• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Maria Fernanda de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Santos, Suely dos (Presidente)
Correa, Umberto Cesar
Jacob Filho, Wilson
Título em português
"Relação entre a estrutura do pé e o equilíbrio em idosos"
Palavras-chave em português
atividade física
equilíbrio
idosos
IMC
índice do arco
Resumo em português
Os pés representam a base de suporte do ser humano e a projeção do centro de massa dentro dela faz com que o indivíduo permaneça em equilíbrio. Alterações na base são responsáveis pela perda da instabilidade e podem ser a causa de quedas, principalmente em idosos. Portanto, verificar a relação entre o pé e o equilíbrio em idosos é de fundamental importância não apenas para compreender a natureza dessa relação, mas também para facilitar, a partir disso, suas atividades diárias como, por exemplo, sentar-se, andar e ficar em pé. Como há indicativos na literatura de que o índice de massa corporal e a prática de atividade física podem estar ligadas à manutenção do equilíbrio, torna-se necessário verificar a influência dessas variáveis nessa relação. O objetivo deste estudo foi verificar a relação entre a estrutura do pé (mais precisamente o arco longitudinal medial) e o equilíbrio em idosos praticantes e não praticantes de futsal. Foram avaliados 28 idosos do sexo masculino através da mensuração do índice do arco, da aplicação do teste de equilíbrio (POMA) e do questionário de Baecke modificado para idosos. Os resultados mostraram que não houve correlação significante entre as variáveis pé e equilíbrio tanto em diferentes tipos de IMC quanto em idosos praticantes e não praticantes de futsal. Todos os idosos apresentaram pontuação alta no POMA (entre 23 e 28 pontos), fato que demonstra “efeito teto” na população estudada. De um modo geral pode-se dizer que não houve relação entre pé e equilíbrio na população estudada.
Título em inglês
THE RELATIONSHIP BETWEEN FOOT’S STRUCTURE AND BALANCE IN OLDER PEOPLE
Palavras-chave em inglês
arch índex
balance
BMI
older people
physical activity
Resumo em inglês
The feet represent the base of support in the human beings and the center of mass projection on this base makes the individual balance. Any modification in the base of support is responsible for the lost the stability causing falls, particularly in older people. Therefore, the relationship between foot and balance in older people is important not only to understand the relationship nature but also to help daily activities such as sitting, walking and standing. Since the literature indicates that the body mass índex and the practice of physical atcivity can influence the balance, it is necessary to examine the influence in this relationship. The purpose of this study is verifying the relationship between foot (mainly the arch) and balance in older people who practices futsal or not. In this study, 28 male older people were assessed by using the arch índex and a balance test (POMA), and the Baecke questionnaire on habitual physical activity for elderly. The results show that there was not a significant correlantion between arch index and balance in differents types of BMI among older people who practices futsal or not. All volunteers show high pontuation in POMA (23 and 28 points) demonstrating ceiling effect. In conclusion there was not a relationship between foot structure and balance in this population.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
capa.pdf (4.92 Kbytes)
DISSERTACAO.pdf (541.70 Kbytes)
FichMFernanda.pdf (5.80 Kbytes)
FOLHADEROSTO.pdf (31.61 Kbytes)
Data de Publicação
2006-07-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.