• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2006.tde-14112006-010421
Documento
Autor
Nome completo
Rinaldo Miorim
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Freitas, Laura Villares de (Presidente)
Albertini, Paulo
Rubio, Katia
Título em português
Aprender com o corpo: estabelecendo relações entre a psicologia analítica e as técnicas corporais taoístas
Palavras-chave em português
distúrbios psicossomáticos
individuação (psicologia)
Jung Carl Gustav 1875-1961
taoísmo
terapia corporal (psicoterapia)
Resumo em português
O presente trabalho consiste em um estudo teórico que busca relacionar os princípios que norteiam as técnicas corporais fundamentadas na filosofia taoísta com alguns conceitos da psicologia analítica, tomando como eixo o processo de desenvolvimento da personalidade. Como método de trabalho, foi feita uma revisão bibliográfica, procurando sistematizar o assunto por meio da análise de alguns tópicos. A pesquisa começa com a apresentação da técnica corporal terapêutica taoísta chamada qigong (chi kun), situando-a em seus aspectos históricos, depois parte para as pesquisas clínicas que buscam validar seus efeitos terapêuticos, principalmente, explorando alguns conceitos filosóficos que fundamentam sua prática. Em seguida, foi destacada a perspectiva psicossomática como referencial de abordagem aos processos de saúde e doença, e, apresentadas algumas técnicas corporais da psicologia, destacando as técnicas de relaxamento. A partir desses elementos foram identificados nos estudos de C. G. Jung sobre as práticas corporais e meditativas taoístas, relações entre elas e o processo de individuação. O corpo, tomado como um instrumento de intervenção, por meio dos exercícios de relaxamento, alongamento, respiração e meditação, pode explicar as técnicas corporais taoístas no que diz respeito aos seus benefícios terapêuticos, concebidos nestes métodos como a busca da harmonização da energia, chamada de qi, e de seus aspectos yin e yang, o que culminaria tanto na saúde do corpo, quanto na harmonia psíquica resultante da experiência de identificação com um aspecto superior da consciência, nesta filosofia denominado Tao. Por outro lado a psicologia analítica dá mais atenção às manifestações corporais como expressões simbólicas, já que o trabalho corporal nessa abordagem busca facilitar o diálogo entre os aspectos conscientes e inconscientes da personalidade, tendo em vista uma integração maior entre os mesmos, o que corresponde a essência do processo de individuação. Assim foi observado que existe a possibilidade de convergência entre as duas propostas no que diz respeito ao cuidado com corpo e o desenvolvimento psíquico, desde que respeitando a especificidade de cada abordagem. Não existe somente um paralelismo, mas sobretudo uma complementaridade entre o conceito de processo de individuação descrito na psicologia analítica, e os objetivos e os métodos de desenvolvimento propostos pelos filósofos taoístas. A dissertação aponta ainda para a necessidade de futuros estudos que identifiquem com mais precisão até que ponto o trabalho teórico de Jung sofreu contribuição do pensamento oriental, particularmente da filosofia taoísta e, por outro lado, o quanto algumas interpretações ocidentais da filosofia taoísta, sofreram influência do pensamento de Jung.
Título em inglês
Learning with the body: establishing relations between analytical psychology and taoist body techniques
Palavras-chave em inglês
body therapy (psychotherapy)
individuation (psychology)
Jung Carl Gustav 1875-1961
psychosomatic disorders
taoism
Resumo em inglês
The present research consists of a theoretical study that intends to relate the principles which guide the body techniques based on taoist philosophy to some concepts of the analytical psychology. As a main point, it is centered on the process of the personality development. In order to systematize the subject through the analysis of some topics, a bibliographic review has been made. It begins with the taoist therapeutic body technique qigong (chi kun) being historically situated. Then, it approaches the clinical researches that intend to validate its therapeutic effects and, mainly, with the exploration of some philosophical concepts in which it is based. After that, the psychosomatic perspective is focused as a reference to the healthiness and illness processes, and some psychological body techniques, such as the relaxation, are emphasized. Beginning with those elements, relations between taoist body and meditative techniques and the individuation process have been identified in C.G. Jung´s studies. The body, considered as an intervention instrument, through the exercises of relaxation, stretching, breathing and meditation can explain the taoist body techniques regarding its therapeutic benefits as a way to pursuit the energy harmony, called qi, as well as the yin and yang aspects, which would culminate not only in the body health but also in the psychic harmony gained by the identification with a major consciousness called Tao in that philosophy. On the other hand, analytical psychology gives more attention to the body manifestations as symbolic expressions, since the body work in this approach intends to facilitate the dialogue between the conscious and the unconscious aspects of personality, aiming at increasing the integration between them, what meets the essence of the individuation process. Thus, it has been observed that, regarding body and psychic development, both approaches may converge, provided that their peculiarities are respected. There is not only a parallel, but also a complementarity between the individuation process concept described in the analytical psychology and the aims and methods of development proposed by taoist philosophers. Moreover, this research indicates the need for further studies which are able to identify more precisely the contribution of Eastern thoughts, mainly of the taoist philosophy, to Jung´s theorical work, as well as the influence of Jung´s thoughts in the Western interpretation of taoist philosophy.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2006-11-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.