• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.39.2006.tde-04042007-135416
Documento
Autor
Nome completo
Sérgio Ricardo de Souza Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Simoes, Antonio Carlos (Presidente)
Machado, Afonso Antonio
Mansoldo, Antonio Carlos
Título em português
Estudo do comportamento das tendências competitivas de atletas federados de judô
Palavras-chave em português
Comportamento
Judô
Psicossociologia
Tendência Competitiva
Resumo em português
O presente estudo teve como objetivo principal identificar as tendências de comportamento competitivo de 97 atletas de Judô em relação às suas tendências pessoais em vencer, competir e estabelecer metas. Os dados foram coletados utilizando o Sistema de Avaliação ACS -2 e o Inventário de identificação pessoal e esportiva, junto a 53 judocas do sexo masculino e 45 do sexo feminino, federados e competidores, integrantes das equipes Juvenis e Juniores pertencentes ou não às Seleções Paulista de Judô, oriundos de diversas classes sociais e com idade cronológica entre 14 e 21 anos. Os atletas foram agrupados por sexo e/ou por estarem integrando ou não a Seleção Paulista de Judô, de forma simples ou em múltiplas combinações. O coeficiente de correlação de Spearman foi empregado para analisar as relações intragrupos existentes entre as variáveis qualitativas (tendências em vencer, competir e estabelecer metas), e variáveis quantitativas (idade, tempo de prática e nível de desempenho). Foi utilizado para a análise intergrupos o Qui-Quadrado, para as variáveis qualitativas, e o teste t, para as variáveis quantitativas. Os resultados indicaram que existem evidências significativas de que os atletas federados e competidores de ambos os sexos, pertencentes à Seleção Paulista de Judô, adotam comportamentos com tendências pessoais diferenciadas quando comparados com os comportamentos dos atletas não pertencentes à Seleção Paulista de Judô, sendo que a única variável que não apresentou diferença foi a tendência em competir. Entre atletas federados e competidores, distribuídos em função do sexo, masculino ou feminino, a idade foi a única variável que não apresentou evidência de diferenças significativas. Na análise intragrupos dos atletas que não pertencem à Seleção Paulista de Judô, entre os sexos masculino e feminino, somente foram encontradas diferenças significativas para as variáveis qualitativas. Não foram encontradas correlações significativas entre o comportamento competitivo quanto às tendências em vencer, competir e estabelecer metas, e as variáveis de idade, tempo de prática e nível de desempenho dentro das competições e treinamento, mostrando serem as mesmas variavelmente independentes. Em conclusão, os atletas de Judô com maior idade, tempo de prática e nível de desempenho apresentaram melhores índices para as tendências analisadas, podendo indicar maiores possibilidades de alcançar melhores resultados na competição; enquanto que as atletas femininas mostraram menor expressão para alcançar resultados competitivos em competições de alto nível que os atletas masculinos, o que provavelmente é decorrente do menor tempo de prática, tendências em vencer e estabelecer metas. O Sistema de Avaliação denominado ACS ? 2 tornou-se um modelo eficaz para identificar e categorizar as diferentes tendências de comportamento competitivo em vencer, competir e estabelecer metas empregadas pelos judocas do sexo masculino de feminino de Judô
Título em inglês
Competitive behavior tendency of São Paulo team
Palavras-chave em inglês
Behavior
Competitive Tendency
Judo
Psycho-sociology
Resumo em inglês
The main purpose of this research was to study, categorize and identify the competitive behavior tendency of Judo players according to personal tendencies of competing, winning and setting goals. We analyzed 52 male and 45 female Judo players from São Paulo Federation, competitors, most of them Juniors and Juveniles, included or not in the São Paulo State Team, from different social background and between 14 and 21 years old. The evaluation tools were: Evaluation System ACS ? 2 to collect information about competitive tendency ; and a second one to obtain Sportive and Personal information about age, practice time and performance level. The samples were separated by sex and/or by circumstantially being part or not of São Paulo State Team, in eight different groups. The Spearman Coefficient was used to analyze the intra-group relations between qualitative variables (tendencies of winning, competing and setting goals), and quantitative variables (age, practice time, performance level). The Q-Square was used to analyze the qualitative variables between groups and the test t for the quantitative variables. The results showed that, independent of the sex of the athletes of São Paulo State Team and those who were not in this group, there are significant differences in the variables involved in this study, except for competing tendencies. When the athletes were separated by sex, age was the only variable that has not showed evidence of significant difference. In the inter-group analysis of male and female athletes who are not part of São Paulo State Team significant differences were only found in qualitative variables; in the analysis of the athletes who are in São Paulo State Team significant differences were found in the qualitative tendencies of winning and setting goals. In the intra-group analyses, no differences had been found between qualitative and quantitative variables suggesting independent variability. In conclusion the Judo athletes with more age, practice time and performance level obtain best scores for the competitive tendencies analyzed, these elements can indicate possibilities to reach best results in sport competitions. The female athletes showed minor competences for high level competitions than the males athletes probably because of less practice time, lower tendencies of winning and setting goals. The Evaluation System ACS ? 2 was shown as a good and efficient model to identify and characterize the different competitive behavior tendencies in competing, winning and setting goals orientation employed by male and female Judo players
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
AGRADECIMENTOS.pdf (17.51 Kbytes)
CAPADISSERTACAO.pdf (5.05 Kbytes)
ContraCapa.pdf (5.93 Kbytes)
DEFESAfinal.pdf (817.24 Kbytes)
FOLHADEROSTO.pdf (5.68 Kbytes)
RESUMO.pdf (36.10 Kbytes)
SUMARIO.pdf (52.75 Kbytes)
Data de Publicação
2007-04-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.