• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.41.2010.tde-09122010-104050
Documento
Autor
Nome completo
Fabio Oliveira do Nascimento
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Vivo, Mario de (Presidente)
Carmignotto, Ana Paula
Percequillo, Alexandre Reis
Salles, Leandro de Oliveira
Silveira, Luis Fábio
Título em português
Revisão taxonômica do gênero Leopardus Gray, 1842 (Carnivora, Felidae)
Palavras-chave em português
Leopardus
Revisão
Taxonomia
Resumo em português
Leopardus Gray, 1842 apresenta uma ampla distribuição geográfica na Região Neotropical e na porção meridional da Região Neártica, ocorrendo desde o extremo sul dos Estados Unidos até a região Patagônica na América do Sul. Atualmente são reconhecidas oito espécies para o gênero e, como a grande maioria dos mamíferos de médio e grande porte, os gatos-do-mato neotropicais do gênero Leopardus são freqüentemente associados a uma taxonomia estável, porém é evidente a grande variação ao longo da distribuição dos táxons. Apesar dos esforços dos diferentes autores ao longo dos anos em elucidar a taxonomia de Leopardus, existem discordâncias no reconhecimento do número de táxons do nível do gênero e do nível da espécie, o que gerou uma variedade extensa de esquemas taxonômicos. Com o objetivo de caracterizar os táxons em termos morfológicos e morfométricos, descrever sua variação intra e interespecífica; estabelecer a distribuição geográfica de cada espécie reconhecida; fornecer uma sinonímia e atribuir nomes válidos que se apliquem para as espécies analisei 591 exemplares de Leopardus depositados em diversas coleções científicas nacionais e internacionais. Aferi 29 medidas cranianas e analisei 14 .caracteres morfológicos, os quais foram submetidos a testes estatísticos de dimorfismo sexual, análise discriminante e análise geográfica por meio de transectos. A partir deste conjunto de dados reconheci 16 espécies válidas para o gênero de Leopardus. Elevei as quatro subespécies de Leopardus tigrinus para espécie (Leopardus tigrinus, L. guttulus, L. oncilla, L. pardinoides), em L. pajeros defini com espécies válidas L. pajeros, L. budini, L. garleppi, e em L. braccatus elevei a subpécie L. braccatus munoai para espécie L. munoai. Leopardus pardalis, agora restrito para a região ao norte da Nicaraguá possui uma pelagem predominantemente acinzentada enquanto que sua contraparte meridional, chamada de Leopardus mittis, apresenta coloração pardo alaranjada. Neste arranjo taxonômico estão presentes no Brasil seis espécies do gênero no Brasil (L. mittis, L. tigrinus, L. wiedii, L. guttulus, L. geoffroyi, L. braccatus).
Título em inglês
Taxonomic revision of the genus Leopardus (Carnivora, Felidae)
Palavras-chave em inglês
Leopardus
Revision
Taxonomy
Resumo em inglês
Leopardus Gray, 1842 has a wide geographic range in the Neotropical region and in the southern portion of the Neartic Region, occurring from the southernmost part of the United States throughout South America to Patagonia. To the present time eight species are recognized for this genus and, as for the majority of species of medium to large size mammals, the Neotropical cats of the genus Leopardus is often associated to a stable taxonomy; nevertheless a high morphological variation throughout its distributional range is evident. Despite the efforts to elucidate the taxonomy of the genus Leopardus by different authors along many decades, there are disagreements in recognizing the number of taxa at generic and specific levels, what has originated an extensive diversity of taxonomical schemes. Aiming to characterize the taxa in its morphological and morphometric aspects; to describe intra and interspecific variation; to establish the distributional range of each recognized species; to provide a synonym and to attribute valid names that can be assigned to the species I analyzed 591 specimens of Leopardus deposited in several scientific collections in Brazil and abroad. I checked 29 cranial measurements and analyzed 14 morphological traits. In order to investigate inter and intraspecific variations; the existence of sexual dimorphism and geographical divergence, I submitted cranial and morphological data to uni and multivariate statistic tests. From the gathered data I recognized 16 valid species for the genus Leopardus. I elevated all four subspecies of Leopardus tigrinus to species level (Leopardus tigrinus, L. guttulus, L. oncilla, L. pardinoides); for L. pajeros I defined as valid the species L. pajeros, L. budini, L. garleppi, and for L. braccatus I considered the subspecies L. bracattus munoai as a full species - L. munoai. Leopardus pardalis is restricted to Nicaragua and north from it and has a mainly grayish pelage, whereas the southern species herein named Leopardus mittis presents a yellowish brown shade. In this taxonomical arrangement six species can be found in the Brazilian territory (L. mittis, L. tigrinus, L. wiedii, L. guttulus, L. geoffroyi, L. braccatus).
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
FO_Nascimento.pdf (8.63 Mbytes)
Data de Publicação
2011-01-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.