• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.42.2012.tde-22052012-103409
Documento
Autor
Nome completo
Wilma Allemandi
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Nogueira, Maria Ines (Presidente)
Alonso, Luis Garcia
Canteras, Newton Sabino
Castelucci, Patricia
Felicio, Luciano Freitas
Título em português
Estudo da imunorreatividade da proteína S100b no Hipocampo e Núcleo do Trato Solitário de ratos neonatos submetido à anóxia.
Palavras-chave em português
Anóxia Fetal
Astrócitos
Imunohistoquímica
Ontogenia
Ratos
Sistema nervoso central
Resumo em português
Agressões nos períodos críticos do crescimento do sistema nervoso podem modificar os eventos de desenvolvimento. Entre os vários fatores nocivos está a anóxia. O organismo do neonato tem suprimento de energia anaeróbica relativamente rica, foi observado que a acidose ocorre com menor facilidade, propiciam sobrevivência. A proteína de astrócitos, S100b, exerce efeitos parácrinos e autócrinos em neurônios e glia. Sua estimulação promove sobrevivência e proteção neuronal, atuando como fator trófico e neurotrófico. Modelo animal de anóxia neonatal desenvolvido em nosso laboratório, nos revelou ativação neural pela expressão de Fos e alterações comportamentais, o que nos instigou a explorar os efeitos da anóxia nas células da glia no Hipocampo e Núcleo do Trato Solitário. Para sua exposição à anoxia, durante 25 minutos, foi utilizada câmara, saturada com nitrogênio gasoso 100%. Grupos P2 e P7 nas condições: Basal (B), sem estimulo; Sham (S) como controle experimental e Anóxia (A) com falta de oxigênio, foram analisados por S100b-IR com técnicas ABC/DAB e Western blot. Observamos significante diferença de S100b-IR no núcleo do trato solitário, somente no grupo P2 A 2 h em relação ao grupo P2 S 2 h. A reatividade glial de S100b na formação hipocampal (CA1, CA3+CA2 e DG), apresentou diferença significante no grupo anoxia de acordo com o estágio de maturação do animal. A técnica por Western blot em toda a formação hipocampal, apresentou aumento de S100b no grupo A em ambos P2 e P7, a avaliação de um todo foi diferente daquela de áreas especificas.
Título em inglês
Study of S100b protein immunoreactivity in the Hypocampus and Nucleus of Solitary Tract of newborn rats submitted to anoxia.
Palavras-chave em inglês
Astrocytes
CNS
Fetal anoxia
Immunohistochemistry
Ontogeny
Rats
Resumo em inglês
Attacks to the nervous system at critical growth periods can modify developmental events. Among the various harmful factors at is anoxia. The high anaerobic energy supply to the newborn and a less easily acidosis occurrence provides survival. The astrocyte S100b protein exerts paracrine and autocrine effects on neurons and glia. Its stimulation promotes neuronal survival and protection, as a trophic and neurotrophic factor. An animal model of neonatal anoxia improved in our lab revealed neural activation by Fos expression and behavioral changes, which prompted us to explore the anoxia effects on glial cells in the Hypocampus and Nucleus of Solitary Tract. For their exposure to anoxia, a chamber, saturated with 100% nitrogen gas, for 25 minutes were used. Groups with P2 and P7, conditions: Baseline, without stimulation; Sham as the experimental control, and Anoxia with lack of oxygen, were evaluated by S100b-IR by ABC/DAB and Western blot techniques. The nucleus of solitary tract, significant different S100b-IR observed, only in the P2 A 2 h compared to P2 S 2 h. The glial S100b-IR at the hippocampal formation (CA1, CA2 + CA3 and DG) presented significant difference in the anoxic group according to the maturational stage of the animal. Western blot technique of the entire hippocampal formation, showed increase of S100b at the group A at both P2 and P7, the whole evaluation was different from of that of specific areas.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2012-06-01
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.