• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
Documento
Autor
Nome completo
Lúcia Helena de Oliveira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 1991
Orientador
Banca examinadora
Gonçalves, Orestes Marracini (Presidente)
Graca, Moacyr Eduardo Alves da
Souza, Podalyro Amaral de
Título em português
Estudo do escoamento em condutores horizontais de sistemas de coleta de esgotos sanitários de edifícios residenciais.
Palavras-chave em português
Edifícios
Esgotos sanitários
Redes coletoras
Resumo em português
Os condutores horizontais dos sistemas de coleta de esgotos sanitários, no Brasil e em quase todos os países do mundo, tem sido dimensionados considerando-se o escoamento em regime permanente, o que na realidade não ocorre. Sabendo-se que o escoamento no interior destes condutores acontece em regime não permanente, caracterizado pelo movimento de ondas, devido a aleatoriedade de uso dos aparelhos. Neste trabalho, apresentamos o estudo do escoamento não permanente, verificado, nos ramais e coletores dos sistemas de coleta de esgotos sanitários de edifícios residenciais. As equações diferenciais da continuidade e da quantidade de movimento, que regem este escoamento, são resolvidas pelo método das características. Apresentamos, também, os resultados e análise de várias simulações do programa de computador desenvolvido com base no método das características pelo professor Swaffield, da Universidade Heriot-Watt, Escócia. Os dados de entrada para estas simulações foram obtidos a partir de ensaios laboratoriais de algumas configurações de ambientes sanitários brasileiros, também apresentados neste trabalho. Os resultados destas simulações mostram que a consideração do escoamento em regime não permanente, possibilita a redução dos diâmetros dos ramais e coletores, e consequentemente, a redução dos custos destes sistemas.
Título em inglês
Study of the flow in horizontal conductors of waste water systems of residential buildings.
Palavras-chave em inglês
Building drainage system
Drain
Main drain
Waste water system
Resumo em inglês
Usually horizontal waste pipes of Building Drainage Systems, in Brazil and almost all of countries in the world, are dimensioned considering a steady flow, that does not exist. The random use of the sanitary appliances connected to the Drainage Systems of the building is the responsible for the unsteady flow. We present a study of unsteady partially filled pipeflow for drains and sewers. The differential equations of continuity and motion are solved via the method of characteristics. We present, also, the results and analysis of several simulations using a computational program developed by Prof. Swaffield-Heriot - Watt University, Scotland. The data entry were obtained through laboratorial tests which considered brazilian bathroom configurations, presented in this work. The results show us that the consideration of unsteady flow conduct to the reductions of horizontal waste pipes diameters, consequently to the reduction of the Building Drainage Systems costs.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2018-04-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.