• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.1972.tde-09022011-113302
Documento
Autor
Nome completo
Anamelia Araujo de Carvalho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1972
Orientador
Banca examinadora
Matos, Maria Amelia (Presidente)
Bori, Carolina Martuscelli
Todorov, Joao Claudio
Título em português
Esquiva discriminada no peixe dourado (Carassius Auratus): efeitos da intensidade do choque
Palavras-chave em português
Condicionamento de esquiva
Parâmetros de repostas
Peixes
Tempo de reação
Resumo em português
O presente experimento teve como objetivo retomar o problema do efeito de diferentes intensidades de choque na aquisição de uma resposta de esquiva no peixe dourado (Carassius auratus). Usando 36 sujeitos divididos em nove grupos, foram estudadas as seguintes intensidades: - 1,4ma. 1,6 ma., 1,8 ma., 2,O ma., 2,2 ma., 2,4 ma, 2,7 ma., 3,1 ma.e 3,7 ma. Os sujeitos foram treinados numa situação de esquiva sinalizada, em esquema de atraso, onde, um estimulo luminoso (CS) de 20 segundos de duração sinalizava o choque. Este podia ser evitado por uma resposta de esquiva, ou terminado por uma resposta de fuga; se nenhuma destas respostas ocorresse o choque teria uma duração máxima de 10 segundos, sendo então desligado. Os resultados mostraram uma maior aquisição da resposte de esquiva à medida' que aumentava a intensidade do choque. Estes resultados foram medidos através da freqüência bem como da latência da resposta de esquiva. Nas intensidades intermediárias a função descrita apresentou alguma variabilidade. Esta pareceu ser resultado de diferenças na rapidez de aquisição do animal para animal. As respostas de fuga, sua freqüência e latência, apresentaram resultados condizentes com os acima descritos.
Palavras-chave em inglês
Avoidance Conditioning
Fishes
Reaction time
Responce parameters
Resumo em inglês
The present study was aimed at the functional analysis of the relationships between shock intensities and acquisition of discriminated avoidance responses in the goldenfish (Carassius auratus). Using 36 subjects nine shock intensities, were studied, that is, intensities of - 1.4, 1.6, 1.8, 2.0, 2.2, 2.4, 2.7, 3.1, and 3.7 ma. The discriminated contingency involved a delayed procedure with a 20 sec. CS (light).- Shock could be avoided or escaped; if no responses were omitted, shock lasted up to 10 sec. Results showed a positive function relating acquisition and shock intensity. Measures were taken of per cent of avoidance response, as well. as its latency. At the intermediate intensity values the function exhibited some oscillations; further analysis showed that they could be accounted for by differences in rate of acquisition among subjects. Escape responses trends were the same as those above.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
carvalhoana_me.pdf (1.50 Mbytes)
Data de Publicação
2011-02-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.