• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.27.2011.tde-12032013-161611
Documento
Autor
Nome completo
Thaís Helena de Camargo Barros
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Schwartz, Gilson (Presidente)
Bucci, Eugênio
Mrech, Leny Magalhaes
Título em português
Tecnologias da informação e comunicação (TICs) na educação: professores - mediadores - mentores
Palavras-chave em português
cibercultura
educomunicação
Mentoring
professor
psicanálise. audiovisual
TICs
Resumo em português
Esta Dissertação tem como objetivo geral analisar a relação professor - aluno na cultura digital, identificando os possíveis lugares que o professor passa a ocupar neste contexto no qual os laços sociais vêm sendo re-configurados. No mundo globalizado, ou pós-moderno, a criação de conhecimento adquire lugar central na estrutura social e cultural e, em particular, nas instituições, com destaque para empresas e escolas. Novas maneiras de produzir, aprender, ensinar, consumir e relacionar-se têm sido permanentemente criadas. Um mundo em transformação no qual a inserção das tecnologias da informação e comunicação (TICs) é intensa, porém, não é o centro da discussão, como muitas vezes se afirma - ou critica - mas coloca o questionamento sobre como as pessoas incorporam esse novo modo de interação para sustentar tais mudanças. Os processos de aprendizagem ganham um destaque que se reflete em investimentos para gerar cenários que incentivem o conhecimento e a inovação e se apropriam cada vez mais de mídias audiovisuais que proporcionam ações pedagógicas mais criativas e amplas. Nas empresas a gestão de pessoas adquire maior complexidade, especialmente no aprimoramento dos processos de educação corporativa. Paralelamente, nas escolas a preparação para o mercado de trabalho é potencializada. A aproximação entre estes universos, adotada na presente pesquisa, tem caráter inovador, e provocador, na medida em que propõe a reflexão sobre a Educação - e mais especificamente a escola - na perspectiva da cultura organizacional, e não sob a ótica das teorias e práticas pedagógicas. Tal abordagem buscou sustentação teórica nos campos da Educomunicação, da Economia da Informação e da Psicanálise. Um dos princípios que norteia o estudo é o conceito de mentoring, processo que visa inspirar e provocar as pessoas na direção do desenvolvimento de suas potencialidades; sustentado pela troca, sem hierarquização de saberes, valoriza o aprendizado, a experimentação e a criação do conhecimento. Inserido desde o século XVIII no ambiente educacional, foi incorporado pelas empresas no século XX. Para discutir o lugar que o professor ocupa na cibercultura recorremos ao princípio de semblante, presente na psicanálise lacaniana, que fala da maneira pela qual o sujeito se mostra; aparência de que lança mão na tessitura do laço social. O estudo desdobrou-se em uma pesquisa de campo realizada em escolas da rede pública do Estado de São Paulo, através de observações do cotidiano das instituições e entrevistas em profundidade realizadas com professores e alunos. A pesquisa possibilitou constatar que a inserção das TICs nas escolas da rede pública está fortemente voltada à realização de atividades básicas, muitas delas, de gestão, e ocorre de maneira pontual. A questão relacional mantém-se no centro das atenções, e das expectativas, tanto de professores quanto de alunos. No cenário da cultura digital, o professor ainda se vê - e é visto - a partir do modelo há tempos estabelecido. Resultados que apontam para a importância da reflexão sobre os usos das TICs e, sobretudo, sobre possibilidades e necessidades de investimentos na formação de gestores e professores.
Título em inglês
Information and communication technologies (ICT) in education: teachers - mediators - mentors
Palavras-chave em inglês
audiovisual
cyberculture
educommunication
ICTs
Mentoring
psychoanalysis
teacher
Resumo em inglês
The overall objective of this dissertation is to analyze the teacher/student relationship in the digital culture, identifying the possible roles teachers are beginning to play in this context where social bonds are being reconfigured. In the globalized or post-modern world, the creation of knowledge has acquired a major place in the social and cultural structure, especially in institutions, among which companies and schools prevail. New ways of producing, learning, teaching, consuming and relating are being constantly created. A world undergoing transformation, in which the inclusion of Information and Communication Technologies (ICTs) is intense, however, is not at the center of discussions, as many times stated--or criticized. The question here is how people incorporate this new way of interacting to sustain such changes. Learning processes have won a distinct notability. This is reflected in investments to generate scenarios that stimulate knowledge and innovation and increasingly make use of audiovisual media, which provides for more creative and encompassing pedagogical actions. In companies, people management is becoming more complex, especially when it comes to corporate education processes. At the same time, at schools, the training for the job market is being potentialized. The approximation of these two universes, adopted in this research, has an innovative and provoking character to the extent that it proposes a reflection about Education--more specifically about school--under the perspective of the organizational culture, and not under the point of view of pedagogical theories and practices. This approach relied on theoretical bases in the fields of Educommunication, Information Economics and Psychoanalysis. One of the principles that guide the study is the concept of mentoring, a process which aims at inspiring and prompting people to develop their potentials. It is sustained by exchange with no hierarchization of knowledge, and values learning, experimenting and creating knowledge. Inserted into the educational environment back in the 18th century, this concept was incorporated by companies in the 20th century. In order to discuss the role of teachers in cyberculture, we based ourselves on the principle of likeness, present in lacanian psychoanalysis. This precept addresses how individuals show themselves, an appearance on which they rely when weaving social bonds. The study unfolded into a field research developed at public schools of the State of São Paulo, which observed the everyday life of the institutions, and conducted in-depth interviews with teachers and students. The research allowed verifying that the inclusion of ICTs at the schools of the public system frequently includes basic activities, many of which related to management, and occurs sporadically. The issue of relationship remains the center of attention, being some of the highest expectations of both teachers and students. In the scenario of digital culture, teachers still see themselves--and are seen--from the perspective of the long-established model. We obtained results that point at the importance of reflecting about the uses of ICTs, and, above all, the possibilities and the necessity of investing in the training of managers and teachers.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-03-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.