• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.44.1980.tde-10092015-134821
Documento
Autor
Nome completo
Antonio Carlos Gondim de Andrade e Silva
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1980
Orientador
Banca examinadora
Barbour, Aledir Paganelli (Presidente)
Ribeiro Filho, Evaristo
Valarelli, Jose Vicente
Título em português
Mineralogia, material amorfo, evolução genética e estudo do níquel e cromo no perfil de alteração do Maciço Ultramáfico de Santa Fé, Goiás
Palavras-chave em português
Goiás
Mineralogia
Resumo em português
O Maciço Ultramáfico de Santa Fé situado no estado de Goiás, apresenta uma evolução geológica em três etapas: magmática, hidrotermal e intempérica. A primeira etapa está representada por um magmatismo de caráter ultrabásico durante o qual formou-se um zoneamento concêntrico, originando-se um núcleo dunítico que grada na periferia a faixas anelares de peridotito e piroxenito, com ocorrênciasde missourito e malignito. As rochas do maciço foram afetadas por uma alteração hipógena hidrotermal registrando-se nesta etapa uma intensa serpentinização e a formação de veios de vermiculita. Sobreposta à alteração hidrotermal desenvolve-se em superfície uma alteração intempérica laterítica responsável pela evolução de um espesso manto de intemperismo. A conjugação desses processos geológicos dá origem ao perfil de alteração do Maciço de Santa Fé, objeto de estudo da presente pesquisa. O perfil de alteração apresenta um zoneamento vertical caracterizado pela seguinte seqüênciade horizontes: Crosta Ferrilítica, Laterita Vermelha, Laterita Amarela, Saprolito Grosso e Rocha Compacta. Mediante o emprego de difração de raios x, análise termo diferencial, microscopia de luz transmitida e refletida, aliadas a observações geológicas foi possível definir os três grupos de minerais presentes no Maciço de Santa Fé - minerais primários magmáticos - minerais de alteração hidrotermal - minerais de alteração intempérica. Processou-se a determinação do produto amorfo no perfil de alteração, estudando-se as variações composicionais que apresentam em função do horizonte dealteração, relevo e rocha mãe. Constatou-se que o produto amorfo está representado por um material ferruginoso-niquelífero que se distribui no Saprofito Grosso e em menor proporção na laterita amarela, quando estes horizontes capeiam rochas duníticas nas várias entidades de relevo. Nas áreas de topo demorro este material se enriquece em produto sílico-magnesiano. Durante o intemperismo laterítico verifica-se uma concentração do Ni principalmente no topo do Saprolito Grosso e base da Laterita Amarela. O minério de níquel está constituído por vermiculita, clorita, serpentina e material amorfo. Verifica-se, também, durante o processo de intemperização uma concentração residual de cromita na laterita vermelha.
Título em inglês
Not available.
Palavras-chave em inglês
Not available.
Resumo em inglês
Not available.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2015-09-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.