Additionally, aiming to corroborate our study, we have supported it with works by José Mário Pires Azanha and Paulo Freire. In the field of discussions on territory, we havedrawn on the conceptualizations by Milton Santos; and finally, in terms of the relationship between the state in the strict sense and civil society, we have referred to theGramscian notion of common sense. In conclusion, we may emphasize the non-recognition of people with little formal education as being creditors of the state, which can be associated to the strong influence of common sense and corroborated by the fabricated reason why students do not get interested in education, not to mention the lack of institutional communication among the spheres of government and the populationinvolving the course offer of the above mentioned program as one of the expressions of the so-called unimportance of the referred educational program in political agendas and the sense of urgency of guarantee of survival as primaryaspects that influence the low demand of EJA courses. In respect to the engagement of the school institution in this scenario, the limitation of attractiveness of its courses related to internal elements encompassing that institution, such as syllabus,organization of school time and educational management, is not solidary to the living conditions and expectancies of the aforementioned population.By assuming Paulo Freires postulation on the politicity of education, it has become clear the urge of the school institution and social movements linked to the basic right to education to work together efficiently with local leaders and social movements from other regions in order to subsidize and bring to bear claims referred to an intersectoral and systematic action on the part of governments to implement a nationwide EJA policy, which, as a reflection of grassroot needs, really becomes attractive and provides continuity conditions to the students.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-11-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.