• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.42.2008.tde-17112008-164429
Documento
Autor
Nome completo
Andrea Gil Ferreira de Arruda
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Starobinas, Nancy (Presidente)
Kwasniewski, Fábio Henrique
Negro, Sonia Jancar
Título em português
Estudo comparativo da ativação de macrófagos de linhagens de camundongos geneticamente selecionados para a reatividade inflamatória aguda.
Palavras-chave em português
Camundongos
Citocinas
Fagocitose
Imunogenética
Inflamação
Macrófagos
Resumo em português
As linhagens de camundongos selecionadas para a máxima (AIRmax) ou mínima (AIRmin) reatividade inflamatória aguda, demonstram diferenças quanto a capacidade de infiltrar neutrófilos. O projeto tem como objetivo caracterizar a atividade de macrófagos residentes ou induzidos com tioglicolato no exsudato peritoneal nestas linhagens. Nas 6h do estímulo, o tioglicolato induz migração de neutrófilos sendo o máximo de migração de macrófagos após 96h. Em ambas as linhagens, macrófagos induzidos por tioglicolato fagocitavam mais partículas de zimosan em relação a macrófagos residentes. Nos resultados pudemos observar que macrófagos da linhagem AIRmax respondem mais ao LPS em relação à expressão de TNF-a, IL-6, IL-12, IL-1b, TREM1, DAP12, e síntese de H2O2 e NO, que condiz com a alta inflamação dos AIRmax. Observamos que células residentes da linhagem AIRmin sintetizavam maiores quantidades de IL-10 e TGF-b em relação à linhagem AIRmax. Após o estímulo de tioglicolato, macrófagos da linhagem AIRmax produziam maiores quantidades de citocinas anti-inflamatórias.
Título em inglês
Comparative study of macrophage activation from lines of mice selected for acute inflammatory reaction.
Palavras-chave em inglês
Citokines
Immunogenetics
Inflammation
Macrophages
Mice
Phagocytosis
Resumo em inglês
Lines of mice genetically selected for maximal (AIRmax) or minimal (AIRmin) acute inflammatory reaction (AIR) demonstrated differences in the capacity to infiltrate neutrophil cells. The aim of this work is the characterization of the activity of resident or thioglicollate-induced macrophages in the peritoneal exudates in these mice. After 6h, thioglicollate induces the migration of neutrophils being the maximal macrophage migration achieved at 96h. On both lines, thioglicollate-induced macrophages showed higher phagocytic activity of zymosan particles than resident macrophages. Macrophages from AIRmax mice produced higher response with LPS, than AIRmin cells, regarding the expression of TNF-a, IL-6, IL-12, IL-1b, TREM1, DAP12, and synthesis of H2O2 and NO, which is consistent with the high inflammation selected phenotype of AIRmax mice. We observed that resident cells from AIRmin mice secret higher amounts of IL-10 and TGF-b than AIRmax cells. After thioglicollate stimulus, macrophages from AIRmax mice produced higher levels of the anti-inflammatory cytokines.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2009-02-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.