• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2010.tde-08092010-123135
Documento
Autor
Nome completo
Abenon Menegassi
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Dunker, Christian Ingo Lenz (Presidente)
Kupermann, Daniel
Pacheco, Ana Laura Prates
Título em português
O conceito de destituição subjetiva na obra de Jacques Lacan
Palavras-chave em português
Destituição subjetiva
Jacques Lacan (1900-1980)
Psicanálise
Resumo em português
O objetivo deste trabalho é estudar o conceito da destituição subjetiva tal como Jacques Lacan a define com relação ao final de análise a partir dos anos sessenta. A partir da consideração do personagem Jacques Maast do livro O Guerreiro Aplicado de Jean Paulhan de 1917, apresentado por Lacan como referência para a destituição subjetiva, levantamos a questão sobre como se sustenta a vivência desse personagem no laço social, uma vez que após o final da análise o sujeito desejante, em sua negatividade, ainda assim está exposto à constante interpelação do Outro da Ideologia (no caso de Jacques Maast, a guerra)
Palavras-chave em inglês
Jacques Lacan (1900-1980)
Psychoanalysis
Subjective destitution
Resumo em inglês
The objective of this work is to study the concept of the subjective destitution such as Jacques Lacan defines it with relation to the end of analysis from the Sixties. From the consideration of the personage Jacques Maast of the book The Applied Warrior of Jean Paulhan of 1917, presented for Lacan as reference for the subjective destitution, we raise the question on as if it supports the experience of this personage in the social bow, a time that after the end of the analysis the wisheThe objective of this work is to study the concept of the subjective destitution such as Jacques Lacan defines it with relation to the end of analysis from the Sixties. From the consideration of the personage Jacques Maast of the book The Applied Warrior of Jean Paulhan of 1917, presented for Lacan as reference for the subjective destitution, we raise the question on as if it supports the experience of this personage in the social bow, a time that after the end of the analysis the wishes subject, in its negativity, still thus is displayed to the constant interpellation of the Other of the Ideology (in the case of Jacques Maast, the war)s subject, in its negativity, still thus is displayed to the constant interpellation of the Other of the Ideology (in the case of Jacques Maast, the war)
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
menegassi_me.pdf (821.24 Kbytes)
Data de Publicação
2010-12-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.