• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Cecilia Brayner de Freitas Gueiros
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Debert, Paula (Presidente)
Canovas, Daniela de Souza
Hübner, Maria Martha Costa
Souza, Deisy das Graças de
Título em português
Leitura com compreensão utilizando o procedimento Go/no-go com estímulos compostos
Palavras-chave em português
Crianças
Equivalência
Estímulos compostos
Go/no-go
Leitura
Sondas múltiplas
Resumo em português
Sidman e colaboradores demonstraram que por meio do procedimento matching-to-sample foi possível estabelecer o que foi chamado de leitura com compreensão. O estudo de Canovas, Queiroz, Debert e Hübner (aceito) também demostrou leitura por meio do procedimento Go/no-go com estímulos compostos. No estudo de Canovas et al. (aceito), oito crianças (entre 4 e 5 anos) foram expostas ao Pré-teste da relação CD (relação entre palavra impressa e o nome da palavra falada pelo participante), Pré-treino (estímulos familiares), Treino das relações AB (palavra ditada e figura) e AC (palavra ditada e figura), Teste das relações emergentes BC (figura e palavra impressa) e CB (palavra impressa e figura) e ao Pós-teste CD. Durante o Treino, responder diante dos estímulos compostos relacionados e não responder diante dos compostos não relacionados foi seguido de consequências reforçadoras. Responder diante dos compostos não relacionados e não responder diante dos relacionados foi seguido de tela preta. Todos participantes demostraram as relações emergentes testadas (BC, CB e CD). Apesar dos resultados positivos obtidos por Canovas et al. (aceito), não se pode afirmar que o Treino das relações AB e AC foi responsável pela emergência da leitura com compreensão (relações BC, CB e CD) pois não foram pré-testadas as relações BC e CB. Considerando que os estímulos utilizados por Canovas et al. (aceito) são estímulos que podem estar presentes no dia a dia das crianças, pré-testar as relações BC e CB, além da CD, permitiria assegurar que todas as relações, que permitem falar em leitura com compreensão, emergiram apenas após o Treino AB e AC. O presente estudo replicou o estudo de Canovas et al. (aceito) e acrescentou ao Pré-teste as relações BC e CB. Além disso, foi utilizado o delineamento de sondas múltiplas entre conjuntos de estímulos com o objetivo de controlar aprendizagens extras experimentais. No Experimento 1, as tentativas de Pré-testes e Pós-testes foram intercaladas com tentativas familiares de Pré-treino. Participaram do Experimento 1 cinco crianças (entre 4 e 5 anos). Apenas um dos cinco participantes apresentou as relações emergentes BC, CB e CD nos Pós-testes dos Conjuntos 1 e 2. Um segundo participante apresentou apenas as relações BC e CB no Pós-teste do Conjunto 1. Outros dois participantes apresentaram apenas a relação CD nos Pós-testes dos Conjuntos 1 e 2 e um último participante teve a atividade experimental interrompida. Os resultados negativos nos Pós-testes do Experimento 1 pareceram refletir, não uma falha na transferência, mas um efeito da extinção durante os testes. Diante disso, realizou-se o Experimento 2 com o procedimento One-shot no qual o número de tentativas nas sessões de testes das relações BC, CB e CD foram reduzidos comparado ao Experimento 1. Participaram do Experimento 2 três crianças (entre 4 e 5 anos). Todos participantes apresentaram todas as relações emergentes testadas (BC, CB e CD) apenas nos Pós-testes. Os resultados obtidos no Experimento 2 indicaram que o procedimento de One-shot pemitiu que as relações condicionais emergentes fossem produzidas. Portanto, o procedimento Go/no-go com estímulos compostos foi efetivo para estabelecer leitura com compreensão
Título em inglês
Reading comprehension with go/no-go procedure with compound stimuli
Palavras-chave em inglês
Children
Compound stimuli
Equivalence
Go/no-go
Multiple probes
Reading
Resumo em inglês
Sidman and colleagues demonstrated that it was possible to establish what they called reading comprehension with the matching-to-sample procedure. The study of Canovas, Queiroz, Debert and Hübner (accepted) also showed reading using the go/no-go procedure with compound stimuli. In this study, eight children (between 4 and 5 years old) were exposed to CD relations Pretests (printed word and the name of the word spoken by the participant), Pretraining with familiar stimuli, Training of AB relations (dictated word and figure) and AC relations (dictated word and printed word), Tests of BC emergent relations (figure and printed word) and CB relations (printed word and figure) and CD Posttest. During Training, responding to the related compound stimuli and not responding to the unrelated compound were followed by reinforcers. Responding to the unrelated compounds and not responding to the related was followed by a black screen. All children demonstrated emergent relations in the final tests (BC, CB and CD). Although positive results were obtained by Canovas et al. (accepted), it can not be said that the emergent relations were produced by AB and AC training because the BC and CB relations were not pretested. Considering that the stimuli utilized by Canovas et al. (accepted) are stimuli that may be present in children's daily lives, pretesting the BC and CB relations, besides CD, would provide assurance that all the relations, which allow reading comprehension, would emerge only after the AB and AC. The present study replicated Canovas et al. (accepted) study and added BC and CB relations to the pretests. In addition, the multiple probes design between sets of stimuli was used to control extra experimental learning. In Experiment 1, the Pretest and Posttest trials were interspersed with Pre-training familiar trial. Five children (between 4 and 5 years old) participated in Experiment 1. Only one of the five participant showed emergence relations BC, CB and CD in Posttest of Sets 1 and 2. A second participant presented only the emergence relations BC and CB in Posttest of Set 1. Two other participants showed only the CD relation in the Posttests and one last participant had the experimental activity interrupted. The negative results in the Posttests of Experiment 1 seemed to reflect, not a failure in the transfer, but an effect of extinction during the tests. Thus, Experiment 2 was realized with the One-shot procedure in which the number of trials in the test sessions of BC, CB and CD was reduced compared to Experiment 1. Three children (4 and 5 years old) participated in Experiment 2. All participants showed all emergence relations (BC, CB and CD) only in Posttests. The results obtained in Experiment 2 indicated that One-shot procedure allowed for emergent conditional relations to be produced. Therefore, the go/no-go procedure with compound stimuli was effective to establish reading comprehension
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
gueiros_me.pdf (1.82 Mbytes)
Data de Publicação
2019-07-03
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.