• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.47.2018.tde-17072018-155847
Documento
Autor
Nome completo
Tania Biazioli de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Mello, Sylvia Leser de (Presidente)
Algranti, Leila Mezan
Loffredo, Ana Maria
Mandelbaum, Belinda Piltcher Haber
Silva, João Luiz Maximo da
Título em português
A quebra entre o passado e o futuro na cozinha caipira
Palavras-chave em português
Caipira
Culinária
Memória e Esquecimento
Sigmund Freud
Walter Benjamin
Resumo em português
É este um estudo sobre a quebra entre o passado e o futuro na cozinha caipira. Mais uma vez vemos agora surgir a lembrança da cozinha caipira, após um longo esquecimento do paulista da roça. Sérgio Buarque de Holanda nos mostrou que a origem da cozinha paulista no tempo dos bandeirantes estava no caminho que convida ao movimento, dando margem à maior influência dos hábitos alimentares indígenas sobre os portugueses. O sustento da viagem ao sertão eram os produtos da caça, pesca e coleta. Ao longo dos caminhos, os paulistas ainda plantavam as roças de milho e feijão. Antonio Candido observou a crise da cozinha caipira, diante do processo de modernização do país. Assim, ocorreu a manutenção da dieta básica e a perda da dieta complementar devido às transformações no mundo do caipira. O feijão com toucinho e a farinha de milho puderam se manter vivos no presente. O que caiu no esquecimento do passado foram os produtos da caça, pesca e coleta. O objetivo deste estudo é reconstruir o passado da cozinha caipira no presente, por meio de uma pesquisa de campo. A hipótese deste estudo é que a moderna cozinha brasileira, na procura incessante do novo, busca inspiração no passado colonial não para ser relançada outra vez à escala nacional e sim à escala mundial. O menu Caminhos & Fronteiras, fruto dos estudos compartilhados com o chef de cozinha Jefferson Rueda, pretende homenagear as origens da cozinha caipira. A criação dos pratos nos levará às viagens ao sertão, pelas antigas capitanias de Minas Gerais, Mato Grosso e Goiás, apresentando os ingredientes das terras paulistas, cuja produção será compreendida por meio das entrevistas com os pequenos produtores rurais. Recolher o tesouro perdido não só do milho, feijão e carne de porco, mas também das carnes de caça, pescados, palmitos, frutas silvestres e mel de abelhas nativas poderá contribuir para construir a ponte entre o passado e o futuro na cozinha caipira. Mas será que a perda da tradição na cozinha caipira significa a perda do passado? A questão da memória e da história benjaminiana irá guiar a busca por uma nova relação com o passado. O estudo chega ao fim com uma leitura psicanalítica que irá compreender a gastronomia como uma sublimação do prazer oral
Título em inglês
The break between the past and future in the Caipira cuisine
Palavras-chave em inglês
Caipira
Culinary
Memory and Forgetting
Sigmund Freud
Walter Benjamin
Resumo em inglês
This is a study about the break between the past and the future in the Caipira cuisine. Once again, we currently see the remembrance of the Caipira cuisine arise, after a long forgetting of the paulista da roça. Sérgio Buarque de Holanda showed us that the origin of the Paulista culinary in the age of the bandeirantes was in the path that invites for movement, allowing for the bigger influence of natives eating habits over the Portuguese ones. The sustenance on the journey inwards was the goods from hunting, fishing and foraging. Along the way, the paulistas also planted corn and bean crops. Antonio Candido observed the crisis of the Caipira cuisine in face of the modernization process the country underwent. Thus, preservation of the basic diet and loss of the complementary diet took place due to transformations in the world of the Caipira. Beans with bacon and corn flour were able to keep themselves alive in the present. What fell into forgetting were the goods from hunting, fishing and foraging. The aim of this study is to reconstruct the past of the Caipira cuisine in the present through a field research. This studys hypothesis is that modern Brazilian cuisine, in the ceaseless quest for the new, seeks inspiration in the colonial past in order not to be relaunched in national scale, but in global scale. The Caminhos&Fronteiras menu, fruit of shared studies with Chef Jefferson Rueda, sets out to pay homage to the origins of the Caipira cuisine. The creation of dishes is to take us to the voyages inwards, throughout the ancient states of Minas Gerais, Mato Grosso and Goiás, presenting the ingredients of Paulistas lands, whose production will be understood by the means of interviews with small producers. Recollecting the lost treasure not only from the corn, beans and pork meat, but also game, fish, hearts of palm, wild fruit and indigenous bees honey may contribute towards bridging the gap between the past and future in the Caipira cuisine. However, does the loss of tradition in Caipira cuisine mean the loss of the past? The question of Benjaminian memory and history will guide the search for a new way to relate to the past. The study reaches its end with a psychoanalytic reading that is to understand gastronomy as a sublimation of oral pleasure
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-07-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.