• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.39.2018.tde-06092018-122723
Documento
Autor
Nome completo
Janaina Demarchi Terra
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Carvalho, Yara Maria de (Presidente)
Oliveira, Ana Flavia Pires Lucas D
Saura, Soraia Chung
Sousa, Islândia Maria Carvalho de
Tesser, Charles Dalcanale
Título em português
O corpo em experiência nas práticas corporais: o método self-healing de Meir Schneider na atenção à saúde
Palavras-chave em português
Atenção à saúde
Cuidado
Método self-healing de Meir Schneider
Práticas corporais
Saúde coletiva
Resumo em português
Construir encontros para a produção de saúde e experiência corporal tendo como mediadora as práticas corporais foi a proposta desta pesquisa. Os encontros foram propostos em dois espaços de Atenção Básica à Saúde: o Centro de Saúde Escola Geraldo Horácio de Paula Souza, localizado junto à Faculdade de Saúde Pública - USP/SP e, Unidade Básica de Saúde José Marcílio Malta Cardoso, ambos localizados na cidade de São Paulo. A investigação de natureza qualitativa contou com a realização de 54 encontros, com duração de uma hora e meia a duas horas e quinze minutos, durante o período de um ano, sendo um encontro por semana. Os encontros em grupo foram construídos a partir de um processo dinâmico, levando em consideração as demandas do grupo. Para a proposição de experiências corporais trabalhou-se com as técnicas propostas pelo Método Self-Healing de Meir Schneider (MSH). Participaram dos encontros mulheres, em sua maioria idosas (apesar do grupo ser proposto para qualquer usuário interessado). Por meio das anotações em um caderno de campo e das falas registradas por gravação de áudio dos encontros, organizou-se uma carta com as impressões e falas que se destacaram ao longo do processo sobre as experiências corporais, o cuidado, o acolhimento e os vínculos construídos nos grupos. Verificou-se que esses encontros em grupos foram profícuos na construção do acolhimento, do cuidado e do vínculo afetivo das pessoas envolvidas. O Método Self-Healing de Meir Schneider mostrou-se como uma técnica importante de cuidado e autocuidado no que se refere às práticas de relaxamento, movimentos ativos e passivos variados e saúde dos olhos, demonstrando trazer elementos que puderam agregar conhecimento e experiência corporal e, como consequência, melhora em situações de dor e desconforto. A Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC) tem legitimado e incentivado novas práticas corporais na Atenção Básica à Saúde e o MSH potencializado pelos encontros em grupo mostrou-se como um método que pode mobilizar para novas maneiras de andar a vida com autonomia e cuidado na medida em que agrega as tecnologias leves e leves duras na atenção à saúde das populações
Título em inglês
The body experienced in body practices: Meir Schneider´s method in health care
Palavras-chave em inglês
Body practices
Care
Collective Health
Health care
Meir Schneider's Self-healing method
Resumo em inglês
To construct meetings for the production of health and corporal experience having as a mediator the corporal practices was the proposal of this research. The meetings were offered in two areas of Basic Health Care: the Geraldo Horácio de Paula Souza School Health Center, located next to the School of Public Health - USP / SP and the Basic Health Unit José Marcílio Malta Cardoso, both located in the city from Sao Paulo. The research of a qualitative nature counted on the accomplishment of 54 meetings, lasting from an hour and a half to two hours and fifteen minutes, during the period of one year, being one meeting per week. The group meetings were built from a dynamic process, taking into account the demands of the group. For the purpose of proposing bodily experiences, the techniques proposed by Meir Schneider's Self-Healing Method (MSH) were used. Women, mostly elderly, participated in the meetings (although the group was proposed to any interested user). By means of annotations in a field notebook and the recorded speeches by audio recording of the meetings, a letter was organized with the impressions and speeches that stood out throughout the process on the corporal experiences, the care, the reception and the ties built in groups. It was found that these group meetings were fruitful in building the welcoming, of care and the affective bond of the people involved. Meir Schneider's Self-Healing Method has been shown to be an important care and self-care technique in regard to relaxation practices, varied active and passive movements and eye health, demonstrating bringing elements that could add knowledge and bodily experience and, as a consequence, improvement in situations of pain and discomfort. The National Policy on Integrative and Complementary Practices (PNPIC) has legitimized and encouraged new corporal practices in Primary Health Care and the MSH enhanced by group meetings has proved to be a method that can mobilize for new ways of living life with autonomy and care in the measure that it adds the light and light technologies hard in the attention to the health of the populations
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-09-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.