• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.41.2015.tde-17072015-140133
Documento
Autor
Nome completo
Marco Aurélio de Sena
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Rodrigues, Miguel Trefaut Urbano (Presidente)
Curcio, Felipe Franco
Carvalho, Marcelo Rodrigues de
Nogueira, Cristiano de Campos
Pellegrino, Katia Cristina Machado
Título em português
Filogenia e evolução dos Tropidurus do grupo torquatus (Squamata: Tropiduridae)
Palavras-chave em português
Cerrados e Caatingas
Grupo torquatus
Lagartos
Tropidurus
Resumo em português
Os lagartos Tropidurus do grupo torquatus compreendem um conjunto de 15 espécies atualmente reconhecidas que se distribuem pelas áreas abertas da América do Sul cis-Andina. Estas espécies apresentam populações saxícolas e arenícolas, cuja relação não era bem compreendida. O objetivo deste trabalho foi, utilizando cinco marcadores moleculares, dois mitocondriais e três nucleares, propor uma hipótese filogenética robusta. Foi feita a mais extensa cobertura geográfica da distribuição conhecida do grupo, o que proporcionou incluir o maior número possível de populações arenícolas e saxícolas. Juntamente com as análises moleculares, foram feitas contagens de caracteres merísticos e medidas morfométricas de modo a delimitar as linhagens encontradas. Foram incluídas nas análises moleculares 14 das 15 espécies, e para os dados morfológicos, todas as espécies contaram com pelo menos um indivíduo. O gênero Tropidurus não foi recuperado como monofilético. Embora a monofilia do grupo torquatus não tenha sido formalmente testada pela ausência de T. chromatops nas análises moleculares, todas as demais espécies foram recuperadas em um grupo monofilético. Das 14 espécies estudadas, seis provaram-se monofiléticas: T. erythrocephalus, T. hygomi, T. insulanus, T. Montanus e T. mucujensis e T. psammonastes; as demais mostraram-se para- ou polifiléticas. Foram testadas hipóteses de relacionamento entre as populações arenícolas e saxícolas, mostrando que o quadro é bastante complexo, com uma grande plasticidade eco-morfológica, indicada pelos múltiplos eventos de ocupação das áreas arenosos ao longo da América do Sul Cis-Andina. Houve pelo menos 10 eventos independentes de linhagens arenícolas, mostrando uma grande plasticidade eco-morfológica. Entre os clados recuperados, há pelo menos 10 linhagens que podem ser candidatas a espécie, obtidas de clados bem resolvidos e morfologicamente distintos. Os resultados mostraram que muitas das espécies consideradas de ampla distribuição e por isto consideradas de menor preocupação para políticas de conservarção, como T. hispidus, T. oreadicus e T. torquatus, na verdade são constituídas por muitas linhagens microendêmicas que devem receber atenção especial quanto a sua conservação.
Título em inglês
Phylogeny and evolution of Tropidurus of the torquatus group (Squamata: Tropiduridae)
Palavras-chave em inglês
Cerrados and Caatingas
Lizards
torquatus group
Tropidurus
Resumo em inglês
As presently understood, the Tropidurus torquatus group comprises 15 lizard species distributed in open areas throughout Cis-Andean South America. These species include saxicolous and psammophilous populations with uncertain phylogenetic relationships. The aim of this work was to provide a comprehensive phylogenetic analysis of the group based on two mitochondrial and three nuclear markers. Our sample represents the most extensive geographic coverage of the group's distribution, including the largest possible number of saxicolous and psammophilous populations. Our approach also involve a parallel morphological analysis based on meristic and morphometric data in order to delimit the taxonomic lineages. The phylogenetic analyses included 14 of the 15 species known to date, whereas morphological data were obtained from at least one individual of all nominal species. Our results recovered the genus Tropidurus as non-monophyletic; of the 14 species included in the molecular analyses T. erythrocephalus, T. hygomi, T. insulanus, T. montanus, T. mucujensis and T. psammonastes are monophyletic, whereas all other traditional taxa are apparently para/polyphyletic aggregates. The relationships between psammophilous and saxicolous populations are complex indicating least 10 independent origins of sandy lineages, as well as at least 10 candidate species without available names. Many of the traditional species previously considered widespread, and therefore of minor concern from conservation perspectives, (e.g., T. hispidus, T. oreadicus and T. torquatus) in fact consist of many microendemic lineages that should receive special conservational attention.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Marco_Sena.pdf (7.14 Mbytes)
Marco_Sena_SIMPL.pdf (2.40 Mbytes)
Data de Liberação
2017-07-16
Data de Publicação
2015-07-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.