• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.42.2007.tde-08012008-153109
Documento
Autor
Nome completo
Vinicius Ricardo Cuña de Souza
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2007
Orientador
Banca examinadora
Ibañez, Olga Célia Martinez (Presidente)
Barbuto, Jose Alexandre Marzagao
Fecchio, Denise
Isaac, Lourdes
Kaneno, Ramon
Título em português
Carcinogênese de pele e pulmão em linhagens de camundongos selecionados segundo a reatividade inflamatória aguda.
Palavras-chave em português
Camundongos
Carcinógenos químicos
Hidrocarbonetos aromáticos.
Imunogenética
Inflamação
Neoplasias cutâneas e de pulmão
Resumo em português
Camundongos AIRmax são resistentes e AIRmin susceptíveis à carcinogênese de pele por repetidas doses de DMBA. Apenas os AIRmin desenvolvem reação de hipersensibilidade de contacto (CHS) inicial seguida de tumores de pele e pulmão. O receptor aril hidrocarboneto (AHR) é importante no metabolismo do DMBA. Após ligação ao agonista este fator de transcrição aumenta a expressão de enzimas CYP450 necessários à sua metabolização. Nos AIRmin ocorreu um aumento do mRNA de IL1b, TNFa, IL6, TGFb1 e CYP1B1 na pele às 48h após as doses de DMBA. Nos AIRmax não houve alteração. O aumento de expressão de citocinas e de P450 em AIRmin é coerente com a indução de CHS por DMBA dependente da ativação do AHR. Todos os AIRmax são homozigotos para o alelo Ahrd que confere resistência a CHS e carcinogênese enquanto os AIRmin portam o alelo Ahrb1 que confere susceptibilidade. Esta segregação alélica sugere a participação do Ahr como marcador ou gene que regula a carcinogênese e inflamação. Esta última hipótese foi confirmada pela análise de linkage dos genótipos Ahr parentais com o grau da inflamação em população F2 (AIRmax x AIRmin). Fatores genéticos ligados ao AHR e reações imunes específicas contribuem para a diferente susceptibilidade das linhagens à carcinogênese.
Título em inglês
Skin and lung carcinogenesis in mice Selected for acute inflammatory response (AIR).
Palavras-chave em inglês
Aromatic hydrocarbon.
Chemical carcinogens
Immunogenetic
Inflammation
Mouse lines
Skin and lung neoplasia
Resumo em inglês
AIRmax mice are resistant and AIRmin susceptible to skin carcinogenesis by repeated DMBA doses. AIRmin mice developed initial contact hypersensitivity reaction (CHS) and late skin and lung tumors. The aryl hydrocarbon receptor (AHR) plays important roles in DMBA metabolism. Upon binding to agonist this transcription factor induces the expression of CYP P450 enzymes. Up regulated levels of IL1b, TNFa, IL6, TGFb1 and CYP1B1 mRNAs were found in the skin of AIRmin at 48h after DMBA. In AIRmax the levels were similar to controls. The cytokine and P450 mRNA up regulation in AIRmin is coherent with CHS elicitation by DMBA dependent on AHR activation. All AIRmax were found homozygous for the Ahrd allele, which confers resistance to CHS and carcinogenesis, whereas all AIRmin are homozygous for the Ahrb1 allele, related to susceptibility. The allelic segregation in the lines suggests that Ahr is a marker or a gene involved in carcinogenesis and in inflammatory response control. This last hypothesis was confirmed by linkage analysis of Ahr parental genotypes with acute inflammation degree in F2 (AIRmax x AIRmin) population. The results point to genetic and molecular factors underlying the differential susceptibility of AIRmax and AIRmin mice to carcinogenesis.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-01-15
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.