• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.1993.tde-21082015-160043
Documento
Autor
Nome completo
Heitor Siqueira Sayeg
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1993
Orientador
Banca examinadora
Machado, Romulo (Presidente)
Basei, Miguel Angelo Stipp
Fiori, Alberto Pio
Título em português
A evolução geológica brasiliana da região do Arroio Boici, RS
Palavras-chave em português
Brasil
Geologia
Resumo em português
O Vale do Arroio Boici, situado no município de Pinheiro Machado, RS, foi identificado como uma bacia limitada por falhas transcorrentes, desenvolvida durante a orogenia Serra do Herval (570-530 Ma). Essa região apresenta ampla exposição de unidades sedimentares englobadas na Formação Arroio dos Nobres (sensu FRAGOSO CÉSAR, 1991), representada por suas unidades Flysch Vale do Piquiri (inferior) e Molassa Vargas (superior). Os estudos efetuados enfocaram análises de proveniência, determinação de paleocorrentes, a identificação dos sistemas deposicionais que ali se desenvolveram e a análise dos principais falhamentos que condicionaram a bacia. Os resultados obtidos indicam que a região sofreu basculamentos regionais que provocaram inversões generalizadas de paleocorrentes, associadas ao soerguimento de blocos dos quais, na região estudada, o último a soerguer foi o bloco que contém o Terreno Serra das Encantadas. Nas fases precoces da orogenia Serra do Herval, toda a região do Escudo Uruguaio - Sul-Rio Grandense foi ocupada por um mar epicontinental, a Antefossa Arroio dos Nobres (FRAGOSO CÉSAR, 1991), cujo registro sedimentar constitui o Flysch Vale do Piquiri. A sedimentação representativa desta etapa foi promovida por sistemas de leques subaquosos evoluindo para leques costeiros, gerados num contexto de relevo progressivamente mais desenvolvido. Durante as etapas tardias dessa orogenia ocorreu a instalação de uma cadeia de montanhas a leste. Em conseqüência, na região anteriormente ocupada pela antefossa, instalaram-se diversas estreitas e alongadas bacias, limitadas por falhas transcorrentes sinistrais de direção NE. A Bacia do Arroio Boici, localizada numa zona limítrofe entre diferentes blocos crustais, é uma dessas bacias, sítios deposicionais dos depósitos tardiorogênicos reunidos na unidade superior da Formação Arroio dos Nobres, a Molassa Vargas. Os sedimentos dessa etapa foram gerados em ambientes inicialmente costeiros, passando a continentais. As análises de paleocorrentes e de proveniência indicam o isolamento tardio da região, provocado pelo soerguimento e exposição do Terreno Serra das Encantadas a noroeste. Em conseqüência, desenvolveram-se leques deltáicos passando a aluviais em ambas as bordas da bacia então definida, alimentando um sistema longitudinal de rios entrelaçados, com sentido de transporte para sudoeste. As análises dos principais falhamentos mostram que os movimentos predominantes foram sinistrais, com reativações de caráter destral e sinistral associados à abertura e expansão do Oceano Atlântico, responsáveis pela estruturação da falha do Boici, que delimita o contato entre as unidades da Formação Arroio dos Nobres na área estudada, e pela estruturação atual da região.
Título em inglês
Not available.
Palavras-chave em inglês
Not available.
Resumo em inglês
The Arroio Boici valley, located in the municipal area of Pinheiro Machado, RS, has been identified as a strike-slip basin formed during the Serra do Herval orogeny (570-530 Ma)This region shows wide exposure of sedimentary units of the Arroio dos Nobres Formation (FRAGOSO CESAR 1991) represented by the basal Vale do Piquiri Flysch and upper Vargas Molasse units. The studies concentrated on provenance analysis, determination of paleocurrent patterns, identification of depositional systems and analysis of the main faults which controlled basin development. The results show that the region underwent regional tilting, with widespread inversion of paleocurrent patterns, related to uplift of blocks. In the area studied, the last block uplifted was the Serra das Encantadas Terrain. During the earliest stages of the Serra do Herval orogeny, the eastern part of the Urugaio-Sul-Rio Grandense Shield was occupied by an epicontinental sea in the Arroio dos Nobres foredeep (FRAGOSO CESAR 1991), whose sedimentary register is the Vale do Piquiri Flysch. The typical sedimentation at this time was formed by sub-aqueous fan systems passing to coastal fans, and was generated by progressively raised topography. During the later stages of the orogeny, mountain chains formed to the east. Consequently, in the area formerly occupied by the fore-deep, a number of long, narrow strike-slip basins were formed. Their limits were NE-trending, sinistral transcurrent faults. The Arroio Boici basin is one of these basins, situated at a limit between crustal blocks. Such limits were sites for the late orogenic deposition of the Vargas Molasse, the upper unit of the Arroio dos Nobres Formation. The sediments of this stage formed in environments which were initially coastal and evolved to continental. Paleocurrent and provenance analyses show that the region became isolated late in the evolution, the isolation caused by uplift and exposure of the Serra das Encantadas Terrain to the northwest. Deltaic fans evolved to alluvial fans at both margins of the basin which formed and fed a longitudinal braided fluvial system with southwestward transport. Analysis of the main fault system shows that the main movements were sinistral, with both dextral and sinistral reactivations associated with the initial; opening and expansion of the Atlantic Ocean. These movements were responsible for the generation and evolution of the Boici Fault, which forms the contact between the units of the Arroio dos Nobres Formation in the studied area, and is responsible for the present structure of the region.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Sayeg_Mestrado.pdf (7.73 Mbytes)
Data de Publicação
2015-08-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.