• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.48.2014.tde-01122014-112932
Documento
Autor
Nome completo
Karina Valdestilhas Leme de Souza
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Vianna, Claudia Pereira (Presidente)
Rossi, Célia Regina
Siqueira, Idmea Semeghini Prospero Machado
Título em português
A prática da leitura na escola e as relações de gênero e sexualidade: subsídios para reflexão sobre formação inicial e contínua de professores(as)
Palavras-chave em português
Educação
Escola
Formação de professores(as)
Literatura infantil
Prática da leitura
Relações de gênero
Sexualidade
Resumo em português
Esta Dissertação de Mestrado tem por base investigação sobre como a prática da leitura docente em sala de aula e na Sala de Leitura colabora ou não com o processo de introdução de questões da ordem do gênero, da sexualidade e da diversidade sexual junto às crianças, uma vez que tais assuntos estão presentes em alguns, dos muitos, títulos de literatura infantil publicados atualmente no Brasil. A pesquisa foi realizada em uma EMEF situada na zona sul da cidade de São Paulo e contou com a participação das docentes dos anos iniciais e da Sala de Leitura da escola. Para a investigação empírica foram utilizadas observações em campo, realização de entrevistas semiestruturadas e aplicação de questionários. No exame do material obtido, foram fundamentais as reflexões teóricas pautadas em: Nelly Novaes Coelho, Marisa Lajolo e Regina Zilberman sobre literatura infantil; documentos oficiais (guias e orientações) publicados pela RMESP (DOT) acerca da prática da leitura; Jeffrey Weeks e Judith Butler a respeito de sexo e sexualidade e Joan Scott sobre o conceito de gênero. Constatou-se que apesar da existência de orientações enfatizando a importância da prática diária da leitura docente às crianças, há um distanciamento entre o que é proposto pela SME em seus guias e o que é realizado pelas professoras em sala de aula. Também, verificou-se que boa parte das professoras investigadas não receberam uma formação sistematizada acerca do gênero e da sexualidade durante o curso de graduação ou em formação continuada, ainda, constatou-se baixa oferta de títulos de literatura infantil envolvendo tais questões na Sala de Leitura da EMEF. Por fim, foi possível ratificar a importância de ações diversas que apoiem e norteiem a prática docente, para que possam se sentir seguros(as) no exercício de suas profissões e consigam realizar um trabalho sem que necessariamente ele esteja vinculado a uma demanda específica dos(as) alunos(as).
Título em inglês
The practice of reading in school and gender relations and sexuality: subsidies for initial and continuing teacher reflection
Palavras-chave em inglês
Children's literature
Education
Gender relations
Practice of reading
School
Sexuality
Teacher training
Resumo em inglês
This dissertation is based on a research about whether the practice of teaching reading in the classroom and in the Reading Room contributes or not with the process of introducing issues of gender, sexuality and sexual diversity to children, considering that these topics are part of several titles of children's literature currently published in Brazil. The research was carried out in an elementary school located in the south of São Paulo and focus on teachers who teach the elementary years and work in the schools Reading Room. Field observations, semi-structured interviews and questionnaires have been used for empirical research. The analysis of the field data was based on the theoretical reflections by: Nelly Novaes Coelho, Marisa Lajolo and Regina Zilberman about children's literature; official documents (guides and guidelines) published by RMESP (DOT) about the practice of reading; Jeffrey Weeks and Judith Butler about sex and sexuality and Joan Scott on the concept of gender. Results point out that despite the existence of guidelines emphasizing the importance of daily practice of teaching reading to children, there is a gap between what is proposed by SME (Municipal Education Department) in their guides and what is actually done by teachers in the classroom. In addition, results show that most of the teachers interviewed did not receive systematic training on gender and sexuality in the undergraduate course or continuing education. Furthermore, there was low supply of children's literature involving such matters in the schools Reading Room. Finally, it was possible to confirm the importance of several actions that support and guide teachers practices, so they can feel confident in their jobs and can perform tasks not necessarily originated in specific demands from students.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-12-19
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.