• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.45.2007.tde-17062007-165021
Documento
Autor
Nome completo
Karina Pretto
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Artes, Rinaldo (Presidente)
Barroso, Lucia Pereira
Gouvea, Maria Aparecida
Título em português
Modelando o efeito da omissão de atributos em um estudo de análise de preferência conjunta
Palavras-chave em português
Análise de Preferência
omissão de atributos
perfis incompletos
Resumo em português
A Análise de Preferência Conjunta (APC) é uma metodologia estatística bastante utilizada em estudos de comportamento do consumidor e do mercado em geral. Ela possibilita a realização de estudos sobre julgamentos individuais, tais como a aceita-bilidade e preferência por um determinado produto no momento da sua aquisição (ver Artes, 1991 e Friedmann, 1998). Em um estudo de preferência conjunta, são apresentadas configurações hipotéticas de um mesmo produto, que devem ser avaliadas segundo a preferência do respondente. O julgamento de um estímulo é denominado de valor de preferência que nada mais é do que a quantificação da preferência do indivíduo por um estímulo. Quanto maior o número de atributos e níveis utilizados na caracterização de um produto, mais real será sua descrição. No entanto, a complexidade dos estímulos e o número de configurações possíveis aumenta exponencialmente a cada novo atributo ou nível acrescentado, podendo comprometer a qualidade dos resultados de uma pesquisa. Este problema é contornado através da utilização de estímulos gerados através de planejamentos fracionários combinado na omissão de um ou mais atributos nos diferentes estímulos, conhecidos como perfis incompletos. Neste trabalho, pretende-se testar o efeito da ausência de atributos na classificação de estímulos e diferentes formas de imputação da informação faltante em uma aplicação sobre o efeito de características do emprego na satisfação do funcionário.
Título em inglês
Conjoint analysis model for missing attributes infomation.
Palavras-chave em inglês
conjoint analysis
incomplete profiles
missing information
Resumo em inglês
Conjoint Analysis is a statistic technique used in many behavior studies, product management and marketing researches. The conjoint method involves presenting customers with a test set of hypothetical products profiles and collecting their preferences. It's task is to identify some within a set of attributes those ones that are the most important for the research participants. Conjoint Analysis works better when the test set of profiles is small and the number of attributes is not so large. When a large number of attributes are considered in a conjoint study, the final number of possible profiles increase a lot. In this cases, fractional designs and incomplete profiles can be used to solve this problem. In this study will be tested the missing information efect in a conjoint study and will be compared some diferent imputations methods.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
PRETTO_K.pdf (810.92 Kbytes)
Data de Publicação
2007-09-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.