• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
Documento
Autor
Nome completo
Marina Burgos da Silva
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Câmara, Niels Olsen Saraiva (Presidente)
Cavinato, Regiane Aparecida
Kerbauy, Daniella Marcia Bahia
Ortis, Fernanda
Starobinas, Nancy
Título em português
Papel da obesidade na rejeição de transplantes alogênicos.
Palavras-chave em português
Inflamação
Obesidade
Rejeição de enxerto
Transplante de medula óssea
Transplante de pele
Resumo em português
Além de modular o metabolismo energético, o tecido adiposo constitui um regulador endócrino, produzindo fatores como a adiponectina (APN), adipocina pouco expressa na obesidade, com propriedades imunoreguladoras. Neste trabalho investigamos o papel da obesidade e APN em modelos murinho de transplante de pele e doença do enxerto-versus-hospedeiro (GvHD), na obesidade induzida por dieta hiperlipídica (Ob) e animais knockout (KO) para APN. Em suma, receptores Ob e APN KO apresentaram rejeição acelerada de enxerto de pele, associado inflamação do tipo Th1 e Th17. A obesidade também levou a pior GvHD, associado a maior inflamação no fígado, pulmão, intestino junto a dano hepático e intestinal, enquanto a manutenção de dieta HF após o transplante preveniu parciamente este dano. Estudos in vitro corroboraram estes resultados, mostrando maior ativação dendrítica e linfocitária em meio mimetizando a obesidade. Desta forma, este estudo sugere que a obesidade e redução de APN levam a maior rejeição de transplantes sugerindo adiante um papel importante à dieta neste processo.
Título em inglês
Role of obesity in alogeneic transplant rejection.
Palavras-chave em inglês
Bone marrow transplant
Graft rejection
Inflammation
Obesity
Skin transplant
Resumo em inglês
In addition to modulating energy metabolism, the adipose tissue is an endocrine regulator, producing factors such as adiponectin (APN), an adipokine little in obesity, with immunoregulatory properties. In this work we investigated the role of obesity and APN in skin transplant and graft-versus-host disease (GvHD) in high-fat diet induced obesity (Ob) and knockout (KO) mice for APN. In summary, Ob and APN KO receptors showed accelerated skin graft rejection, associated with Th1 and Th17 type inflammation. Obesity also led to worse GvHD, associated with increased inflammation in liver, lung, intestines along with liver and gut damage, while maintenance of the HF diet after transplantation partially prevented this damage. In vitro studies corroborated these results, showing greater dendritic and lymphocytic activation in conditions mimicking obesity. Thus, this study suggests that obesity and reduced APN lead to greater rejection of transplants further suggesting an important role of diet in this process.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2020-02-16
Data de Publicação
2018-02-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.