• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.2000.tde-22102015-102054
Documento
Autor
Nome completo
Rosana Astolfo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2000
Orientador
Banca examinadora
Forti, Maria Cristina (Presidente)
Cerri, Carlos Clemente
Melfi, Adolpho Jose
Título em português
Influência da cobertura vegetal na composição química dos sedimentos em suspensão em uma pequena bacia hidrográfica no nordeste da Amazônia
Palavras-chave em português
Bacia hidrográfica
Conservação
Manejo
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi estudar a influência da alteração parcial de uma microbacia hidrográfica na composição química dos sedimentos em suspensão das águas de drenagem. A microbacia, com uma área de 164ha, está localizada no nordeste da Amazônia, no Estado do Amapá (00º55'29,2" N; 51º59'32,6" W). Nessa bacia hidrográfica, cerca de 30ha, na parte jusante, foram desmatados. As alterações, nessa parte da bacia hidrográfica, foram causadas pelas atividades de mineração de manganês em sua vizinhança. Essas alterações foram desmatamento parcial, depósitos de pilhas de rejeitos de minério (bota fora) e construção de estradas para passagem de máquinas e veículos em geral. Para desenvolver este estudo, efetuou-se a comparação entre a composição química dos sedimentos em suspensão produzidos na área natural da microbacia com os sedimentos em suspensão produzidos na parte degradada da bacia hidrográfica. Para tal, foram coletadas, semanalmente, amostras de sedimentos em suspensão nas águas do igarapé Pedra Preta, nos períodos de Jun/93 a Jun/94 e Jun/95 a jul/96. Nessas amostras, foram analisados os íons 'Na POT.-', 'K POT.-', 'Mg POT.2+', 'Al POT.3', 'Fe POT. 3+', 'SiO IND.2', 'Mn POT.2+'. Os resultados mostraram que, devido às alterações, a quantidade de material total em suspensão exportado na foz da bacia hidrográfica foi, em média, cerca de 10 vezes maior em relação à saída na sub-bacia natural. Os valores médios das concentrações dos íons analisados nos sedimentos em suspensão apresentaram-se sempre significativamente maiores na foz da microbacia do que na saída da sub-bacia natural, devido à contribuição da área degradada. Verifica-se, através da análise estatística, que os valores médios das espécies químicas presentes nos sedimentos em suspensão, são significativamente diferentes entre a área natural e a área degradada. Os resultados da análise de correlação indicam que existe uma associação inter elementos, podendo-se dividi-los em dois grupos: 'Al POT.3+', "Fe POT.3+', 'SiO IND.2', 'Mn POT.2+', associados às argilas do tipo caulinita e aos minerais de minério presentes na bacia e 'Na POT.+', 'K POT.+', 'Mg POT.2+', 'CaPOT.2+' e "SiO IND.2' associados às argilas, às micas, aos minerais primários das rochas existentes no leito do rio e ao material alóctone formado pelas pilhas de rejeito de minério. Os sedimentos em suspensão apresentaram a mesma composição mineralógica nos dois locais amostrados, sendo o argilo-mineral dominante a caulinita, contendo traços de mica e goethita. Na sub-bacia hidrográfica da área natural, o período chuvoso é responsável por cerca de 50% de carga total exportada de sedimentos em suspensão, enquanto, na área desmatada, para esse mesmo período, representa cerca de 73% da carga total exportada. Estes resultados indicam que, mesmo que ocorra um reflorestamento em PF, induzindo a uma diminuição na produção de sedimentos em suspensão, pode-se concluir que o mesmo não ocorrerá em relação à erosão química. A presença de material alóctone, formando pilhas de rejeito de minério, continuará sofrendo intemperismo químico e, portanto, mobilizando as espécies químicas para a solução.
Título em inglês
Not available.
Palavras-chave em inglês
Not available.
Resumo em inglês
The objective of this research was to study the influence of the partial alteration upon the suspended sediments chemical composition in the stream water of a small catchment. The small catchment, with an area of 164 ha, is located at the northeastern Amazonia, in The Amapá State (00°55'29.2"N; 51°59'32.6"W), Brazil. The lower part of the catchment, around 30 ha, was partially altered due to deforestation and manganese mining related activities (road constructions and sterile material deposits). This research focuses on the comparison between the suspended sediments chemical composition produced in the natural undisturbed area with the one produced in the altered area of the catchment. In order to achieve the goals, weekly stream water suspended sediments samples were collected from the igarapé Pedra Preta, during the periods from JUN/93 - JUN/94 and JUN/95 - JUL/96. These samples were analyzed for Na, K, Mg, Ca, Al, Fe, SiO2 and Mn elements. The results showed that due to the alteration the total load suspended matter in disturbed area was around 10 times higher, then the outcome load from the natural undisturbed area. Concerning the suspended sediments ionic concentrations mean values, it is observed that they were always higher in the disturbed area compared with the natural undisturbed area. Statistical analysis done on the suspended sediments ionic concentration data showed that the mean values were statistically different in the two areas. The results of the correlation analysis suggest an inter elements association that could be splited in two groups: Al, Fe, SiO2, and Mn, associated with clay minerals, to kaolinite group, and to the manganese ores present in the catchment and Na, K, Mg, Ca and SiO2 associated with the clay and mica minerals of the bedrock existent on the river bed and with the aloctone sterile material deposits. The suspended sediments presented the same mineralogical composition for the two sites, being the principal clay mineral the kaolinite with traces of mica and goethite. In the natural undisturbed area during the wet period the suspended sediments load was 50% of the total exported load while within disturbed area this percentage was around 73% of the total suspended sediment load. As general conclusion, this study shows that, even if the lower portion of the catchment undergoes a reforestation program to minimize the suspended sediments production, the chemical weathering will remain. This process occurs due to the presence of the aloctone material within the sterile deposits which promotes a mobilization of the chemical species to the stream water.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Astolfo_Mestrado.pdf (5.59 Mbytes)
Data de Publicação
2015-10-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.