• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2018.tde-17072018-094913
Documento
Autor
Nome completo
Marina Santos Lemos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Hübner, Maria Martha Costa (Presidente)
Debert, Paula
Gioia, Paula Suzana
Raphaelli, Leila Felippe Bagaiolo
Título em português
Ensino de mando por informação: uma replicação direta e sistemática de Shillngsburg, Bowen, Valentino & Pierce (2014)
Palavras-chave em português
Análise do comportamento aplicada
Autismo
Mando por informação
Operações estabelecedoras
Resumo em português
O ensino de mando por informação vem sendo objeto de muitos estudos na análise aplicada do comportamernto. Diferentes delineamentos experimentais já foram propostos, porém somente o estudo de Shillngsburg. et al (2014) alterna sessões em que há a condição para que o mando por informação seja emitido com sessões em que não há a condição para que o mando por informação seja emitido. No estudo foram ensinados os mandos por informação Qual ? e Quem ? para três crianças com diagnóstico de autismo, em ambientes experimentais distintos. O presente estudo constou de três experimentos : uma replicação direta do estudo mencionado acima com o objetivo de verificar se os dados são replicáveis. Um experimento 2, em que houve uma replicação sistemática do estudo em questão : manteve um mesmo ambiente experimental para o ensino das diferentes condições, com o objetivo de verificar se as variáveis do ambiente como o mesmo número de pessoas e objetos na sala, nas diferentes condições, influenciaram na aquisição do repertório. E um experimento 3, em que os participantes foram expostos a tentativas randomizadas para verificar se havia controle discriminativo exercido por um procedimento de discriminação sucessiva para a escolha por qual pergunta realizar : Qual ou Quem. No Experimento 1 os participantes atingiram critério na replicação direta, demonstrando que o estudo replicado possui generalidade. O Experimento 2 conclui que o controle exercido no estudo de Shillngsburg, et al. (2014) realmente se deu por meio das operações estabelecedoras para mando Qual e Quem e não por variáveis discriminativas do ambiente. E o Experimento 3 conclui que a ausência da informação necessária para acessar o item de preferência se constitui na OE que controlará a resposta de perguntar, porem que não exerce controle sobre qual pergunta realizar Qual ou Quem, demonstrando haver um controle discriminativo para a escolha da pergunta a ser realizada
Título em inglês
Teaching mands for information : a direct and sistematic replication of Shillngsburg, Bowen, Valentino & Pierce (2014)
Palavras-chave em inglês
Applied behavior analysis
Autism
Establishing operations
Mand for information
Resumo em inglês
The acquisition of mands for information and how to teach them has been a target of many applied behavior analysis studies. Varied experimental designs have been proponed, but only Shillngsburgs study (Shillngsburg et al, 2014) alternates between sessions in which there is a requirement for mand for information emission and sessions without such requirements. In the study mands for information using who? and which? were taught for three children, diagnosed with autism, on three different experimental environments. This present study holds three experiments: First one is a direct replication of Shillngsburg et al (2014) in order to verify if the data is replicable. Second is a systematic replication of the original study, that maintained the same experimental environment while teaching both conditions (who and which), in order to check if environment variables (same amount of people and objects in the room) influenced repertoire acquisition. On the third experiment participants were exposed to randomized trials in the same session, while the original study alternated sessions with each condition. The last experiment checked if discriminative control was established for responding either who or which. The first experiment shows the same results from Shillngsburg Et al (2014): all participants learned both types of mand.. Experiment 2 concludes that the control exerted on Shillngsburg, Bowen, Valentino & Pierce (2014) study for mands who and which was actually due to the establishing operations, and not other environmental variables. Experiment 3 concludes that the lack of information needed in order to access a reinforcer item constitutes itself as an establishing operation, which will control the asking response, but not on which question to make (who or which). This results also shows the existence of a discriminative control present, that will be responsible for which question is asked
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
lemos_me.pdf (941.75 Kbytes)
Data de Publicação
2018-07-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.