• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.42.2008.tde-18092008-112302
Documento
Autor
Nome completo
Patricia Macchiaverni
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Condino Neto, Antonio (Presidente)
Negro, Sonia Jancar
Solé, Dirceu
Título em português
Caracterização quantitativa e funcional da transferência de anticorpos anti-Dermatophagoides pteronyssinus via placenta e colostro materno.
Palavras-chave em português
Ácaro
Colostro
Gravidez
Hipersensibilidade
Imunoglobulina
Resumo em português
Existem fortes evidências de que a supressão da hipersensibilidade nos recém nascidos pode ser mediada pela transferência de anticorpos maternos, dependendo de sua concentração e especificidade, no entanto carece estudos sobre a eficácia em humanos. Realizamos este estudo a fim de caracterizar qualitativa e quantitativamente a transmissão de anticorpos direcionados ao principal alérgeno da poeira domiciliar (Der p) via placenta e colostro materno, assim como investigar o efeito da sensibilização materna ao Der p na transferência passiva destes anticorpos. Para tais objetivos, analisamos amostras de sangue materno, cordão umbilical e colostro de puérperas sensibilizadas. Demonstramos pela primeira vez que S-IgA anti-Der p pode ser transferida ao lactente em concentrações bastante variáveis e com alto índice de avidez, independente da sensibilização materna ao mesmo ácaro. Demonstramos também que o nível de IgG específica ao Der p é mais elevado em recém nascidos de mães sensibilizadas quando comparado aos de mães controle não sensibilizadas. Já a avidez específica da IgG anti-Der p foi muito semelhante entre as amostras pareadas de cordão umbilical e soro materno, assim como em amostras do grupo estudo e grupo controle.
Título em inglês
Quantitative and functional characterization of antibodies anti-Dermatophagoides pteronyssinus transference through placenta and maternal colostrum.
Palavras-chave em inglês
Colostrum
Hypersensitivity
Immunoglobulin
Mite
Pregnancy
Resumo em inglês
It is known that the incidence of allergic disease has been rising very fast in the last decade and nowadays affects thousands of children worldwide. For this reason, it is of great interest that efficient strategies of prevention of atopy should be applied in the first years of life or even before birth. The are strong evidences that the suppression of hypersensitivity in newborn can be mediated by the transference of maternal antibodies, depending on their concentration and specificity, however still little is known about the mechanisms involving, in special in humans. We made this study aiming to characterize qualitatively and quantitatively the antibodies transmission directed to the main home dust allergen (Dermatophagoides pteronyssinus; Der p) through placental transference and maternal breastfeeding as well as to investigate the maternal sensitizing effect against to Der p in passive transference of these antibodies. For those objectives, we quantified by ELISA, IgG anti-Der p in paired samples of maternal blood and umbilical cord and anti-Der p S-IgA in colostrums of sensitized mother (n=13) and not sensitized (n=26); and we analyzed the functional activity of the same antibodies by avidity assays. The sensibility was determined in maternal sera by specific RAST (Cap System® Pharmacia). We show by the first time that anti-Der p S-IgA is transferred to the infant in very variable concentrations and with high levels of avidity, but is not dependent of maternal sensitization. We believe that breastfeeding is important, because it supplies S-IgA with the capacity to neutralize in a specific manner and block the entrance of Der p through mucosa, in infant of RAST+ mothers as well as of RAST-. We also demonstrate that total and specific to Der p IgG levels are more elevated in newborns of sensitized mothers when compared to of those of control mothers and non-sensitized indicating that the maternal sensitizing can influence the fetal immune response. In the other hand, the specific avidity of anti-Der p IgG was very similar between paired samples of umbilical cord and maternal sera, as well as in samples of study group and control group, suggesting thar the avidity index of IgG does not influence on placental transfer of specific antibodies. Once that the maternal antibody transference represent a important mechanism for immunomodulation of allergic response, we expect that a better understanding of the influence of maternal sensitivity on passive transfer of specific antibodies to babies will contribute with advances in the elaboration of adequate strategies of prevention of allergic sensitivity with more efficient therapeutic results.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-09-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.