• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.42.2008.tde-09092008-152936
Documento
Autor
Nome completo
Luciana Pietro
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Bevilacqua, Estela Maris Andrade Forell (Presidente)
Mattar, Rosiane
Oliveira, Sergio Ferreira de
Título em português
Fator de crescimento endotelial vascular (VEGF) na placenta de gestantes com hiperglicemia leve.
Palavras-chave em português
Angiogênese
Hiperglicemia
Placenta
VEGF e receptores
Resumo em português
O objetivo deste trabalho foi avaliar a presença da proteínas - fator de crescimento endotelial vascular (VEGF) e seus receptores R1 (Flt-1) e R2 (Flk-1) em placentas a termo de gestantes com hipergliccemia leve, comparando estes resultados com o observado em placentas de gestantes normoglicêmicas e diabéticas gestacional e clínica, através de reações de imunohistoquímica e Western Blotting. Resultados: em geral, placentas de gestantes normoglicêmicas apresentam reatividade bastante expressiva aos anticorpos contra VEGF, VEGF-R1 e -R2 nas células vasculares e trofoblásticas. Reações destacadamente intensas foram observadas no endotélio capilar, células mesenquimais, sinciciotrofoblasto e células citotrofoblásticas extravilosas para VEGF e VEGF-R2. Estes resultados sugerem que o balance VEGF/VEGFR está alterado nas placentas de gestantes com hiperglicemia leve, o que pode ser um aspecto crucial para explicar a hipercapilarização induzida nos vilos terminais neste distúrbio glicêmicos.
Título em inglês
Vascular endothelial growth factor (VEGF) in placentas of hyperglycemic disturbs-associated pregnancy.
Palavras-chave em inglês
Angiogenesis
Hiperglycemic
Placenta
VEGF and receptors
Resumo em inglês
O objetivo deste trabalho foi avaliar a presença da proteínas - fator de crescimento endotelial vascular (VEGF) e seus receptores R1 (Flt-1) e R2 (Flk-1) em placentas a termo de gestantes com hipergliccemia leve, comparando estes resultados com o observado em placentas de gestantes normoglicêmicas e diabéticas gestacional e clínica, através de reações de imunohistoquímica e Western Blotting. Resultados: em geral, placentas de gestantes normoglicêmicas apresentam reatividade bastante expressiva aos anticorpos contra VEGF, VEGF-R1 e -R2 nas células vasculares e trofoblásticas. Reações destacadamente intensas foram observadas no endotélio capilar, células mesenquimais, sinciciotrofoblasto e células citotrofoblásticas extravilosas para VEGF e VEGF-R2. Estes resultados sugerem que o balance VEGF/VEGFR está alterado nas placentas de gestantes com hiperglicemia leve, o que pode ser um aspecto crucial para explicar a hipercapilarização induzida nos vilos terminais neste distúrbio glicêmicos.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-09-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.