• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.42.2001.tde-07032002-143329
Documento
Autor
Nome completo
Michella Soares Coêlho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2001
Orientador
Banca examinadora
Heimann, Joel Claudio (Presidente)
Nunes, Maria Tereza
Passaglia, Rita de Cassia Aleixo Tostes
Título em português
Obesidade Induzida por Restrição Crônica no Consumo de Sal na Dieta: Avaliação do Perfil Hormonal e do Apetite em Ratos Wistar .
Palavras-chave em português
GH
ingestão alimentar
insulina) e obesidade.
perfil hormonal (leptina
Pressão arterial
sal
sódio
T3
T4
TSH
Resumo em português
Em nosso laboratório foi demonstrado que ratos submetidos à restrição crônica de sal na dieta apresentaram maior peso corpóreo (PC), menor sensibilidade à insulina e alterações pressóricas em comparação com ratos submetidos à sobrecarga crônica de sal na dieta. No presente estudo, o objetivo foi avaliar alguns mecanismos de obesidade e alterações hormonais associados à dieta hipossódica. Foram utilizados ratos Wistar machos submetidos à dieta hipo (HO: 0,15% NaCl), normo (NO: 1,27% NaCl) ou hipersódica (HR: 7,94% NaCl) desde o desmame até 12 semanas de idade. Nestes animais foram realizadas medidas de pressão arterial (PA), freqüência cardíaca (FC), consumo de ração, PC, perfil dos hormônios [leptina (LEP), GH, insulina (INSh - anticorpo anti-insulina humana), T3, T4 e TSH] e decaimento da 125I-insulina (DEC-INS). O consumo de ração foi avaliado durante sete dias consecutivos com um (1G) ou quatro (4G) ratos por gaiola de plástico e com um rato por gaiola metabólica (1GM). O PC também foi medido neste período. Glicemia (GLI) e insulinemia (INSr - anticorpo anti-insulina de rato) basais foram quantificadas antes da realização do estudo do DEC-INS. Para avaliar o DEC-INS, foi injetado 1mCi de 125I-insulina humana pelo cateter implantado na veia jugular, após 6 a 8 horas de jejum fisiológico. As amostras de sangue foram coletadas pelo cateter implantado na carótida a cada 30 segundos durante 2 minutos e depois a cada 1 minuto até 10 minutos de experimento. Os resultados obtidos demonstraram que ratos submetidos à dieta HR apresentaram maior PA em comparação a ratos em dieta NO e HO. Os ratos submetidos à dieta HO apresentaram menor FC cardíaca em relação ao grupo NO. A avaliação de ingestão alimentar revelou que ratos em dieta HR consumiram maiores quantidades de ração (1G e 4G) em comparação com ratos em dieta NO e HO. O grupo HO apresentou maior PC em comparação com os grupos de ratos NO e HR. Os ratos em dieta HR ou HO apresentaram níveis diminuídos de LEP em comparação com ratos submetidos à dieta NO. Os ratos que receberam dieta HO apresentaram níveis elevados de INSr em comparação com ratos em dieta HR e NO. Os ratos em dieta HR apresentaram níveis elevados de T4 total e níveis reduzidos de TSH em comparação com animais em dieta NO e HO. INSr e GLI basais foram maiores nos ratos em dieta HO do que nos ratos que receberam dieta HR e NO. O DEC-INS (decaimento exponencial) foi mais rápido no grupo HR demonstrado por meio de menor meia-vida da 125I-insulina. Os resultados sugerem que maior PC nos ratos sob restrição salina crônica é devido a maior eficiência metabólica (maior PC e menor consumo de dieta) que pode estar relacionada com alterações hormonais e com a dieta HO. Palavras-chave: Pressão arterial, sal, sódio, ingestão alimentar e perfil hormonal.
Título em inglês
Obesity induced by chronic salt restriction: Evaluation of hormonal profile and appetite in Wistar rats.
Palavras-chave em inglês
Blood pressure
food intake
hormonal profile (leptin
insulin)
obesity.
salt
Resumo em inglês
Previous studies from our laboratory have shown that chronic salt restriction decreases blood pressure, increases insulin resistance, and body weight (BW) in Wistar rats. The aim of this study was to evaluate some mechanisms of obesity and hormonal alterations associated with chronic salt restriction. Male Wistar rats were fed a low (LSD: 0,15% NaCl), normal (NSD: 1,27% NaCl), or high salt diet (HSD: 7,94% NaCl) from weaning. At the 12th week of age, tail-cuff blood pressure (TCBP), intra arterial blood pressure (BP), heart rate ((HR), food intake, BW, hormonal levels [leptin (LEP), growth hormone (GH), insulin (INSh - antibody anti-human insulin), T3, T4 and TSH] and 125I insulin decay study (DECAY-INS) were measured. To evaluate the food intake and body weight, each dietary group was divided in 3 subgroups, according to housing conditions: one (1C) or four (4C) rats per cage and one rat per metabolic cage (1MC) for daily food consumption and BW determinations during 7 days. Fasting plasma glucose (GLU) and insulin (INSr - antibody anti-rat insulin) were measured before the DECAY-INS. To evaluate the DECAY-INS, 1mCi human 125I-insulin was injected through the jugular catheter after 6-8 hours of food restriction. Blood samples were withdrawn through the carotid catheter every 30 sec during 2min, and in sequence, every 1 min for additional 10 minutes. 125Iinsulin was determined by RIA for human insulin. Rats on HSD had higher intra arterial BP and TCBP compared to rats on NSD and LSD. Heart rate was lower on LSD than on NSD. In all housing conditions, BW was higher on LSD than on NSD and HSD. Food intake was higher on HSD (1C and 4C) than on NSD and LSD. Plasma GH and LEP were higher on NSD than on the 68 other two groups. Plasma INSh was higher in LSD compared to HSD and NSD rats. Plasma total T4 was higher on HSD than on the NSD and LSD, TSH was lower on HSD than on NSD and HSD, and T3 was not different among all groups. Fasting GLU and INSr were higher on LSD compared to HSD and NSD rats. The exponential insulin decay was faster on HSD demonstrated by a lower 125I-INS half-life. These results suggest that obesity in rats on chronic LSD is due to a higher metabolic efficiency (higher body weight and lower diet consumption), that may be related to the hormonal consequences of LSD. Key Words: blood pressure, salt, sodium, food intake and hormonal profile.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
tde.pdf (593.38 Kbytes)
Data de Publicação
2003-10-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.