• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Cristiane Silva Apolinario dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Silveira, Luis Fábio (Presidente)
Battilana, Jaqueline
Aleixo, Alexandre Luis Padovan
Título em português
Taxonomia e filogeografia do complexo Pionus maximiliani (Kuhl, 1820) (Aves: Psittacidae)
Palavras-chave em português
Filogeografia
Pionus
Taxonomia
Resumo em português
Pionus maximiliani é uma espécie de psitacídeo amplamente distribuída que ocorre do nordeste do Brasil até o norte da Argentina, e compreende quatro subespécies: Pionus maximiliani maximiliani (Kuhl, 1820), P. m. siy Souancé, 1856, P. m. melanoblepharus Miranda-Ribeiro, 1920 e P. m. lacerus (Heine, 1884). Embora alguns estudos tratando a história filogenética deste grupo tivessem sido conduzidos, não foram propostas novas classificações taxonômicas e além disso, a filogeografia deste grupo nunca foi analisada. Os objetivos deste trabalho foram: 1) definir o limite de espécies no complexo Pionus maximiliani, integrando caracteres morfológicos, vocais e moleculares; e 2) inferir a história evolutiva e biogeográfica deste complexo através de uma análise filogeográfica. Os resultados das análises morfológicas e moleculares são congruentes, suportando a existência de dois grupos consistentes que correspondem às populações do leste e oeste da distribuição. Portanto, as populações que devem ser consideradas espécies plenas de acordo com o conceito filogenético de espécie são: Pionus maximiliani (Kuhl, 1820) e Pionus siy Souancé, 1856. O tempo de divergência estimado entre estes grupos sugere que a sua separação tenha ocorrido durante o Pleistoceno. Além disso, o ciclo de expansão e retração das florestas na região do norte da Argentina durante este período provavelmente permitiu a dispersão e posterior divergência entre as duas populações
Título em inglês
Taxonomy and phylogeography of the Pionus maximiliani species complex (Kuhl, 1820)(Aves: Psittacidae)
Palavras-chave em inglês
Phylogeography
Pionus
Taxonomy
Resumo em inglês
Pionus maximiliani is a widely distributed species of parrot that is distributed from northeastern Brazil to northern Argentina, and comprises four subspecies: Pionus maximiliani maximiliani (Kuhl, 1820), P. m. siy Souancé, 1856, P. m. melanoblepharus Miranda-Ribeiro, 1920 and P. m. lacerus (Heine, 1884). Although some works have been conducted recently on the phylogenetic history of this group, no formal taxonomic classification has been proposed. Furthermore, the phylogeography of this group has never been analyzed. The objectives of this study were 1) to define species limits within the Pionus maximiliani complex by integrating morphological, vocal, and molecular characters; and 2) to infer the evolutionary and biogeographic history of the complex following a phylogeographic approach. Morphological and molecular results are congruent, supporting the existence of two consistent groups which corresponds to eastern and western populations. Thus, these populations could be considered as full species under the phylogenetic species concept: Pionus maximiliani (Kuhl, 1820) and Pionus siy Souancé, 1856. Estimated divergence times between these groups suggest that the split occurred during the Pleistocene. Further, cycles of forest expansion and retraction in northern Argentina during this period probably allowed the dispersion and posterior divergence between these two populations
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Há arquivos retidos devido a solicitação (publicação de dados, patentes ou diretos autorais).
Data de Liberação
2020-04-01
Data de Publicação
2018-04-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.