• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.3.2009.tde-02122011-131941
Documento
Autor
Nombre completo
Ana Daneida Villanueva Llapa
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2009
Director
Tribunal
Nakano, Davi Noboru (Presidente)
Garcia, Renato de Castro
Oliveira Júnior, Moacir de Miranda
Título en portugués
Transferência de conhecimento na cadeia de suprimentos: um estudo em cadeias no Brasil e no Peru.
Palabras clave en portugués
Cadeia de suprimentos
Transferência de conhecimento
Resumen en portugués
O estudo da transferência de conhecimento no âmbito interorganizacional, dentro de uma cadeia de suprimentos, centra seu interesse nos fluxos de informação nos ganhos de eficiência. Embora a eficiente transferência de conhecimento seja vista como central para o sucesso da empresa, a maioria dos autores até o momento não especifica, ou testa os processos e mecanismos fundamentais através dos quais a transferência de conhecimento acontece entre as organizações de uma cadeia. Por esse motivo, para entender a transferência de conhecimento dentro da cadeia, definiu-se o seguinte objetivo: identificar as formas de transferência de conhecimento entre empresas participantes em uma cadeia de suprimentos e os fatores que influenciam o processo. Para tanto, foram estudadas empresas pertencentes a uma cadeia de suprimentos do setor têxtil: uma no Peru, a cadeia têxtil da fibra de alpaca e outra no Brasil, uma cadeia de fibras mistas (algodão e sintético). No embasamento teórico os principais temas abordados foram: a) as formas de transferência de conhecimento baseados no agrupamento de Argote et. al. (2000): movimentação de pessoal, treinamento, comunicação, observação, transferência de tecnologia, engenharia reversa, replicação das rotinas e das melhores práticas, interações nas relações interorganizacionais; b) Os fatores que influenciam na transferência baseados na agrupação de Szulanski (1996): características do conhecimento, da fonte, do receptor e do contexto. Depois da análise da literatura se realizou o trabalho de campo empregando a metodologia de entrevistas em profundidade, utilizando questionários semi-estruturados nas empresas dos diferentes elos da cadeia. Chegando aos seguintes resultados. No caso peruano da cadeia têxtil de fibra de alpaca, se verificou que é uma cadeia que oferece um produto exclusivo e escasso, bem estruturada, com relações de fornecimento bem estabelecidas. A maioria das empresas da cadeia pertence ao mesmo grupo econômico e se identificou que a governança da cadeia está na empresa de fiação, que por sua vez coordena os principais fluxos de conhecimento. A principal forma de transferência de conhecimento que ocorre na cadeia é a transferência de melhores práticas, devido ao fato da indústria ter seus principais clientes no exterior, exigindo que as empresas locais possam aprimorar todos seus processos para satisfazê-los. Também se verificou que a disposição para compartilhar o conhecimento é positiva e que o principal limitante em alguns casos foram diferenças culturais entre alguns agentes. No caso brasileiro, da cadeia têxtil de fibras mistas, observou-se que esta cadeia é mais dinâmica, não existe exclusividade no fornecimento, e é fortemente influenciada pela moda. Seus produtos são commodities, na qual todas as empresas dispõem do conhecimento e materiais para a fabricação das roupas. Não se identificou nenhuma empresa que possua a governança na cadeia. O ambiente de negócios é mais competitivo do que Peru e as principais formas de transferência constatadas foram: a engenharia reversa, transferência de pessoal, a observação e comunicação dentro das relações interorganizacionais. Sendo os relacionamentos mais dinâmicos e influenciados pela moda, o principal fator limitante é a ausência de uma estrutura interorganizacional que favoreça a transferência de conhecimento e que afetam por sua vez o desenvolvimento da confiança.
Título en inglés
Knowledge transfer into a supply chain: a study within supply chains from Brazil and Peru.
Palabras clave en inglés
Knowledge transfer
Supply chain
Resumen en inglés
The study of knowledge transfer in the inter-organizational relationships within a supply chain put its focus on information flows over the efficiency gains. Although the efficient transfer of knowledge is seen like core for the success of the firm, most authors dont specify or test processes and mechanisms through which knowledge transfer takes place between organizations from a supply chain. Therefore, to understand the knowledge transfer within the chain, was defined the follow objective: to identify forms of knowledge transfer between participating companies from a supply chain and the factors that influence this process. By this way, were studied firms within a supply chain from the textile sector, one in Peru, the alpaca fiber textile chain and another in Brazil, a chain of mixed fibers (cotton and synthetic). On the theoretical basis, the main topics discussed are: a) forms of knowledge transfer on the basis of Argote et. al. (2000) grouping: movement of personnel, training, communication, observation, technology transfer, reverse engineering, routines and replication of best practices, interactions in inter-organizational networks b) Factors influencing transfer, based on Szulanskis (1996) grouping: features of knowledge, source, recipient and context. After literature review; a field work was enhanced using the methodology of in-depth interviews and using semi-structured questionnaires in firms from different links of the supply chain. Obtain the following results. In the case of the Peruvian textile chain of alpaca fiber, was verified that this chain is offering a unique and sparse good. It is well-structured, with supplier relationships as well established. Most companies in the chain belongs to the same group and was founded that the governance of the supply chain is in the spinning company, which in turn coordinates the main knowledge flows. The main form of knowledge transfer that occurs in the chain is the transfer of best practices; due to the fact the industry has its main customers abroad. By this way local businesses needs to improve all its processes to satisfy them. Also founded that, willingness to share knowledge is positive and that the main limiting in some cases were cultural differences among some agents. In Brazil, the textile supply chain, mixed fibers, was observed that this supply chain is more dynamic, there is no exclusivity in the provision, and is strongly influenced by fashion. Its products are commodities, in which all firms have the knowledge and materials in order to clothing manufacture. It was not identified any firm that maintains the governance over the supply chain. The business environment is more competitive than Peru and the main forms of transfer observed were: reverse engineering, transfer of personal observation and communication within inter-organizational relationships. Social relations are the most dynamic and influenced by fashion, the main limiting factor is the absence of a cross-organizational structure that fosters the transfer of knowledge and that in turn affect the development of trust.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2011-12-09
 
ADVERTENCIA: El material descrito abajo se refiere a los trabajos derivados de esta tesis o disertación. El contenido de estos documentos es responsabilidad del autor de la tesis o disertación.
  • VILLANUEVA-LLAPA, A. D., NAKANO, D. N., y MEDINA, J. C. Factores que influencian la transferencia de conocimiento inter-organizacional. Caso: cadena de suministros. Espacios (Caracas) [online], 2011, vol. 32, p. 2. Disponible en Internet: http://www.revistaespacios.com/.
  • NAKANO, D. N., and VILLANUEVA-LLAPA, A. D. Learning and Knowledge in Supply Chains: a Literature Review. In Euroepan Operations Management Association Conference, Ankara, 2007. EurOMA 2007 Conference Proceedings.Ankara : EurOMA/Bilkent University, 2007.
  • VILLANUEVA-LLAPA, A. D., e NAKANO, D. N. Estructuras de Poder y Transferencia de Conocimiento dentro de la Cadena de Suministros. In XXXI Encontro nacional de Engenharia de Produção e XVII ICIEOM, Belo Horizonte, 2011. Inovação TEcnológica e Propriedade Intelectual.Rio de Janeiro : ABEPRO/PUC Minas, 2011.
  • VILLANUEVA-LLAPA, A. D., y NAKANO, D. N. Formas de transferencia de conocimiento en las relaciones inter-organizacionales. In XV International Conference on Industrial Engineering and Operations Management, Salvador, 2009. The Industrial Engineering and the Sustentable Development.Rio de Janeiro : ABEPRO, 2009.
  • VILLANUEVA-LLAPA, A. D., y NAKANO, D. N. La transferencia de información y conocimiento dentro de una cadena textil de fibra de alpaca en Perú. In XIV International Conference on Industrial Engineering and Operations Management, Rio de Janeiro, 2008. XIV International Conference on Industrial Engineering and Operations Management.Rio de Janeiro : ABEPRO, 2008.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2019. Todos los derechos reservados.