• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.41.2014.tde-06032015-103643
Documento
Autor
Nome completo
Fabio Moraes Gois
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2014
Orientador
Banca examinadora
Haddad Junior, Hamilton (Presidente)
Cravo, André Mascioli
Scarpa, Daniela Lopes
Título em português
Emoção, tomada de decisão e mudança conceitual: um estudo sobre concepções alternativas e científicas em biologia
Palavras-chave em português
Concepções alternativas
Emoção
Ensino de biologia
Estresse
Mudança conceitual
Tomada de decisão
Resumo em português
Concepções alternativas são compreensões não científicas estáveis e bastante resistentes a mudanças, forjadas pela experiência cotidiana dos indivíduos. Pesquisadores têm mobilizado esforços para entender como elas interagem com os conteúdos científicos presentes no contexto escolar e universitário. Tem ficado evidente que a mudança conceitual não depende apenas de processos puramente cognitivos. O ensino capaz de promover verdadeiramente uma mudança conceitual, deve integrar formas de aumentar o engajamento emocional dos estudantes, de modo que esta relação afetiva com o conhecimento faça com que suas crenças e pré-concepções sejam modificadas. Evidências tem demonstrado que processos cognitivos são fortemente influenciados tanto por aspectos racionais quanto emotivos. As emoções, por sua vez, são acompanhadas de marcadores somáticos, isto é, reações corporais fisiológicas, mediadas pelo sistema nervoso autônomo. Segundo alguns autores, elas são fundamentais nos processos de tomada de decisão. O presente estudo teve por objetivo desenvolver uma ferramenta para investigação do processo de mudança conceitual bem como aspectos fisiológicos desse processo. Para tanto, desenvolvemos um questionário que permite diferenciar biólogos de não-biólogos através de seu desempenho e identificamos 5 tipos diferentes de conceitos em biologia, quanto à sua compreensão e adoção. Avaliamos o vínculo afetivo que biólogos e não-biólogos possuem com concepções alternativas e científicas, através da resposta de condutância da pele. Verificamos que os não-biólogos apresentam maiores alterações na resposta de condutância da pele independentemente de estarem visualizando uma concepção alternativa ou científica. Mostramos, também, que questionários de resposta forçada, tão utilizados no ensino em geral, geram aumento da atividade eletrodérmica independentemente da formação do respondente, como uma possível resposta à condição de estresse
Título em inglês
Emotion, decision making and conceptual change: a study about misconceptions and scientific conceptions in biology
Palavras-chave em inglês
Biology teaching
Conceptual change
Decision making
Emotion
Misconception
Stress
Resumo em inglês
In students, misconceptions, or spontaneous conceptions, are comprehensions of natural phenomena forged by daily experience. These non-scientific viewpoints regarding the world are both solid and resistant to change. Besides the attempt to map misconceptions regarding a vast amount of natural phenomena, research in Science Education has also been dedicated to understanding how they interact with the scientific content in school and college programs. Some researchers have proposed that conceptual change is not dependent on purely rational processes. Evidence has shown that cognitive processes, such as perception, attention, learning, memory, decision-making, and problem resolution, are all strongly influenced by both rational aspects and emotional factors. Furthermore, the latter are accompanied by somatic markers, namely, corporal physiological reactions that act in the construction of emotional perceptive experiences. These markers are extremely important in the decision-making process, and it is hypothesized that before rationalizing a decision in terms of value analysis, they are instrumental in the unconscious reduction in the number of options that occurs. In this study, we developed a questionnaire that allows to differ biologists from non-biologists through its score and identified 5 different kinds of biological concepts, for their understanding and adoption. We evaluated the affective bonding that biologists and non-biologists have with the misconceptions and scientific conceptions, by its skin conductance response. We found that non-biologists presented higher skin conductance responses regardless of visualizing a misconception or a scientific conception. We showed that questionnaires with forced answer, so used in teaching, generates an increase on skin conductance responses, as a prospective response to stress condition
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Fabio_Gois.pdf (2.23 Mbytes)
Data de Publicação
2015-04-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.