• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2014.tde-07012015-093259
Documento
Autor
Nome completo
Adsson Roberto Magalhães Araujo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Costa, Marcelo Fernandes da (Presidente)
Souza, Givago da Silva
Ventura, Dora Selma Fix
Título em português
Fatores sensoriais visuais que influenciam o dimensionamento subjetivo na percepção de tamanho: um estudo de escalonamento psicofísico
Palavras-chave em português
Escalonamento psicofísico
Estimativa de magnitude
Percepção visual
Psicofísica
Psicofísica clássica
Resumo em português
O sistema visual é considerado o mais complexo de todos os sistemas sensoriais do ser humano. O objetivo da visão é construir uma representação dos objetos extraindo informações do ambiente, transformando-as em um código neural que origina a percepção. A compreensão dos fatores sensoriais que alteram a percepção é necessária para uma teoria adequada da percepção visual. Evidências sobre os efeitos do contexto ambiental ainda são limitadas, mas sabe-se que alterações no plano de fundo, criação de lacunas e mudanças de textura alteram a percepção de profundidade. Esse estudo teve como objetivo principal investigar quais fatores sensoriais básicos alteram a estimativa de magnitude (EM) de tamanho de círculos nos sujeitos saudáveis, verificando se existiu correlação entre a variação de parâmetros do estímulo físico com os respectivos julgamentos para diferentes condições visuais, além da possibilidade de desenvolver um instrumento para avaliação de algumas psicopatologias. O método da EM se refere a um procedimento no qual o observador faz um julgamento numérico direto de uma magnitude psicológica de uma série de percepções. Para isso, desenvolvemos um programa de computador como uma ferramenta psicofísica para medidas de EM que nos permitiu gerar 15 diferentes condições experimentais separadas em quatro protocolos (P1, P2, P3 e P4). O projeto consistiu em dois blocos: (1) de experimentos básicos, cujo objetivo foi abordar como elementos sensoriais visuais básicos interferiram no julgamento para estímulos simples, usando o P2, cujas variáveis luminância e o P4 no qual a disposição espacial para diferenças na lateralização do processamento visual foram alteradas; e (2) de exploração metodológica, que buscou manipular o valor de referência (P1) e a indução de sensações de profundidade (P3). Foram avaliados 78 indivíduos típicos (m = 27,55, dp = 4,69) com nível superior completo ou incompleto, todos com visão normal ou devidamente corrigida, distribuídos aleatoriamente em os quatro grupos 8 experimentais. Os protocolos 1 e 2 apresentaram os resultados mais satisfatórios que nos permitirão a utilização do programa em indivíduos com psicopatologias para investigação de diferenças da população normal. Ainda que os protocolos 3 e 4 tenham gerado dados controversos, levou-se em consideração que se tratou de um estudo de investigação metodológica, cuja continuidade nos permitirá uma melhor contribuição teórica alcançada com a retomada de estudos no campo da Psicofísica Clássica, principalmente devido a escassez de publicações nas últimas décadas acerca do tema aqui proposto
Título em inglês
Visual Sensory Factors that Influence the Subjective Scaling of Size Perception: A Psychophysical Scaling Study
Palavras-chave em inglês
Classic psychophysics
Magnitude estimation
Psychophysical scaling
Psychophysics
Visual perception
Resumo em inglês
The visual system is considered the most complex human sensory system. The purpose of the vision is to create a representation of the objects by gathering information of the environment and converting it into a neural code that generates perception. The comprehension of sensory factors that influence the perception is necessary to an adequate theory of visual perception. Evidences about the effects of the context remain still limited, but it is known that some facts such as variations on backgrounds, creation of gaps and texture changes modify the perception of depth. This study aimed to investigate which are the basic sensory factors that change the Magnitude Estimation (ME) of the size of circles in healthy subjects, in order to verify if there was a correlation between parameter variations of physical stimulus and its respective judgments about different visual condition, in addition to the possibility of development of a screening test to assess some psychopathologies. The ME method is the procedure in which the observer makes a direct numeric judgment of a psychological magnitude of a series of perceptions. For this purpose, we developed a computer software which was used as a psychophysical tool in order to measure ME that allowed us to generate 15 different experimental conditions allocated into four protocols (P1, P2, P3 and P4). The project was composed of two blocs: (1) basic experiments, in whichthe objective was to investigate how basic sensory visual elements interfere on the judgment of simple stimulus, using P2 in which the variable luminance was changed and P4 in which spatial position to evaluate differences on lateralization of visual process was altered; and (2) methodological exploration, that aimed to manipulate the reference value (P1) and the induction of depth sensory perception (P3). Seventy-eight healthy subjects were tested (m = 27.55, sd = 4.69), that had a complete or incomplete graduation course, they all had normal or corrected-to-normal visual acuity, and they were randomly distributed into the four experimental groups. The protocols 1 and 2 10 had shown the most satisfactory results that will allow us to use the software in people with psychopathologies in attention to screen differences of the general population. Despite the protocols 3 and 4 had generated controversial data, it is important to consider this as a study about methodological investigation, and its follow up will lead us to an improvement of the theoretical contribution reached by the recovery of Classic Psychophysics experiments, mainly due to the last decades lack of publishing about this purposed topic
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
araujo_me.pdf (5.34 Mbytes)
Data de Publicação
2015-01-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.