• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.27.2013.tde-13092013-112643
Documento
Autor
Nome completo
Marcos Leandro Kurtinaitis Fernandes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Machado Neto, Arlindo Ribeiro (Presidente)
Ferreira, Carolin Overhoff
Mourão, Maria Dora Genis
Título em português
Found footage em tempo de remix: cinema de apropriação e montagem como metacrítica cultural e sua ocorrência no Brasil
Palavras-chave em português
Documentário
Eduardo Coutinho
Experimental
Jean-Claude Bernardet
Montagem cinematográfica
Resumo em português
A pesquisa tem por objetivo evidenciar de que maneira a criação artística baseada exclusivamente em apropriação e montagem de registros pré-existentes de imagem e som pode ser considerada, simultaneamente, uma forma expressiva autônoma e um instrumento de crítica cultural, bem como a ocorrência dessa prática na produção audiovisual brasileira. Trata-se de uma investigação histórica, teórica e crítica dos conceitos e práticas de found footage e remix e sua presença no Brasil, que os apresenta legitimados enquanto proposta estética e dimensionados na amplitude de suas manifestações. Toma como fundamentação teórica da investigação as contribuições de Jay Leyda e de William C. Wees ao estudo dos filmes de compilação e de found footage e também teorizações mais amplas a respeito do remix como categoria da produção cultural e forma de expressão artística contemporâneas, tais como as realizadas por Lawrence Lessig e Eduardo Navas. Preliminarmente, a dissertação apresenta um levantamento dos antecedentes históricos da técnica e de suas inúmeras aplicações nos mais diversos gêneros e formatos da produção audiovisual, na qual é particularizada em termos de autores e obras em que se faz presente, com especial atenção ao cinema brasileiro. Segue-se um ensaio sobre seu uso como forma de mediação crítica da produção audiovisual no contexto sociocultural e patamar tecnológico atuais. Afinal, acaba reconhecendo como manifestações de pura metacrítica audiovisual no Brasil duas obras em que essa característica é proeminente e determinante na enunciação do discurso: São Paulo, sinfonia e cacofonia, de Jean-Claude Bernardet (1995) e Um dia na vida, de Eduardo Coutinho (2010). Esses dois exemplos da cinematografia brasileira são então descritos e comentados de maneira que revela como exploram as possibilidades narrativas, poéticas e metacríticas da montagem de material audiovisual alheio.
Título em inglês
Found footage in the time of remix: cinema of appropriation and montage as cultural metacriticism and its occurrence in Brazil
Palavras-chave em inglês
Documentary
Eduardo Coutinho
Experimental
Film editing
Jean-Claude Bernardet
Resumo em inglês
The research aims to show how the artistic creation based solely on appropriation and montage of pre-existing images and sounds can be considered both an autonomous form of expression and an instrument of cultural criticism, as well as the occurrence of this practice the Brazilian audiovisual production. It is a historical, theoretical and critical investigation on found footage and remix and its presence in Brazil, in which such concepts and practices are legitimized as aesthetic proposal and measured in terms of range of their manifestations. The research takes its theoretical guidelines from the contributions of Jay Leyda and William C. Wees to the study of compilation films and found footage and also from broader theories about remix as a contemporary category of cultural production and form of artistic expression, such as those conducted by Lawrence Lessig and Eduardo Navas. Preliminarily, the paper presents a survey of the historical background and numerous applications of the technique in the most diverse genres and formats of audiovisual production, particularized in terms of authors and works that make use of it, with special attention to its presence in Brazilian cinema. Such exposition is followed by an essay on its use as a form of critical mediation of audiovisual production in the present social and cultural context and current technological level. Two Brazilian films are presented as manifestations of pure audiovisual metacriticism in which this characteristic is prominent and featured fundamentally and decisively in their discourse: São Paulo, sinfonia e cacofonia (São Paulo, symphony and cacophony), by Jean-Claude Bernardet (1995) and Um dia na vida (A day in the life), by Eduardo Coutinho (2010). These two examples pulled from Brazilian cinematography are then described and discussed in a way that reveals how they explore the narrative, poetic and metacritical possibilities of found footage montage.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-09-13
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.