• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.44.2008.tde-02092008-113513
Documento
Autor
Nome completo
Frederico Meira Faleiros
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Campanha, Ginaldo Ademar da Cruz (Presidente)
Moraes, Renato de
Schmitt, Renata da Silva
Silva, Marcos Egydio da
Simoes, Luiz Sergio Amarante
Título em português
Evolução de terrenos tectono-metamórficos da Serrania do Ribeira e Planalto Alto Turvo (SP, PR)
Palavras-chave em português
Evolução geotectônica
Pré-cambriano
Terrenos tectono-metamórficos
Resumo em português
Numerosos terrenos pré-cambrianos de origem enigmática são individualizados nas regiões do vale e serrania do Rio Ribeira e Planalto Alto Turvo (SP, PR), com base em histórias evolutivas contrastantes e diferentes padrões litotectônicos, metamórficos e estruturais. Esses terrenos suspeitos formam três grandes terrenos compostos justapostos no final do Ciclo Brasiliano: Terreno Apiaí, Terreno Curitiba e Terreno Luís Alves. A evolução geotectônica de uma área que abrange estes três terrenos compostos foi investigada por meio da integração de análises petrológicas, microestruturais e estruturais, apoiadas com trabalhos de mapeamento geológico e compilação e integração de dados geocronológicos disponíveis. Os estudos foram concentrados em unidades geológicas representativas de cada um dos três terrenos compostos. Análises petrológicas, estimativas geotermobarométricas e quantificações de trajetórias PT mostram que os terrenos estudados apresentam assinaturas metamórficas contrastantes, refletindo ambientes geotectônicos distintos. O Grupo Votuverava e a Seqüência Serra das Andorinhas (Terreno Apiaí) passaram por metamorfismo barroviano com caminhamento P-T horário sob pressões e temperaturas máximas ao redor de 8 kbar e 550-650ºC. Parte do Complexo Turvo-Cajati (Terreno Curitiba) apresenta gradiente metamórfico acima do barroviano, com pico metamórfico (650-800ºC) sob pressões relativamente altas (9-12 kbar). Parte desta unidade passou por uma trajetória horária com aquecimento isobárico até atingir o pico térmico, enquanto algumas rochas passaram por descompressão praticamente isotérmica. Datações químicas em monazita indicam que o pico metamórfico do Complexo Turvo-Cajati ocorreu entre 590 e 575 Ma, sendo consideravelmente posterior ao clímax metamórfico das unidades do Terreno Apiaí (>= 600-620 Ma). Trajetórias P-T estimadas para o Complexo Atuba (Terreno Curitiba) sugerem um caminhamento retrógrado com resfriamento praticamente isobárico de 750ºC até um reequilíbrio ao redor de 650-700ºC e 6-7 kbar; a união dos dados petrológicos, microestruturais e geocronológicos sugere que o pico metamórfico teria ocorrido no Paleoproterozóico e o reequilíbrio no Ediacarano. A Suíte Alto Turvo (Terreno Luís Alves) compreende granulitos máficos a intermediários formados no Paleoproterozóico sob temperaturas mínimas ao redor de 850ºC, parcialmente reequilibrados em condições de fácies xisto verde ainda neste período e marginalmente re-metamorfizados em condições de fácies xisto verde a anfibolito no Ediacarano, seguindo uma trajetória horária com pico metamórfico ao redor de 650ºC e 6 kbar. Os padrões estruturais do Terreno Curitiba na área estudada estão associados a uma tectônica de cavalgamentos para oeste e nappismo tardios em relação ao Ciclo Brasiliano e concomitantes com a atuação do sistema transcorrente destral regional na Faixa Ribeira. Os dados multidisciplinares disponíveis indicam que as relações espaciais atualmente observadas para os terrenos estudados não decorrem de relações genéticas e geográficas pretéritas. Os dados convergem para uma evolução geotectônica onde a acresção de diferentes terrenos suspeitos e, em alguns casos, exóticos teria ocorrido em posições diferentes das atualmente observadas, sendo que a justaposição final teria sido controlada por dispersão lateral ao longo das grandes zonas de cisalhamento transcorrentes em períodos tardi- a pós-metamórficos.
Título em inglês
Evolution of tectono-metamorphic terranes of the Ribeira Ridge and Alto Turvo Plateau, SE Brazil
Palavras-chave em inglês
Geotectonic evolution
Precambrian
Tectono-metamorphic terranes
Resumo em inglês
Numerous Precambrian terranes of enigmatic origin are recognized in the Ribeira Valley and Alto Turvo Plateau regions (Southeastern Brazil), based on contrasting evolutive histories and distinct lithotectonic, metamorphic and structural patterns. These suspect terranes form three major composite terranes juxtaposed during the late Brasiliano Cycle: Apiaí Terrane, Curitiba Terrane and Luís Alves Terrane. The geotectonic evolution of an area that covers these three composite units was investigated by the integration of petrological, microstructural and structural analysis supported by geological mapping and compilation and integration of available geochronological data. The studies were concentrated on representative geological units from the three composite terranes. Petrological analysis, geothermobarometric estimatives and P-T path quantifications show that the studied terranes exhibit contrasting metamorphic signatures, refleting distinct geotectonic environments. The Votuverava Group and the Serra das Andorinhas Sequence (Apiaí Terrane) underwent barrovian metamorphism with clockwise P-T paths under maximum pressures and temperatures at around of 8 kbar and 550-650ºC. A part of the Turvo-Cajati Complex (Curitiba Terrane) shows a metamorphic field gradient above the barrovian type, with metamorphic peak (650-800ºC) under relatively high pressures (9-12 kbar). A part of this unit underwent a clockwise path with isobaric heating until to reach the thermal peak, while some rocks underwent a near isothermal descompression. Chemical dating of monazite indicate that the metamorphic peak of the Turvo-Cajati Complex occurred between 590 and 575 Ma, a period significantly younger than the metamorphic climax of the Apiaí Terrane units (>= 600-620 Ma). P-T paths from rocks of the Atuba Complex (Curitiba Terrane) suggest a retrograde path following near isobaric cooling from 750ºC to a reequilibration at around of 650-700ºC and 6-7 kbar; the integration of petrological, microstructural and geochronological data suggests that the metamorphic peak would have occurred during the Paleoproterozoic and the metamorphic reequilibration during the Ediacaran. The Alto Turvo Suite (Luís Alves Terrane) comprises mafic and intermediate granulites formed in the Paleoproterozoic under minimum temperatures at about 850ºC, partially reequilibrated under greenschist facies conditions yet in the same period and marginally remetamorphosed from greenschist to amphibolite facies conditions during the Ediacaran, following a clockwise path with metamorphic peak at around of 650ºC and 6 kbar. The structural patterns of the Curitiba Terrane in the studied area are related to a thrust nappe tectonics with westward movement late in relation to the Brasiliano Cycle and concomitant with the activation of the regional dextral transcurrent system in the Ribeira Belt. The available multidisciplinary data indicates that the present spatial relationships between the studied terranes do not imply in previous genetic and geographic relations. The data suggest a geotectonic evolution where the accretion of distinct suspect terranes, and in some cases exotic terranes, would have occurred in different positions in relation to the present array, and the final terrane juxtaposition would have been controlled by lateral dispersion along the major transcurrent shear zones during late- to post-metamorphic periods.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
FMF.pdf (23.43 Mbytes)
Data de Publicação
2008-09-02
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • FALEIROS, F., et al. Ediacaran high-pressure collision metamorphism and tectonics of the southern Ribeira Belt (SE Brazil) : Evidence for terrane accretion and dispersion during Gondwana assembly [doi:10.1016/j.precamres.2011.07.013]. Precambrian Research [online], 2011, vol. 189, n. 3-4, p. 263-291.
  • FALEIROS, F., et al. Quartz recrystallization regimes, c-axis texture transitions and fluid inclusion reequilibration in a prograde greenschist to amphibolite facies mylonite zone (Ribeira Shear Zone, SE Brazil) [doi:10.1016/j.tecto.2009.12.014]. Tectonophysics [online], 2010, vol. 485, n. 1-4, p. 193-214.
  • FALEIROS, F.M., et al. Ediacaran high-pressure collision metamorphism and thrust nappe tectonics in the Curitiba Domain, Southern Ribeira Belt. In XLIV Congresso Brasileiro de Geologia, Curitiba, 2008. Curitiba : SBG, 2008. p. 12.
  • FALEIROS, F.M., e CAMPANHA, G.A.C.. Caracterização de terrenos tectono-metamórficos no extremo sul do estado de São Paulo. In III Workshop de Pós-Graduação do IGc-USP, São Paulo, 2003. São Paulo : IGc-USP, 2003.
  • FALEIROS, F.M., e CAMPANHA, G.A.C.. Geometria e cinemática do Domínio Curitiba (complexos Turvo-Cajati e Gnáissico-Migmatítico) na região do Alto Jacupiranguinha, Cajati-SP. In X Simpósio Nacional de Estudos Tectônicos, Curitiba, 2005. Curitiba : SBG, 2005. p. 428-431.
  • FALEIROS, F.M., e CAMPANHA, G.A.C.. Microestruturas e tramas de eixo-c de quartzo de tectonitos do Complexo Serra Negra (Craton Luís Alves), SP. In XIII Simpósio Nacional de Estudos Tectônicos [CD-ROM], Campinas, 2011. Campinas : SBG, 2011. p. 50-53.
  • FALEIROS, F.M., e CAMPANHA, G.A.C.. Quantificação da deformação em ortognaisses do Complexo Atuba na região da Serra do Azeite, Cajati-SP. In XLIII Congresso Brasileiro de Geologia [CD-ROM], Aracaju, 2006. Aracaju : SBG, 2006. p. 115.
  • FALEIROS, F.M., e CAMPANHA, G.A.C.. Química mineral e geotermobarometria de paragnaisses migmatíticos do Complexo Turvo-Cajati, sul do Estado de São Paulo. In XI Congresso Brasileiro de Geoquímica [CD-ROM], Atibaia, 2007. Atibaia : SBGq, 2007.
  • FALEIROS, F.M., e CAMPANHA, G.A.C.. Relações estruturais entre terrenos tectônicos no sul do estado de São Paulo. In XLII Congresso Brasileiro de Geologia [CD-ROM], Araxá, 2004. Araxá : SBG, 2004.
  • FALEIROS, F.M., e FALEIROS, A.M.. Microstructures and quartz c-axis fabrics of mylonites from the Putunã Shear Zone, Southeastern Brazil. In XLIV Congresso Brasileiro de Geologia, Curitiba, 2008. Curitiba : SBG, 2008. p. 982.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.