• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.2009.tde-19082009-102541
Documento
Autor
Nome completo
Priscila Melo Leal Menezes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Giannini, Paulo Cesar Fonseca (Presidente)
Afonso, Marisa Coutinho
Fernandes, Luiz Alberto
Título em português
Análise de fácies e proveniência sedimentar em sambaquis do litoral centro-sul de Santa Catarina
Palavras-chave em português
Estratigrafia
Geoarqueologia
Sedimentologia
Resumo em português
Os sambaquis do litoral sul brasileiro são marcos paisagísticos, com valor histórico e científico. Constituem-se, predominantemente, de conchas de moluscos e sedimentos com marcante presença de matéria orgânica, empilhados em conformações estratigráficas variadas. Neste trabalho, elegeram-se como objetos de estudo três sambaquis da costa centro-sul de Santa Catarina, com dois tipos de conformações distintas: de um lado, os sambaquis Carniça III e Encantadas III, e, de outro, o Jabuticabeira II, maior e estratigraficamente mais complexo. A proposta é auxiliar na reconstrução dos hábitos e costumes dos povos que viveram nesta área litorânea durante grande parte do Holoceno pré-descobrimento, e inferir suas relações com a evolução do ambiente geológico que os cercava. Para isso, foca-se em duas metas ou objetivos maiores: a aplicação de análise de fácies e de arquitetura deposicional nos sambaquis selecionados; e a investigação do uso de sedimentos paleolagunares como seu material construtivo. Para buscar estes objetivos, utilizou-se uma abordagem multi-analítica, que compreendeu: análise de fácies; determinação dos teores de matéria orgânica e carbonatos mais fosfatos; caracterização da fração grossa por lupa; granulometria; mineralogia de grãos pesados; estudo petrográfico e micromorfológico em seção delgada; microscopia eletrônica de varredura; e geoquímica e isotopia de carbono e nitrogênio. A estratigrafia dos sambaquis Carniça III e Encantada III é composta por um núcleo arenoso sobreposto por camada preta orgânica rica em conchas e artefatos antrópicos (terra preta, codificada como fácies LA). Em contraste, o sambaqui Jabuticabeira II caracteriza-se pela intercalação entre camadas conchíferas e lâminas pretas contendo sepultamentos (fácies funerária, codificada como Lc), capeada por camada de terra preta, rica em artefatos e sepultamentos. Por meio da análise de fácies, foi possível distinguir neste sambaqui três associações, da base para o topo: cascalho-lamosa, areno-lamosa e cascalho-arenosa. A sucessão vertical destas associações reflete o assoreamento progressivo do sistema lagunar e configura assim a relação do sambaqui com o ambiente deposicional do entorno. As associações de fácies, de qualquer hierarquia, são delimitadas pelas lâminas da fácies Lc. As análises do material construtivo utilizado nos sambaquis indicaram proveniência a partir das feições deposicionais mais próximas aos sítios, representadas por fundo, margem e brejo lagunar, nos casos dos sambaquis Jabuticabeira II e Encantada III, e por cordões litorâneos lagunares e dunas eólicas superimpostas, no caso do sítio Carniça III. Os parâmetros granulométricos e os índices de minerais pesados revelaram controle sobretudo geográfico em sua distribuição. A análise de componentes fosfáticos aliados aos sinais isotópicos do carbono e nitrogênio indicam grande processamento antrópico no material constituinte das lâminas funerárias e da terra preta do sambaqui Jabuticabeira II, com características de matéria orgânica putrefata, provável refugo do processamento cotidiano dos sambaquieiros. Já para o Carniça III e Encantada III, este processamento teria sido muito menor.
Título em inglês
Facies analysis and sediment provenance in shell mounds from Santa Catarina centre-south coast
Palavras-chave em inglês
Geoarchaeology
Sedimentology
Stratigraphy
Resumo em inglês
The sambaquis (also known as shell mounds or shell middens) in the Brazilian southern coast are landscape references and bear historical and scientific value. They are predominantly constituted of mollusk shells and sediments and also hold a sound presence of organic matter, piled up in different stratigraphic configurations. In this work, three sambaquis in the central-southern coast of the Santa Catarina state have been chosen as objects of study. They present two distinct configuration types: on one hand, the Carniça III and the Encantadas III, and, on the other hand, the Jabuticabeira II, which is larger and stratigraphically more complex. The proposal is to assist on the reconstruction of habits and traditions of the people who lived in this coastal area during a great part of the Holocene period (before the Portuguese navigators arrived in Brazil in 1500), and to infer their relations with the evolution of the surrounding geological environment. Two main goals have been set for this purpose: the application of facies analysis and depositional architecture in the selected sambaquis; and the investigation of the use of sediments from paleo-lagoons as their construction material. In order to achieve these goals, a multi-analytical approach has been used comprising: facies analysis; quantity evaluation of organic matter and carbonates associated with phosphates; characterization of the thick fraction in stereomicroscope; granulometry; heavy grains mineralogy; petrographic and micromorphological study of the thin section; scanning electron microscopy (SEM); and both carbon and nitrogen geochemistry and isotopy. The stratigraphy of the Carniça III and Encantada III sambaquis is composed of a sandy nucleus covered with a black organic layer full of shells and anthropic artifacts (black soil, represented as LA facies). In contrast, the Jabuticabeira II sambaqui is characterized by an assorted sequence of shell layers and thin black layers containing burial remains (funerary facies, represented as Lc) covered by black soil, and full of artifacts and burials. According to the facies analysis results, three associations have been found in this sambaqui, from bottom to top: muddy-gravel, muddy-sand and sandy-gravel. The vertical sequence of these associations reflects the progressive aggradation of the lagoon system and it establishes, thus, the relation between the sambaqui and the surrounding depositional environment. The facies associations, in any hierarchy, are limited by the thin layers in the Lc facies. The analysis of the construction materials used in the sambaquis has set their provenance in the nearest depositional features to the sites, represented by the lagoon bottom, margin and swamp for the Jabuticabeira II and Encantada III sambaquis, and by coastal lagoon barriers and superimposed wind dunes for the Carniça III site. The granulometric parameters and the heavy minerals indexes have showed control, mainly geographic, in their distribution. The analysis of phosphate components associated with the carbon and nitrogen isotopic signals shows great anthropic processing in the material which constitutes the funerary and the black soil layers found in the Jabuticabeira II sambaqui, with putrid organic matter characteristics, a probable waste from the day-by-day processing of the people who built the sambaquis. On the contrary, this kind of processing is supposed to have been much lower in the Carniça III and the Encantada III sambaquis.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
PMLM.pdf (19.34 Mbytes)
Data de Publicação
2009-08-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.