• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.1993.tde-31032015-093153
Documento
Autor
Nome completo
Mara Akie Iritani
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1993
Orientador
Banca examinadora
Reboucas, Aldo da Cunha (Presidente)
Silva, Annkarin Aurelia Kimmelmann e
Taioli, Fabio
Título em português
Potencial hidrogeológico da Cidade Universitária de São Paulo
Palavras-chave em português
Hidrogeologia
Resumo em português
A Cidade Universitária, no oeste do Município de São Paulo, com uma demanda mensal de 240.000 m³ de água, procurou meios alternativos à rede pública de abastecimento, optando pela exploração dos recursos hídricos subterrâneos como fonte complementar. Aproveitando a oportunidade, foi feito este estudo visando caracterizar o potencial hídrico do aquífero sedimentar, composto por areias e conglomerados intercalados por lentes de lamito, pertencentes à Bacia Sedimentar de São Paulo. Para tanto, instalou-se uma rede de poços de monitoração e multiníveis para a observação de comportamento do aquífero, que mostra um fluxo da água subterrânea em sentido ao Rio Pinheiros. Os perfis geológicos dos poços, associados às informações geofísicas, permitiram definir a geometria do aquífero sedimentar que se espessa na porção norte da Cidade Universitária. As maiores espessuras são encontradas numa faixa E-W passando pela Raia Olímpica e a Escola Politécnica. O teste hidrodinâmico realizado no poço produtor PP1 evidenciou um comportamento com tendência ao semi-confinamento, com valores de transmissividade entre '10 POT.-4' e '10 POT.-3' M²/s e de condutividade hidraulica entre '10 POT.-6' e '10 POT.-4' M/s. O coeficiente de armazenamento mostrou menores valores a maiores profundidades, variando de'10 POT.-4' e '10 POT.-1. Estes dados permitiram avaliar as reservas permanente e reguladoras que mostraram altos valores. A reserva permanente é da ordem de 11 milhões de m³, enquanto a reserva reguladora ultrapassa os 900 mil m³/ano, volume este duas vezes superior ao volume produzido pelos poços produtores no aquífero sedimentar. Estes resultados evidenciam o potencial produtivo favorável do aquífero na área de estudo, sendo que as análises de água realizadas mostraram-se dentro dos padrões de potabilidade. Entretanto, devido à má qualidade da água do Rio Pinheiros, um estudo mais aprofundado sobre a relação com a água superficial deve ser realizado para evitar a contaminação do aquífero.
Título em inglês
Not available.
Palavras-chave em inglês
Not available.
Resumo em inglês
The São Paulo University Campus, in the west of São Paulo Municipality, which consumes 240.000 m³ of water per month, has tried other water supply alternatives, such as groundwater. This study aims the characterization of the sedimentary aquifer hydric potential, which is composed by sands and conglomerates interlayed by mudstone lenses of the São Paulo Sedimentary Basin. A net of monitoring wells and multilevels was installed in order to study the aquifer behavior. Well monitoring made evaluation of ground water flux towards Pinheiros River possible. The association of geologic sections with geophysical information enabled the definitions of the sedimentary aquifer geometry, which thickens in the northern part of the University Campus. Maximum thickness were found in a E-W belt passing through Raia Olímpica and Escola Politécnica. A hydrodynamic test performed in the productive well PP1 showed a semi-confinement tendency, with transmissivity and hydraulic conductivity values between '10 POT.-4' and 10 POT. -3' m²/s and '10 POT.-6' and '10 POT.-4' m/s respectively. The storage coeficients decrease with greater depths, varying between '10 POT.-4' and '10 POT.-1'. With these data, permanent and regulating reserves were estimated, the former of 11 million m³ and the latter over 900 thousand m³/year, twice as much as the volume produced by the productive wells in the sedimentary aquifer. These results put in evidence the favorable productive potential of the aquifer in the study area. Water analysis proved it to be within potability standards. It is important to point out that, due to the bad quality of the Pinheiros River water, a more detailed study on surface water flow should be carried out to avoid aquifer contamination.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Iritani_Mestrado.pdf (10.28 Mbytes)
Data de Publicação
2015-04-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.