• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2008.tde-21012009-111759
Documento
Autor
Nome completo
Vanessa Mies Bombardi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Mello, Sylvia Leser de (Presidente)
Goncalves Filho, Jose Moura
Teixeira, Maria de Lourdes Trassi
Título em português
A rebelião do dia-a-dia: uma leitura sobre adolescentes autores de atos infracionais
Palavras-chave em português
Adolescentes em conflito com a lei
Comunicação de massa
Fetichismo
Formação do indivíduo
Violência
Resumo em português
Este trabalho partiu da hipótese de que adolescentes cometem ato infracional como decorrência do processo de formação do indivíduo, engendrado na sociedade de consumo. Teve o objetivo de dar voz a esses adolescentes. Ouvilos para transformá-los em agentes de sua própria história. Partiu de concepções críticas de psicologia, de homem e de mundo enfocando a história da sociedade ocidental em relação à possibilidade de formação/constituição do ser humano. A metodologia utilizada foi o estudo de caso. Para tanto coletou informações a partir de várias fontes de evidências, sendo elas: a análise documental sobre as leis que lidam com a questão da infância brasileira e sobre o que foi divulgado pela mídia quando o assunto eram as crianças e adolescentes; registros sobre estatísticas da violência no Brasil e sobre o perfil dos adolescentes que cumpriram uma medida socioeducativa; entrevistas com quatro jovens que cometeram ato infracional na adolescência e observação direta proporcionada por experiência anterior de trabalho com esse público. A dissertação apresentou o fenômeno da prática infracional de adolescentes como consequência da impossibilidade de plena formação do humano na sociedade atual. O fetichismo exercido pelas mercadorias, a influência da indústria cultural e da pseudoformação oferecida pelas escolas, a inexistência de espaços de convivência entre homens livres foram componentes fundamentais para entender a violência efetuada e sofrida pelos jovens. Estes estão impedidos de aparecerem como seres plurais e ao mesmo tempo únicos.
Título em inglês
A day-by-day rebellion: an interpretation about young offenders
Palavras-chave em inglês
Fetishism
Individual formation
Mass media
Teenager in conflict with the law
Violence
Resumo em inglês
This study originated from the hypothesis that adolescents commit offences due to the process of formation of the individual, inserted in the consuming society. It has had as main objective to give those adolescents a say. To hear them to make them agents of their own history. It stemmed from critical conceptions of psychology, of the man and of the world, focusing on the History of the western society related to the possibility of formation/constitution of the human being. The methodology employed was the case study. Thus, some information has been collected from several sources of evidence, such as: the documental analysis about the laws which deal with the question of the Brazilian childhood and about what has been broadcast by the media when the subject has been children and teenagers, registers about statistics of the violence in Brazil and about the profile of the adolescents who have been submited to a social-educative measure; interviews with four youngsters who commited offences as teenagers and direct observation provided by previous working experience with this group. The dissertation presented the phenomenon of the teenage criminal practice as consequence of the failing in fully forming humans in the present society. The fetiche exerted by products, the influence of the cultural industry and of the pseudoformation offered by schools, the lack of interactive spaces among free men have been the fundamental components to understand the violence commited and undergone by the youth. These are prevented from emerging as plural beings and as well as single ones.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
bombardi_me.pdf (1.53 Mbytes)
Data de Publicação
2009-04-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.