• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.41.2008.tde-08082008-112049
Documento
Autor
Nome completo
Alex Christian Rohrig Hubbe
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Neves, Walter Alves (Presidente)
Toledo, Peter Mann de
Zambonato, Gabriel Henrique Marroig
Título em português
Contextualização taxonômica, tafonômica e morfométrica dos remanescentes ósseos da megamastofauna da Gruta Cuvieri (MG), um sítio paleontológico do Pleistoceno tardio
Palavras-chave em português
Análise Funcional.
Lagoa Santa (MG)
Megafauna
Morfometria Geométrica
Xenarthra
Resumo em português
O conhecimento limitado em relação à megafauna brasileira (oriundo de uma tradição acadêmica taxonomista no país) e a falta de escavações estratigraficamente controladas de sítios paleontológicos no Brasil motivou o início das escavações paleontológicas na Gruta Cuvieri, Minas Gerais, através de um método de escavação inédito no país. O presente trabalho analisou o material fóssil exumado de uma das áreas escavadas da gruta (Locus 3), enfocando os seguintes tópicos: (1) descrição e classificação taxonômica dos elementos da megafauna recuperados; (2) estudo tafonômico desse material; e (3) análise da função dos membros anteriores dos grandes mamíferos extintos exumados da gruta e de outros animais depositados em coleções de museus nacionais. Desta forma, tentou-se aumentar o conhecimento em relação à megafauna brasileira em temas pouco explorados. A análise taxonômica teve a finalidade de identificar o material encontrado para permitir o desenvolvimento dos demais tópicos do estudo. A análise tafonômica buscou subsídios em algumas assinaturas tafonômicas para auxiliar a compreensão da formação do pacote fossilífero. Já o estudo da função do membro anterior foi realizado através de morfometria geométrica e estatística multivariada na região distal do úmero de Xenarthra atuais e extintos para inferir a função do membro anterior de algumas espécies extintas, a saber: Catonyx cuvieri, Eremotherium laurilardii, Glossotherium aff. lettsomi, Nothrotherium maquinense, Ocnotherium giganteum, Holmesina paulacoutoi, Pampatherium humboldti e Valgipes bucklandii. Os resultados da análise taxonômica indicaram a presença de 3 espécimes de Tapirus terrestris, 3 de Catonyx cuvieri e 1 de Valgipes bucklandii, revelando uma elevada abundância de fósseis para o local. Através da análise tafonômica concluiu-se que a queda/pisoteamente de animais no interior do Locus 3 teve papel importante na fragmentação e dispersão dos ossos de megafauna e que, provavelmente, uma sedimentação lenta favoreceu este processo. Por último, os resultados morfo-funcionais sugerem que os tatus extintos (Pampatherium e Holmesina ), assim como a grande maioria das preguiças extintas (Catonyx, Glossotherium, Ocnotherium, Valgipes), podiam ser capazes de escavar o substrato ocasionalmente ou apenas remover pequenas quantidades de terra, mas não seriam escavadores especializados, tampouco tinham a habilidade de extensão pronunciada do membro anterior. Já Eremotherium, ao contrário das demais espécies, seria capaz justamente de estender seus braços, não tendo a habilidade de raspar o substrato. Os resultados foram inconclusivos quanto à função dos membros para Nothrotherium.
Título em inglês
Taxonomic, taphonomic and morphometric contextualization of the megamastofauna bone remains from Cuvieri Cave (MG), a Late Pleistocene Palaeontological Site.
Palavras-chave em inglês
Functional Analysis.
Lagoa Santa (MG)
Megafauna
Morphometric Geometric
Xenarthra
Resumo em inglês
The limited knowledge regarding the Brazilian megafauna (due to a mainly taxonomist tradition of brazilian paleontologists) and the lack of controlled stratigraphic excavations of paleontological sites in Brazil motivated the excavations of Cuvieri Cave, Minas Gerais, using an unprecedented method of excavation in the country, based on detailed exhumation of paleontological remains. This study examined the fossil material exhumed from one fossiliferous areas of the cave (Locus 3), focusing on the following topics: (1) taxonomic classification and description of the megafauna remains recovered, (2) taphonomic study of this material, and (3) functional analysis of large extinct mammals' forelimbs found in the cave and from other specimens deposited in distinct national museums. The main objective of this study was to increase the knowledge regarding the Brazilian megafauna on these marginalized topics. The taxonomic analysis was intended to identify the bones found in the cave to enable the development of the other parts of the study. The taphonomic analysis were performed to assist the understanding of the formation of the fossiliferous package in Locus 3. Finally, the functional study of the forelimb was performed through morphometric geometric analysis and multivariate statistics applied to the distal region of the humerus of extant and extinct Xenarthra in order to infer the function of the forelimb of some extinct species, namely: Catonyx cuvieri, Eremotherium laurilardii, Glossotherium aff. lettsomi, Nothrotherium maquinense, Ocnotherium giganteum, Holmesina paulacoutoi, Pampatherium humboldti and Valgipes bucklandii. The results of the taxonomic analysis indicated the presence of three specimens of Tapirus terrestris, three of Catonyx cuvieri and one of Valgipes bucklandii, revealing a high density of specimens in the site. Through the taphonomic analysis it was concluded that the fall/trampling of animals within the Locus 3 was very important in the fragmentation and dispersion of the megafauna bones, and also that a potential slow sedimentation favored this process. Finally, the morpho-functional results suggest that the extinct armadillos (Pampatherium and Holmesina) as well as the majority of extinct sloths studied (Catonyx, Glossotherium, Ocnotherium, Valgipes) might have been able to dig occasionally the substrate or only remove small quantities of earth, being neither specialized burrowers nor able to pronounced extension of the forelimb. On the other hand, Eremotherium, unlike the other sloth species, was able to extend its arms, not having the ability to dig the substrate. The results were inconclusive regarding the function of Nothrotherium's forelimb.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-09-17
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.