• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.41.2018.tde-22032018-132941
Documento
Autor
Nome completo
Renan Andrade Moreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Ragazzo, Mônica de Toledo Piza (Presidente)
Casas, André Luis da Silva
Melo, Marcelo Roberto Souto de
Silva, Alessio Datovo da
Soares, Mateus Costa
Título em português
Morfologia comparada do órgãos copuladores de Batoidea (Chondrichthyes: Elasmobranchii)
Palavras-chave em português
Anatomia comparada
Batoidea
Órgãos copuladores
Resumo em português
A superordem Batoidea é fortemente corroborada como monofilética, com cerca de 650 espécies viventes, sendo a superordem mais diversa dentre os Chondrichthyes. O órgão copulador duplo, conhecido como mixopterígio, é uma das sinapomorfias de Chondrichthyes. O mixopterígio de Batoidea, com exceção de Rajidae, não foi amplamente analisado do ponto de vista comparativo, sendo o conhecimento restrito a descrições isoladas de alguns táxons. O vasto conhecimento do mixopterígio de rajídeos evidencia a grande importância da estrutura em estudos de taxonomia e filogenia, com muitos táxons definidos principalmente baseados na anatomia e morfologia dos componentes que formam o órgão copulador. Os demais grupos carecem de estudos comparativos como feitos para Rajidae. Devido à importância sistemática do mixopterígio em Rajidae, o presente projeto tem objetivo descrever as estruturas internas e externas que compõem o órgão copulador dos membros das famílias de Batoidea, identificar possíveis padrões anatômicos que caracterizam grupos taxonômicos e testar o monofiletismo da superordem Batoidea e de seus principais grupos. A terminologia utilizada para os componentes do órgão copulador é praticamente toda baseada na família Rajidae, sendo necessária uma revisão abordando os demais grupos de raias e seus táxons proximamente relacionados
Título em inglês
Comparative anatomy of copulatory organs of Batoidea (Chondrichthyes: Elasmobranchii)
Palavras-chave em inglês
Batoidea
Comparative anatomy
Copulatory organs
Resumo em inglês
Batoidea is a monophyletic group and is the most diverse superorder within Chondrichthyes with about 640 valid species. Endoskeletal copulatory organs in males (claspers) are a synapomorphy of Chondrichthyes. The classification as well as interrelationships within elasmobranchs has been influenced by characters found in the copulatory organs. In Rajiformes (skates), for example, the claspers are very important in phylogenic and taxonomic studies, with most genera and species defined based on the anatomy of clasper elements, especially those of the terminal group (dorsal and ventral terminal cartilages). However in other batoids the anatomy and morphology of the claspers are still precariously known, highlighting the necessity of a thorough morphological analysis of the copulatory organs of Batoidea. The present PhD project, therefore, is a thorough, detailed morphological and systematic analysis of the variation observed in claspers among all batoid groups. The main objective of the present project is to describe and compare the external and internal (muscle and skeleton) components of the clasper, clarifying relationships of homology of its components among batoids, and discovering systematic patterns that are plylogenetically informative that may aid in resolving problematic relationships within batoids (such as which batoid group is most basal, elucidate the doubtful monophyletic status of guitarfishes, and the phylogenetic position of problematic taxa, such as Zanobatus, Platyrhinidae and electric rays)
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-04-06
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.