• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.47.2005.tde-05072012-091406
Documento
Autor
Nome completo
Marisa Aguetoni Fontes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2005
Orientador
Banca examinadora
Crochik, Jose Leon (Presidente)
Patto, Maria Helena Souza
Souza, Maria Cecilia Cortez Christiano de
Título em português
Concepções de psicopedagogia no Brasil: reflexões a partir da teoria crítica da sociedade
Palavras-chave em português
Pesquisa científica
Psicologia educacional
Psicopedagogia
Teoria crítica
Resumo em português
Este trabalho de pesquisa tem como objetivos verificar uma parcela da produção científica no Brasil em um período de 20 anos (1981 a 2001), sobre o tema Psicopedagogia, incluindo dissertações e teses, caracterizando esta mesma produção segundo seus objetivos, referenciais teóricos, tipos de pesquisa, conclusões e as concepções de Psicopedagogia entendidas nessas obras. Procurou-se também, observar em que medida a Psicopedagogia está contribuindo para uma educação emancipatória. O referencial teórico utilizado é a Teoria Crítica da Sociedade, dando ênfase ao pensamento de Theodor Adorno. A Psicopedagogia é considerada uma estratégia, área ou prática destinada a entender, prevenir e tratar problemas de aprendizagem. Com as modalidades clínica e institucional, repete na maior parte das vezes os erros cometidos pela Psicologia do século passado: naturalização do indivíduo, reafirmação do psicologismo e do clinicalismo. Assim, ao desconsiderar os fatores objetivos em suas análises, a Psicopedagogia exclui a contradição existente entre indivíduo e sociedade convertendo-se em ideologia, reafirmando uma educação adaptativa. A melhora dessas condições só se dará a partir da auto-reflexão de seu discurso, abrindo portas para aprimorá-lo Concluindo, a Psicopedagogia de uma maneira geral não colabora para uma educação emancipatória.
Título em inglês
Conceptions of psychopedagogy in Brazil: reflections based upon the critical theory of society
Palavras-chave em inglês
Critical theory
Educational psychology
Psychopedagogy
Scientific research
Resumo em inglês
This paper's objective is to verify the scientifical development of psychopedagogy within a period of 20 years (from 1981 to 2001). The discussion involves theses and research papers including references, types of researches, conclusions e definitions attributed to the concept "psychopedagogy". Special attention was given to measure how much the psychopedagogy contributes towards an emancipated education. The theoretical framework used was based on the "Critical Theory of Society", emphasizing Theodor Adorno's trend of thought. The psychopedagogy is considered either an strategy, an area or a practice that has the purpose of understanding, preventing, and treating problems related to learning. With the clinical and institutional models, the psychopedagogy keeps repeating the same mistakes made by the psychology in the past century: the naturalization of the individual and the use of "psicologismo" and "clinicalismo". Therefore when not considering the objective factors in its analysis, the psychopedagogy excludes the contradiction between the individual and the society and converts in ideology, thus reassuring and adaptive education. The enhancement of these conditions will occur only if there will be a reflexion of its fundamentals therefore facilitating its improvement. Concluding, the psychopedagogy overall does not collaborate for an emancipating education.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
fontes_me.pdf (910.71 Kbytes)
marisa_anexo_2.pdf (184.68 Kbytes)
Data de Publicação
2012-07-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.