• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.46.2004.tde-23072008-085439
Documento
Autor
Nome completo
Danielle Polidorio Intima
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2004
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Elisabeth de (Presidente)
Carvalho, Lilian Rothschild Franco de
Silva, Carlos Sérgio da
Título em português
Avaliação do risco a exposição ocupacional a metais em incineradores de resíduos de serviços de saúde
Palavras-chave em português
Espectometria de absorção atômica
Espectrometria
Metais
Plasma
Toxicologia
Toxicologia ocupacional
Resumo em português
O trabalho teve como objetivo avaliar o risco a exposição ocupacional a metais em incineradores de resíduos de serviços de saúde, com o intuito de verificar as condições de trabalho das usinas de incineração, a fim de proteger a saúde dos trabalhadores do setor e evitar danos ao meio ambiente. Resíduos de serviços de saúde são resíduos sépticos caracterizados como resíduo Classe I por apresentarem patogenicidade, portanto, seu estudo é de extrema importância para a saúde pública e para qualidade do meio ambiente. Um dos processos de tratamento recomendado pela legislação para este tipo de resíduo consiste na incineração. Este processo baseia-se na decomposição térmica via oxidação, com o objetivo de minimizar a toxicidade e o volume dos resíduos. A presença de metais nos resíduos a serem incinerados é uma preocupação, pois este processo provoca a partição do metal presente nos resíduos de alimentação da câmara de combustão, podendo ocorrer sua emissão juntamente com as cinzas, ou com os resíduos do sistema de controle de poluição ou, até mesmo, através da chaminé dependendo de sua volatilidade. Em face desta problemática, faz-se necessária avaliação do risco ocupacional gerado pela exposição ao material particulado e aos gases tóxicos gerados pelo processo. Esta avaliação consiste na caracterização das partículas através da medição de seus constituintes em massa por volume de ar do ambiente de trabalho amostrado. Para isso, foi aplicada metodologia específica e reconhecida do National Institute of Organization Safety Health (NIOSH), o qual recomenda para a amostragem de mercúrio a utilização de resina hopcalite, e para os demais metais a utilização de filtro de éster de celulose. Como técnicas analíticas, este instituto recomenda a utilização da espectrometria de absorção atômica por geração de vapor frio para determinação de mercúrio e da espectrometria de emissão atômica com plasma de argônio induzido para os demais metais. De acordo com os resultados, foram obtidas concentrações acima do limite estabelecido para arsênio, berílio, cádmio, chumbo e mercúrio. Portanto, foram propostas alterações tecnológicas no processo e adequação dos equipamentos de proteção, com o intuito de proteger a saúde dos trabalhadores, da população e evitar danos ao meio ambiente.
Título em inglês
Evaluation of the risk of metal occupational exposition in infectious waste incinerators
Palavras-chave em inglês
Atomic absorption espectrometry
Espectrometry
Metals
Occupacional toxicology
Plasma
Toxicology
Resumo em inglês
This project aimed to evaluate the risk of metal occupational exposition in hospital waste incinerators, in order to verify the incineration plant work conditions, to protect the workers' health and to avoid damage to the environment. Hospital waste is septic, characterized as Hazardous Waste (Class I) due to its patogenicity, therefore their study is extremely important for public health and environment quality. One of the legally recommended treatment processes to this kind of waste is the incineration. This process is based on thermal decomposition by oxidation, to minimize the toxicity and the waste volume. The presence of metal in the waste to be incinerated is a concern, because this process causes the partition of the metal present in the feeding waste of the combustion camera, which could lead to its emission together with the ash or even with the pollution control system waste, or, even, through the chimney, depending on its volatility. Due to this issue, occupational risk evaluation generated by exposition to particulate material and toxic gases emitted by the process rests necessary. This evaluation consists of particle characterization by measuring the constituents in mass per volume of the environmental sampling air. In order to reach it, specific and recognized methodology from the National Institute of Organization Safety Health (NIOSH) was applied, which recommends for mercury sampling the use of hopcalite resin, and for the other metaIs the use of cellulose filter. As analytic techniques, this institute recommends the use of cold vapor atomic absorption spectrometry to mercury determination and the inductively coupled plasma emission spectrometry to the other metals. According to the results, the obtained concentrations were above the limit established for arsenic, beryllium, cadmium, lead and mercury. Therefore, technological alterations were proposed in the process and adaptation of the protection equipments, in order to protect the employees' health, the population health and to avoid damage to the environment.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-07-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.