• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.3.2008.tde-12092008-153336
Documento
Autor
Nome completo
Marcelo Crescenti Aulicino
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Salerno, Mario Sergio (Presidente)
Magalhães, Marcus Vinicius de Oliveira
Marx, Roberto
Proença, Adriano
Souza, Gilberto Francisco Martha de
Título em português
Organização na produção por processos contínuos: prática, conceitos e métodos de projeto para fronteiras móveis interpenetrantes.
Palavras-chave em português
Organização da produção
Produção contínua
Resumo em português
Nos processos contínuos observa-se uma forte participação da Engenharia e da Manutenção na operação dos sistemas de produção, ao mesmo tempo em que a Operação interage bastante com as atividades daquelas duas funções. Essas intervenções das funções, no que aparentemente seria do domínio organizacional das demais, acontecem em razão da complexidade tecnológica e logística desses sistemas de produção. Os estudos de casos realizados em refinaria de petróleo e em fábrica petroquímica de produtos para fertilizantes, que são casos típicos de processos contínuos, mostram que nas interfaces entre as funções Operação, Engenharia e Manutenção as fronteiras organizacionais não são fixas. Elas se movem e se interpenetram, conferindo dinâmica à estrutura organizacional para solucionar problemas, definir e implantar metas de produção. Entretanto, a teoria para projetos organizacionais, em particular a teoria sociotécnica moderna, prevê fronteiras fixas. Neste trabalho, tendo em vista as interfaces entre as funções que atuam de modo integrado na produção por processos contínuos, essa teoria é discutida, fazendo-se as considerações pertinentes às fronteiras móveis, fruto das informações exploradas através dos casos estudados. Então são feitas proposições de cunho conceitual-metodológico para que a teoria de projetos organizacionais possa tratar as fronteiras que se movem e se interpenetram. Os conceitos propostos abrangem co-execução de atividades e compartilhamento do controle de aspectos dos sistemas de produção pela Operação, Engenharia e Manutenção, além do estabelecimento de mecanismos de coordenação para fronteiras móveis e interpenetrantes. Complementarmente, são apresentadas regras para projeto organizacional coerentes com os conceitos propostos. Obtém-se, assim, uma teoria de projetos adequada à organização de sistemas de produção por processos contínuos, que pode ser aplicada nos sistemas de produção onde, devido à complexidade técnica, a Engenharia e a Manutenção se fazem bem presentes na operação da produção e as interfaces entre Operação, Engenharia e Manutenção têm fronteiras organizacionais móveis e interpenetrantes.
Título em inglês
Organization in continous processes production: practice, concepts, and method for moving and interpenetrate frontiers.
Palavras-chave em inglês
Continuous processes
Coordination
Organizational design
Organizational frontiers
Resumo em inglês
In the continuous processes is observed a strong participation of the Engineering and the Maintenance at the operation of production systems, at the same time the Operation interacts very intensively with the activities of those two functions. Complex interventions involving all these three functions occur very frequently due to the technological and logistical complexity of these production systems. The case studies realized in an oil refinery and in a petrochemical factory of fertilizers products, which are typical cases of continuous processes, show that the frontiers between the Operation, Engineering and Maintenance functions are not fixed. They move and interpenetrate between themselves, resulting in a specific dynamic to the organizational structure in order to solve problems, define and achieve production goals. However, the theory for organizational design, particularly the modern sociotechnical theory, foresees fixed frontiers. In this work, in view of the interfaces between the functions that act in an integrated way into the production continuous processes, this theory is discussed in order to propose the pertinent considerations to the moving frontiers, as a result of the exploration of the case studies. Then conceptual and methodological propositions are made so that the organizational design theory may deal with the moving and interpenetrating frontiers. The concepts proposed comprehend co-execution of the activities and sharing of the control aspects of the productions systems by Operation, Engineering and Maintenance, beyond the establishment of the coordination mechanisms for those frontiers. Complementarily, rules are presented for the organizational design effort, coherent with the considered concepts. So, a theory of design adjusted to the organization of the continuous process production systems is developed, which can be applied into the production systems where, due to the technical complexity, Engineering and Maintenance are well presented in the production operation and the interfaces between Operation, Maintenance and Engineering have interpenetrating and moving organizational frontiers.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2008-09-17
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • SALERNO, Mario S., e AULICINO, Marcelo Crescente. Engenharia, manutenção e operação em processos contínuos: elementos para o projeto de fronteiras organizacionais móveis e interpenetrantes [doi:10.1590/S0104-530X2008000200010]. Gestão & Produção (UFSCAR. Impresso) [online], 2008, vol. 15, p. 337-349.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.