• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.3.2013.tde-22092014-154518
Documento
Autor
Nome completo
Leonardo Augusto de Vasconcelos Gomes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Salerno, Mario Sergio (Presidente)
Galina, Simone Vasconcelos Ribeiro
Marx, Roberto
Proença, Adriano
Zancul, Eduardo de Senzi
Título em português
Corrida maluca em territórios desconhecidos: como empreendedores gerenciam incertezas individuais e coletivas em ecossistemas empreendedores.
Palavras-chave em português
Ação empreendedora
Corridas tecnológicas
Ecossistemas empreendedores
Empreendedorismo
Incertezas
Resumo em português
Esta tese investiga a ação empreendedora a partir de um ângulo pouco explorado na literatura: a gestão de incertezas interdependentes que afetam a ação empreendedora e de outras organizações que cocriam e codesenvolvem inovações. Pesquisas sobre ação empreendedora, planejamento, modelo de negócios e gestão de projetos sob incertezas focam no gerenciamento de incertezas presentes em um projeto de inovação ou que afetam uma empresa específica. Essas pesquisas não investigam casos nos quais as incertezas extrapolam o ciclo de vida de um projeto, ou seja, as incertezas que não podem ser equacionadas durante o processo de desenvolvimento do produto ou serviço, embora exerçam influência significativa no desempenho deles, no futuro. Essas pesquisas também não exploram conceitualmente e empiricamente as incertezas que afetam diversas organizações em um mesmo ecossistema. Para preencher essas lacunas, propomos uma abordagem alternativa para ecossistemas. Um ecossistema empreendedor pode ser descrito como uma rede interdependente de incertezas individuais (aquelas que afetam um ator específico) e coletivas (as que afetam um grupo de atores). A partir dessa proposição, a seguinte pergunta dirige este trabalho: como empreendedores gerenciam incertezas coletivas e individuais, presentes no ecossistema empreendedor, durante o advento de corridas tecnológicas? Nosso interesse é responder a essa pergunta em contextos envolvendo corridas tecnológicas, ou seja, situações em que diferentes ecossistemas disputam a liderança ou pioneirismo nas fases iniciais de uma nova trajetória tecnológica ou de um novo mercado nascido a partir de uma tecnologia. Para responder a essa pergunta, esta pesquisa constrói o seu quadro conceitual a partir de diferentes literaturas, tais como gestão estratégica com foco em ecossistemas, ação empreendedora, modelo de negócios, gestão de projetos sob incerteza e incertezas. Empregando uma abordagem de pesquisa empírica baseada em estudos de casos longitudinais e indutivos, investigamos seis ecossistemas empreendedores que nasceram para desenvolver e explorar comercialmente inovações radicais. A contribuição central desta tese é um framework que descreve como empreendedores, de forma proativa, gerenciam incertezas coletivas empregando os seguintes processos: conectando incertezas e mitigando e amplificando os efeitos da propagação de incertezas. Sugerimos que, se devidamente gerenciadas, as incertezas podem ser uma fonte de valor e vantagem competitiva para empresas empreendedoras e ecossistemas. Nesse sentido, foi desenvolvida uma abordagem holística e subjetiva de incerteza, oferecendo insights sobre a gestão de incertezas em ecossistemas. Espera-se que esta tese contribua para revigorar o debate sobre gestão de incertezas e estratégia, em empresas nascentes de base tecnológica.
Título em inglês
Mad races in unknown territories: how entrepreneurs manage individual and collective uncertainties in the entrepreneurial ecosystems.
Palavras-chave em inglês
Entrepreneurial action
Entrepreneurial ecosystem
Technology races
Uncertainty
Resumo em inglês
This thesis investigates entrepreneurial action from an unexplored point of view in the literature: managing interdependent uncertainties that affect an entrepreneurial firm and other organizations that jointly create and develop innovations. Research on entrepreneurial action, planning, business model and project management under uncertainty focuses on managing the uncertainty present in an innovation project or affecting a specific company. It does not investigate cases in which the uncertainties extrapolate the life cycle of a project, i.e., the uncertainties that can not be equated during the process of development of the product or service and have significant influence on their performance in the future. Prior research does not explore conceptually and empirically uncertainties that affect different organizations in the same ecosystem. To fill this gap, we propose an alternative approach to ecosystems. An entrepreneurial ecosystem can be described as a network of interdependent individual uncertainties (that affects a specific actor) and collective uncertainties (that affect a group of actors). This thesis aims at understanding how entrepreneurs manage individual and collective uncertainties present in the entrepreneurial ecosystem during technological races, i.e., situations in which different ecosystems compete for leadership in the early stages of a new technological trajectory or in a new market. This research builds its conceptual framework from different literatures, such as strategic management focusing on ecosystems, entrepreneurial action, business model, and project management under uncertainty. This research proposes a framework that describes how entrepreneurs proactively manage collective uncertainties employing the following processes: "connecting uncertainties" and "mitigating and amplifying" the effects of propagation of uncertainties. We suggest that, if properly managed, uncertainties can be a source of value and competitive advantage for companies and ecosystems.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-10-07
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • GOMES, Leonardo A. V., e SALERNO, Mario S. Inovação como Transição: Uma Abordagem para o Planejamento e Desenvolvimento de Spin-Offs Acadêmicos. Produção (São Paulo. Impresso), 2013.
  • Gomes, Leonardo Augusto de Vasconcelos, e Salerno, Mario Sergio. Modelo que integra processo de desenvolvimento de produto e planejamento inicial de spin-offs acadêmicos [doi:10.1590/S0104-530X2010000200003]. Gestão & Produção (UFSCAR. Impresso) [online], 2010, vol. 17, p. 245-255.
  • SALERNO, Mario S., et al. Escassez de engenheiros no Brasil? Uma proposta para sistematização do debate. Novos Estudos CEBRAP , 2014.
  • GOMES, Leonardo A. V., et al. An approach to the management of radical innovation. In POMS 21th Annual Conference - Production & Operations Management Society, Vancouver, Canadá, 2010. 21st Annnual Conference of the Production and Operations management Society - Program and Proceedings. : POMS, 2010. Abstract. Available from: http://www.pomsmeetings.org/Confevents/015/.
  • GOMES, Leonardo A. V., et al. INTEGRATION OF MANAGERIAL AND SOCIOLOGICAL PERSPECTIVE OF INNOVATION: A FRAMEWORK TO THE DEVELOPMENT PROCESS OF RADICAL INNOVATION PRODUCT. In IAMOT 2011 - 20th INTERNATIONAL CONFERENCE FOR THE INTERNATIONAL ASSOCIATION OF MANAGEMENT OF TECHNOLOGY, Miami, USA, 2011. Technology and the Global Challenges: Security, Energy, Water, and the Environment.Miami Beach : INTERNATIONAL ASSOCIATION OF MANAGEMENT OF TECHNOLOGY, 2011. Dispon?vel em: http://www.iamot.org.
  • GOMES, Leonardo A. V., et al. INTEGRATION OF MANAGERIAL AND SOCIOLOGICAL PERSPECTIVE OF INNOVATION: A FRAMEWORK TO THE DEVELOPMENT PROCESS OF RADICAL INNOVATION PRODUCT. In IAMOT 2011 - 20th INTERNATIONAL CONFERENCE FOR THE INTERNATIONAL ASSOCIATION OF MANAGEMENT OF TECHNOLOGY, Miami, USA, 2011. Technology and the Global Challenges: Security, Energy, Water, and the Environment.Miami Beach : INTERNATIONAL ASSOCIATION OF MANAGEMENT OF TECHNOLOGY, 2001. Available from: http://www.iamot.org.
  • GOMES, Leonardo A. V., and SALERNO, Mario S. Proposition of a Dynamic Approach for a Technology Roadmap. In 21st Annual Conference of the Production and Operations Management Society, Vancouver, Canadá, 2010. Program and Proceedings, edited by Mark D. Hanna. : The Production and Operations Management Society, 2010. Available from: http://www.pomsmeetings.org/Confevents/015/.
  • GOMES, Leonardo A. V., SALERNO, Mario S., and VAHDAT, Vahid. A new approach for the development of academic spin offs. In 21st Annual Conference of the Production and Operations Management Society, Vancouver, Canadá, 2010. Program and Proceedings, edited by Mark D. Hanna. : The production and Operations Management Society, 2010. Available from: http://www.pomsmeetings.org/Confevents/015/.
  • SALERNO, Mario S., et al. Innovation Models in Automotive Industry: Different Contingencies, Different Processes. In Structuring New Automotive Industries, Restructuring Old Automotive Industries and the New Geopolitics of the Global Automotive Sector, Cracóvia, Polônia, 2012. Structuring New Automotive Industries, Restructuring Old Automotive Industries and the New Geopolitics of the Global Automotive Sector.Paris : Gerpisa, 2012. Available from: http://www.gerpisa.org.
  • SALERNO, Mario S., et al. Innovation processes: which one for which project?. In 4th World Conference Production & Operations Management, Amsterdam, 2012. Serving the world.Amsterdam : Euroma / Jomsa / POMS, 2012. Available from: http://www.poms2012.org.
  • SALERNO, Mario S., et al. Organization and Management of the Expanded Innovation Value Chain. In 21st Annual Conference of the Production and Operations Management Society, Vancouver, Canadá, 2010. Program and Proceedings, edited by Mark D. Hanna. : The Production and Operations Management Society, 2010. Available from: http://www.pomsmeetings.org/Confevents/015/.
  • GOMES, Leonardo A. V., e SALERNO, Mario S. Modelo Integrado de Processo de Desenvolvimento de Produto e de Planejamento Inicial de Spin-Offs Acadêmicos. In XXVIII Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Rio de Janeiro, 2008. A Integração de Cadeias produtivas com a Abordagem da Manufatura Sustentável. : Abepro, 2008. Dispon?vel em: http://www.abepro.com.br.
  • GOMES, Leonardo A. V., e SALERNO, Mario S. Um método de projeto organizacional para empresas de base tecnológica. In XXIX Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Salvador, 2009. Anais do ... Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Proceedings ... International Conference on Production Engineering and Operations Management. : Abepro - CDROM e site, 2009. Dispon?vel em: http://www.abepro.org.br.
  • GOMES, Leonardo A. V., LANNA, Raquel S., e SALERNO, Mario S. Modelo de planejamentyo inicial para spin-offs acadêmicos. In XV Simpep - Simpósio de Engenharia de Produção, Bauru, 2008. Anais - SIMPEP.Bauru : FEB-UNESP, 2008. Dispon?vel em: http://www.simpep.feb.unesp.br/anais_simpep.php?e=2.
  • Kroth, Leo T., SALERNO, Mario S., e GOMES, Leonardo A. V. Technology Roadmap para Alinhamento e Integração de Projetos de Pesquisa e de Desenvolvimento em Institutos Públicos. In XXX Encontro Nacional de Engenharia de Produção, São Carlos - SP, 2010. Maturidade e Desafios da Engenharia de Produção: Competitividade das Empresas, Condições de Trabalho, Meio Ambiente.Rio de Janeiro e São Carlos : ABEPRO, 2010. Dispon?vel em: http://www.abepro.org.br/enegep.
  • SALERNO, Mario S., et al. Organização e gestão da cadeia de inovação expandida da empresa. In XXIX Encontro nacional de Engenharia de Produção, Salvador, 2009. Anais do ... Encontro Nacional de Engenharia de Produção, Proceedings ... International Conference on Production Engineering and Operations Management.Salvador : Abepro - CDROM e site, 2009. Dispon?vel em: http://www.abepro.org.br.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2014. Todos os direitos reservados.